Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Materials

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE AUTOR

O que é design de interiores (e por que ele realmente pode fazer você se sentir melhor)?

Se um estilo de música não lhe agrada, você fica entediado no teatro ou não se sente atraído por obras de arte, você quase sempre pode evitá-los. Com arquitetura é diferente. Um projeto mal pensado afetará a vida de muitas pessoas e por muito tempo. Nos interiores isso é ainda mais amplificado, uma vez que a humanidade tem passado cada vez mais tempo em ambientes internos e isso impacta diretamente no nosso bem-estar e saúde. Em períodos de recolhimento obrigatório, como na pandemia atual da Covid-19, temos a noção do quão importantes são os espaços interiores para o nosso bem-estar e, até mesmo, para a prevenção de doenças. Projetar um ambiente interno é de uma responsabilidade enorme para um profissional. Um designer de interiores é alguém que planeja, pesquisa, coordena e gerencia esses projetos de aprimoramento do interior de um edifício para obter um ambiente mais saudável e esteticamente agradável para as pessoas que usam o espaço. Mas o que é, de fato, Design de Interiores?

Appartement Spectral / BETILLON / DORVAL‐BORY. Image Courtesy of BETILLON / DORVAL‐BORY The Enchanted Shed & Leopold House / Franz&Sue. Image © Andreas Buchberger Oficina do Arquiteto / Ruetemple. Image © Ruetemple Hey! A Lovely Tiny Space / A'Lentil Design. Image Courtesy of A'Lentil Design + 19

Como foi projetada a fachada ventilada do 'Museu Casa de la Memoria' em Medellín

O Museu Casa de la Memoria está localizado no distrito de Boston em Medellín e foi desenvolvido em comemoração aos 200 anos de independência da Colômbia. Liderado por Juan David Botero, como coordenador da equipe de design, o projeto foi concebido desde o início como um edifício reconhecível para a comunidade e visitantes, assumindo sua forma plástica de habitações de duas águas tradicionais. "É um museu para vítimas de violência e, como tal, tivemos que torná-lo um espaço para tudo; uma casa, a casa onde a memória ganha vida", diz Botero.

O equipamento cultural de 3.800 m² inclui salas de exposições, oficinas, arquivos, escritórios e um auditório. Sua envoltória funciona como uma pele dobrada, incorporando uma câmara de ar que absorve o ar frio, o injeta pela fachada e o expele como ar quente na parte superior. Este efeito chaminé permite controlar os 30ºC de temperatura, típica da região no verão, garantindo uma temperatura interna estável e confortável. Vamos revisar em detalhes essa solução térmica e acústica.

via Centrodemedellin.co © Isaac Ramírez Marín © Isaac Ramírez Marín © Jonathan Hernández / ESPACIO + 10

Como escolher a melhor opção de brise-soleil para seu projeto

Com climas cada vez mais extremos em todo o mundo, brises-soleil e revestimentos perfurados são opções eficazes para criar uma segunda pele nas fachadas de nossos projetos, protegendo seus interiores e criando ambientes especiais ao lidar com luz e sombra.

Cada orientação de edifício e fachada exige soluções diferentes - fixas, móveis e de materiais diferentes -, mas existem algumas recomendações gerais que podem nos ajudar a escolher a solução certa. Conversamos com os especialistas da Hunter Douglas para conhecer as considerações mais importantes.

Flat Screen. Image Cortesia de Hunter Douglas Single Skin GeoClad. Image Cortesia de Hunter Douglas Woodbrise. Image Cortesia de Hunter Douglas Stripscreen. Image Cortesia de Hunter Douglas + 30

Esquadrias minimalistas com perfis de aço de alta rigidez: máxima transparência e desenho sutil

Após séculos utilizando a madeira para o desenvolvimento de carpintaria de janelas e portas, o racionalismo do século XX começou a adotar um novo material para esses fins: o aço. Impulsionado pela produção industrial e promovido por arquitetos como Adolf Loos, Mies van der Rohe e Le Corbusier, o aço evoluiu para gerar estruturas cada vez mais finas e resistentes. No entanto, materiais eficientes e de baixo custo, como alumínio e PVC, começaram gradualmente a substituir seu uso maciço, aumentando a dimensão dos marcos e removendo a "limpeza" de uma arquitetura que começou a integrar grandes painéis de vidro em suas fachadas. .

Atualmente, as novas tecnologias aprimoram seus processos de produção, desenvolvendo perfis mínimos de alta rigidez e precisão, que aproveitam ao máximo a transparência do vidro e oferecem novos recursos de conforto e segurança. Conversamos com os especialistas da empresa Jansen para aprofundar sua aplicação na arquitetura contemporânea.

LocHal Library / CIVIC architects + Braaksma & Roos architectenbureau + Inside Outside + Mecanoo. Image © Stijn Bollaert Museo Bauhaus Dessau / Addenda Architects. Image © Thomas Meyer Cortesía de Jansen Futurium Berlin / Richter Musikowski. Image © Schnepp Renou + 30

Estamos procurando materiais e produtos para construir cidades melhores

Materiais, produtos e sistemas construtivos estão em constante evolução e seguem novas tecnologias, descobertas e tendências de mercado. No âmbito do nosso tópico de outubro, “Inovação”, nos perguntamos: que produtos ou materiais poderíamos usar para que nossos projetos façam contribuições relevantes para a maneira como estamos habitando nosso planeta?

