O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. “Literature vs Traffic”: Os livros tomam conta da rua

“Literature vs Traffic”: Os livros tomam conta da rua

“Literature vs Traffic”: Os livros tomam conta da rua
“Literature vs Traffic”: Os livros tomam conta da rua, via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Em junho deste ano, o coletivo espanhol Luz Interruptus criou a intervenção urbana “Literature versus Traffic”, que consistia em instalar mais de 10.000 livros iluminados com luzes de LED nas ruas de Melbourne. O setor escolhido foi Federation Square, um centro cívico e cultural da cidade australiana que cedeu algumas de suas escadas e uma pista de rolagem da Flinders Street, uma das ruas mais movimentadas do lugar.

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Os livros foram previamente recolhidos pelo Coletivo a partir de doações que bibliotecários consideravam obsoletos e em mau estado. Contudo, uma vez finalizada a exibição, os assistentes não opinaram o mesmo, já que muito felizes puderam eleger um texto e receber-lo como presente por parte da organização.

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Para que os livros não perdessem seu aspecto original, o Coletivo os remodelou antes os instalar na rua, para que durante a mostra, os pedestres pudessem escolher um livro e o ler livremente, convertendo a intervenção em uma verdadeira sala de leitura ao ar livre.

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

“Literature versus Traffic” foi enquadrado no festival “ Light and Winter” que se realiza todos os anos no inverno de Melbourne. Em sua versão de 2012 foi denominado de  “Reading”, pois todas as exposições giraram em torno do tema da leitura como uma maneira de demonstrar que esta se apoderava da cidade e para gerar consciência dos benefícios educacionais que oferece.

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Durante o mês que estava exposta, dezenas de artistas de rua realizaram suas performances em torno dos livros, o que chamou a atenção dos motoristas e pedestres. Além disso, a intervenção foi utilizada como cenário duma mostra que dança chamada “Walking Through Words”, onde os artistas emergiam dos livros. A última noite da exposição, nove bailarinos de rua do grupo de Yumi realizaram uma dança improvisada e que concluiu com a entrega de um livro para cada motorista que circulava pelo lugar.Durante o mês que estava exposta, dezenas de artistas de rua realizaram suas performances em torno dos livros, o que chamou a atenção dos motoristas e pedestres. Além disso, a intervenção foi utilizada como cenário duma mostra que dança chamada “Walking Through Words”, onde os artistas emergiam dos livros. A última noite da exposição, nove bailarinos de rua do grupo de Yumi realizaram uma dança improvisada e que concluiu com a entrega de um livro para cada motorista que circulava pelo lugar.

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Até julho, Fred Square se transformou numa improvisada biblioteca que os pedestres podiam pegar um livro e lê-lo livremente pelo tempo que queriam. Como o “rio de livros” - como foi chamado pelo coletivo organizador – esteve disponível durante as 24 horas de todos os dias,os pedestres podiam inclusive caminhar entre os livros para ler o que mais lhe chamara a atenção. 

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Durante a seleção de livros, Luz Interruptus destacou que não entendiam porque algums exemplares foram descartados, tendo em vista que seu conteúdo era apreciado como algo novo para aqueles que ainda não o leram. 

via Plataforma Urbana
via Plataforma Urbana

Com esta intervenção, milhares de livros que estavam esquecidos e em más condições puderam ser valorizados por aqueles que fizeram parte deste festival urbano.

Sobre este autor
Fernanda Britto
Autor
Cita: Fernanda Britto. "“Literature vs Traffic”: Os livros tomam conta da rua" 14 Dez 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/83492/literature-vs-traffic-os-livros-tomam-conta-da-rua> ISSN 0719-8906