O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Por dentro das estranhas vidas pessoais de arquitetos famosos

Por dentro das estranhas vidas pessoais de arquitetos famosos

  • 15:00 - 17 Junho, 2017
  • por
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Por dentro das estranhas vidas pessoais de arquitetos famosos
Por dentro das estranhas vidas pessoais de arquitetos famosos , Da esquerda: © Robert C. Lautman; <a href='http://https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Alvar_Aalto1.jpg'>via Wikimedia</a> (public domain); Photograph by Al Ravenna <a href='http://https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Frank_Lloyd_Wright_portrait.jpg'>via Wikimedia</a> (domínio público)
Da esquerda: © Robert C. Lautman; via Wikimedia (public domain); Photograph by Al Ravenna via Wikimedia (domínio público)

Os arquitetos famosos são muitas vezes vistos mais como enigmas do que como pessoas mas, mesmo assim, os maiores nomes escondem escândalos e tragédias da vida cotidiana. Como celebridades, muitos dos mais famosos arquitetos do mundo enfrentaram rumores e, até hoje, há dúvidas sobre a verdade de alguns de seus assuntos particulares. Clientes e colegas que frequentavam seus estúdios puderam ver um pouco de suas vidas pessoais, mas, às vezes, a força da personalidade que muitas vezes vem com gênio criativo impede uma percepção mais detalhada. No entanto, o fato é que a vida desses arquitetos era mais do que a soma dos seus edifícios.

1. Alvar Aalto

Adaptado de imagens <a href='http://https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Alvar_Aalto1.jpg'>via Wikimedia</a> (domínio público)
Adaptado de imagens via Wikimedia (domínio público)

Com base em alguns relatos daqueles que trabalharam com Aalto, o arquiteto finlandês era bastante difícil de lidar. O desagrado foi aumentando também pelo consumo frequente de álcool o que, segundo ele, aumentava sua habilidade criativa e artística. Seus subordinados continuaram obedecendo-o e toleravam o consumo no escritório, talvez pensando que Aalto tinha pelo menos o talento para justificar a personalidade.

2. Mies van der Rohe

Adaptado de imagens © Victor Grigas
Adaptado de imagens © Victor Grigas

Talvez a casa mais famosa de Mies van der Rohe, a Casa Farnsworth também seja fonte de rumores e controvérsias consideráveis. Havia um relacionamento romântico em jogo ou a casa era apenas um peso para se viver? O que sabemos com certeza é que Edith Farnsworth e Mies trocaram processos judiciais e que a Dra. Farnsworth estava profundamente insatisfeito com sua transação. Independentemente da história ser ou não sobre a rejeição de amante ou um arquiteto priorizando seus ideais de design sobre o cliente, o resultado final é uma representação desfavorável do arquiteto pioneiro.

3. Le Corbusier & Eileen Gray

Adaptado de imagens (Da esquerda): <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Eileen_Gray.jpg'>via Wikimedia</a> (public domain); © <a href='https://www.flickr.com/photos/27608953@N06/3200164455'>Flickr user Susleriel</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/'>CC BY-SA 2.0</a>.
Adaptado de imagens (Da esquerda): via Wikimedia (public domain); © Flickr user Susleriel licensed under CC BY-SA 2.0.

A próxima história é sobre dois arquitetos cujas vidas se interceptaram através de seu trabalho. E-1027 é uma casa projetada pela arquiteta Eileen Gray para seu amante na época, Jean Badovici. Depois que seu relacionamento terminou, Badovici permaneceu na casa e ocasionalmente foi visitado por seu amigo Le Corbusier. Enquanto hospedado na E-1027, o arquiteto decidiu pintar (às vezes, nu) grandes murais coloridos nas paredes brancas da casa. Embora possamos concordar que Le Corbusier abusaria da hospedagem, Eileen Gray, sem surpresa, ofendeu-se mais profundamente com suas ações. Existe a possibilidade de que Le Corbusier desfigurou o trabalho de Gray como um espetáculo de admiração equivocada, mas a maioria acredita que ele foi motivado pelo ciúme e talvez pela misoginia e queria de alguma forma tirar a conquista de Gray, tornando-a sua.

4. Louis Kahn

Adaptado de imagens © Robert C. Lautman
Adaptado de imagens © Robert C. Lautman

Como documentado no filme My Architec feito pelo seu próprio filho, Louis Kahn teve uma complicada vida pessoal para dizer o mínimo. Nathaniel Kahn é um dos três filhos de Louis Kahn, que têm três mães diferentes. Mais notável é o fato de que Kahn manteve cada uma de suas três famílias sem saber das outras. Seu primeiro filho nasceu dentro do casamento, sua segunda filha era com Anne Tyng e a mãe de Nathaniel, Harriet Pattison, era outra amante de Kahn. Quando Kahn morreu ele deixou para trás três famílias, nenhuma delas consciente da existência das outras.

5. Frank Lloyd Wright

Da esquerda: Fotografia por Al Ravenna <a href='http://https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Frank_Lloyd_Wright_portrait.jpg'>via Wikimedia</a> (domínio público); © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Looking_at_Taliesin_from_Hill_Crown.jpg'>Wikimedia user MaryKieran</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/deed.en'>CC BY-SA 3.0</a>; <a href='http://https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Mamah_Borthwick_-_newspaper_1911.jpg'>via Wikimedia</a> (domínio público)
Da esquerda: Fotografia por Al Ravenna via Wikimedia (domínio público); © Wikimedia user MaryKieran licensed under CC BY-SA 3.0; via Wikimedia (domínio público)

Esse conto de Frank Lloyd Wright começa com o escândalo e termina em tragédia. Poucos anos depois de que Mamah Borthwick e seu marido, Edwin Cheney, encomendassem uma casa de Frank Lloyd Wright, ambos Wright e Borthwick, deixaram suas famílias e filhos para ficarem juntos. Seu relacionamento gerou publicidade negativa para Wright, bem como a agressão de repórteres em direção a Mamah, levando Wright a construir a Taliesin como uma casa isolada para os dois. No entanto, uma tragédia atingiu Taliesin em 1914 enquanto Wright estava ausente, em viagem a Chicago, e Mamah estava em casa com as duas crianças que ela tinha com Edwin. Julian Carlton, um empregado doméstico instável que havia recentemente sido demitido, conspirou para matar os moradores de Taliesin antes de partir. Em um episódio horrível que envolveu machados e fogo, Mamah e seus dois filhos foram mortos, juntamente com a maioria dos funcionários da casa. O assassino foi capturado e morreu na prisão antes que seu caso pudesse ser julgado. Não surpreendentemente, Wright ficou profundamente perturbado pelo ataque, com alguns historiadores atribuindo até mesmo uma mudança em sua filosofia de projeto a partir do evento: como observado no livro de William R Drennan, em 2007, Death in a Prairie House, os assassinatos coincidiram com o fim do estilo da pradaria de Wright.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Megan Fowler
Autor
Cita: Fowler, Megan. "Por dentro das estranhas vidas pessoais de arquitetos famosos " [Inside the Bizarre Personal Lives of Famous Architects] 17 Jun 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/873421/por-dentro-das-estranhas-vidas-pessoais-de-arquitetos-famosos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.