Além da estética, forros podem melhorar o conforto dos ocupantes e o desempenho acústico

Os forros oferecem uma oportunidade para design criativo e integração técnica. Eles desempenham um papel fundamental na criação de espaços interiores e agregam valor somando conforto por meio de acústica, acabamentos e outras soluções integradas às intenções do projeto. Do projeto estrutural ao conforto geral do espaço, são um aspecto fundamental de qualquer projeto arquitetônico.

© Studiothomas © Halkin Mason Photography LLC GGP, Chicago, IL, Architect: Archideas. Image © Eric Laignel Hyatt Global Headquarters / Gensler. Image © Rafael Gamo Studio LLC + 11

O que é exatamente uma fachada translúcida de policarbonato?

As fachadas translúcidas são painéis leves usados nos exteriores de edifícios, protegendo-os de intempéries climáticas, umidade e erosão. Sua composição de microcélulas de policarbonato fornece uma luz suave e naturalmente difusa, com uma ampla gama de cores, brilho e opacidades disponíveis.

Ao fixá-las no lugar, com juntas ocultas, é possível ocultar elementos de construção desagradáveis e ajudar a proteger as pessoas dos raios UV prejudiciais, garantindo também a condução térmica máxima. Os indivíduos que os utilizam perceberão uma redução nas contas de energia uma vez que a luz natural do sol poderá aquecer e iluminar edifícios, criando condições ambientais internas muito atraentes para diferentes usos.

MZ Kitchen / QdL Arquitectos. Image © María González Nathalie Mauclair Gymnasium / Schemaa. Image © David Foessel Nathalie Mauclair Gymnasium / Schemaa. Image © David Foessel Option Coffee Bar / TOUCH Architect. Image © Metipat Prommomate + 25

Como calcular a quantidade de papel de parede para revestir um ambiente

Uma vez terminada a obra pesada, é a hora de instalar os revestimentos que formarão as faces visíveis nos espaços internos. Papéis de parede podem ser uma opção eficiente para dar cor e design aos espaços, especificados de acordo com os metros quadrados que queremos cobrir. Para iniciar, devemos calcular a área de cada superfície com grande precisão.

Como conseguir um bom concreto aparente?

Nossos parceiros da Melón compartilharam conosco um material interessante relacionado com execução, concretagem e posterior cuidado das paredes de concreto aparente.

Ao executar uma obra em concreto aparente, sua tonalidade e textura final não dependerão apenas do tipo de moldagem e desmoldante utilizado ou da qualidade da vibração, mas também do tempo de desmolde, a cura e toda a mão de obra envolvida. Para obter um resultado satisfatório é essencial realizar uma “amostra real” in loco antes de executar a concretagem, para observar o funcionamento dos materiais e os procedimentos a serem utilizados.

Para entender mais, revise o processo detalhado a seguir.

Cortesía de Melón Cortesía de Melón Cortesía de Melón Cortesía de Melón + 12

Orgânica, leve e resistente: A tecnologia dos termofixos para arquitetura

Criado inicialmente para fins aeroespaciais, os materiais baseados em tecnologia avançada de termofixos reforçados com fibras estão sendo cada vez mais considerados não apenas para fabricar elementos específicos de construção, mas também para mudar a forma como os edifícios são concebidos, projetados e construídos. Apesar de serem incrivelmente resistentes - quase seis vezes mais fortes que o aço - os materiais reforçados com fibras são leves e fáceis de manusear, permitindo a criação de projetos arquitetônicos complexos, mas eficientes.

Conversamos com especialistas da ShapeShift, os criadores do produto ShapeShell, para aprofundar nossa compreensão dessa tecnologia e aprender mais sobre como podemos aproveitar suas possibilidades em nossos futuros projetos.

Courtesy of Shapeshell Victorian Comprehensive Cancer Care Hospital (VCCC) / STHDI+MCR. Image Courtesy of Shapeshell RMIT / ARM (Ashton Raggatt McDougall). Image Courtesy of Shapeshell Parklands Disk, Commonwealth Games Village 2018 / ARM (Ashton Raggatt McDougall). Image Courtesy of Shapeshell + 22

Peças de banheiro projetadas por arquitetos: TONO por Foster+Partners

Fundado por Norman Foster em 1967, o estúdio Foster+Partners desenvolve projetos que integram arquitetura e engenharia com design de interiores e de objetos. Numa colaboração especial com a Porcelanosa - especialistas na fabricação de móveis e acessórios em pedra, cerâmica, latão, madeira e KRION® -, projetaram uma coleção de peças de banheiro de formas simples e minimalistas, destacando a honestidade dos materiais e o ofício de sua fabricação.

A coleção foi denominada TONO e os seus objetos podem ser misturados e adaptados a diferentes tipologias, desde interiores residenciais a espaços comerciais e escritórios.

Cortesía de Porcelanosa Group Cortesía de Porcelanosa Group Cortesía de Porcelanosa Group Cortesía de Porcelanosa Group + 32

Conselhos úteis para projetar fachadas ventiladas com porcelanato de 3,5 mm

A fachada ventilada é uma solução construtiva perimetral que considera um duplo fechamento distanciado um do outro por meio de uma estrutura de suporte, gerando uma câmara de ar que permite a sua ventilação. Esta operação cria o chamado efeito chaminé, que ativa as correntes de ar por convecção, melhorando o isolamento acústico e térmico do edifício e aumentando sua eficiência energética.

Devido à sua natureza e fabricação de prensagem laminada, o porcelanato de 3,5 mm é uma excelente escolha para revestimentos de fachadas ventiladas. Sua alta resistência às intempéries, estabilidade dimensional e leveza reduzem os requisitos da estrutura de suporte. Pesa 3 vezes menos que um porcelanato tradicional e permite grandes formatos, até 3,6 metros, reduzindo o número de juntas. Também oferece alta estabilidade de cor, resistência a impactos e baixa manutenção ao longo do tempo.

Cortesía de CHC Cortesía de Grespania Cortesía de Grespania Cortesía de CHC + 29

Por que é conveniente 'envolver' a arquitetura com Zinco?

Material leve por excelência, o Zinco é um metal não ferroso que fornece uma solução eficaz para revestimento de edifícios expostos a condições climáticas adversas, fornecendo respostas criativas às exigências do especificador e dos usuários do projeto.

Quando em contato com a umidade, os painéis de zinco geram uma camada que permite a autoproteção, isolando o calor dos espaços internos durante o verão e respondendo corretamente à chuva e à neve durante o inverno, deslizando facilmente suas superfícies. Seus painéis modulares podem 'envolver' formas curvas ou serem perfurados de acordo com o projeto arquitetônico, e combinar-se em fachadas e / ou tetos através de diferentes tons, brilho e cores.

Legacy ER Allen / 5G Studio Collaborative. Manufactured by MetalTech-USA. Image © Michael Moran/OTTO The House on the Cliff / GilBartolome Architects. Manufactured by elZinc. Image © Jesús Granada The Alchemist / Reid Architects. Manufactured by elZinc. Image Cortesía de elZinc Stade De Soccer de Montréal / Saucier + Perrotte architectes + Hughes Condon Marler Architects. Manufactured by elZinc. Image © Olivier Blouin + 19

30 banheiros abertos: incorporando brisa e natureza no espaço privado

O espaço privado é geralmente associado a esconder o que acontece dentro, permitindo que as pessoas tenham certos momentos de intimidade. Habitualmente, banheiros foram concebidos para este fim, reduzindo as aberturas a um mínimo ou - por vezes - eliminando-as completamente.

No entanto, sendo um espaço tão importante dentro de um edifício, os banheiros se tornaram um objeto de nova exploração para os arquitetos. Desfocando os limites da privacidade - sem perder completamente - esses espaços estão abertos para o exterior, permitindo a entrada da brisa. Como esta nova experiência é percebida? Confira 30 banheiros abertos que brincam com o sentimento de exibicionismo, sem revelar completamente o que está acontecendo dentro.

© Sean Fennessy © Luis Gordoa © Shannon McGrath TreeVilla at Forest Hills / Architecture BRIO. Image © Photographix + 37

Como reciclar o poliestireno expandido (EPS) para convertê-lo em tintas

O Poliestireno expandido -também conhecido como isopor- é um material plástico amplamente utilizado na indústria da construção, principalmente para isolamento térmico (e em alguns casos, acústica) das envoltórias das edificações.

O vidro na arquitetura comercial: Textura, Brilho e Cor

Hoje em dia, novas tecnologias para o tratamento de vidro proporcionam novas maneiras de usar este material na arquitetura. Aplicados internamente, especificamente em espaços comerciais, o vidro em suas diferentes texturas, cores, acabamentos e níveis de transparência pode permitir a visão desobstruída de certos produtos, ocultar áreas privadas sem bloquear a passagem da luz e atrair a atenção dos clientes para pontos focais, entre muitos outros usos.

Analise, abaixo, uma seleção de aplicações em projetos comerciais.

Estruturas de sombra: 6 dicas para incorporar ao seu próximo projeto

Em todo projeto arquitetônico de sucesso, é essencial fornecer aos usuários um espaço confortável ao ar livre. Em qualquer época do ano, estruturas modulares de sombra podem criar espaços que protegem do vento, poeira, sol, chuva, neve e ruídos de uma forma leve, flexível e esteticamente agradável.

Com isso em mente, o que devemos procurar ao escolher estruturas de sombra para espaços ao ar livre? Abaixo, fornecemos as principais recomendações da Superior Recreational Products.

Seabrook Island. Image Courtesy of Superior Recreational Products University of West Georgia. Image Courtesy of Superior Recreational Products City of Cumming, Recreation & Parks Department. Image Courtesy of Superior Recreational Products Milwaukee County Zoo. Image Courtesy of Superior Recreational Products + 33