Ladrilhos hidráulicos: Como são fabricados e quais as possibilidades de desenho?

Ladrilhos hidráulicos: Como são fabricados e quais as possibilidades de desenho?

Ladrilhos hidráulicos são revestimentos produzidos de forma completamente artesanal, com matéria prima à base de cimento. Trata-se de uma opção bastante versátil pois ele é frequentemente utilizado em áreas públicas, como praças e calçadas; mas também pode ser utilizado em áreas específicas como bordas de piscinas e/ou rampas de estacionamento, por exemplo. Também se faz cada vez mais presente como revestimento de interiores residenciais de alto padrão aplicado como revestimento de piso, parede ou até mesmo de mobiliários. Isso se deve ao seu alto poder de personalização de cores e modelos, conferindo unidade e exclusividade à cada projeto. 

Apartamento Pompeia / Estúdio DEIXA. Image © Paul BessaApartamento Bella / Casulo. Image © Joana FrançaCasa Brooklin / Gema Arquitetura. Image © Luis GomesApartamento AMRA7 / Piratininga Arquitetos Associados + Bruno Rossi Arquitetos. Image © Nelson Kon+ 22

Apartamento Joaquim Antunes 149 / Metro Arquitetos Associados. Image © Ilana Bessler
Apartamento Joaquim Antunes 149 / Metro Arquitetos Associados. Image © Ilana Bessler

Vantagens e características        

  • Resistência: é um revestimento que possui alta resistência ao impacto;
  • Diversidade: muitas possibilidades de padrões gráficos, permitindo a personalização dos ambientes, inclusive a composição dos ladrilhos com outros materiais. Por serem peças exclusivas, é possível também personalizar suas cores, que, quando impermeabilizadas adequadamente, mantêm-se intactas por anos. Para projetar de forma certeira, é possível simular sua colocação, o padrão e as cores dos ladrilhos hidráulicos em seu projeto.

Apartamento Bella / Casulo. Image © Joana França
Apartamento Bella / Casulo. Image © Joana França

  • Exclusividade: o mesmo desenho, dependendo da posição que for instalado e das cores escolhidas, produzirá um efeito geométrico completamente diferente e único. Um detalhe importante sobre essa característica é sempre lembrar que os ladrilhos hidráulicos nunca devem ser comparados às peças de acabamento industrializadas, uma vez que sempre apresentarão algumas imperfeições mínimas e variação de tonalidades.
  • Facilidade de  manutenção: Para manutenção de rotina, recomenda-se passar cera líquida incolor com um rodo a cada 15 dias ou quando perceber que o mesmo está perdendo o brilho. Para a limpeza, recomenda-se utilizar água e sabão neutro. A cera conserva a resina, portanto, procure passa-la regularmente.     
  • Versatilidade: Pode ser aplicado como revestimento de piso, de parede, ou até mesmo sobre mobiliários, tanto em ambientes externos como internos, em locais públicos ou privados.

Apartamento Paim 189 / Cuna Arquitectura. Image © Ricardo Cavalheiro
Apartamento Paim 189 / Cuna Arquitectura. Image © Ricardo Cavalheiro

Processo de fabricação

Os ladrilhos hidráulicos são 100% artesanais, fabricados um a um por artesãos que perpetuam uma técnica minuciosa que vai desde a preparação das tintas até a secagem final dos produtos, contando com todos os cuidados necessários para que os mesmos possam ser entregues com as condições necessárias de qualidade exigidas pelo fabricante. O processo abrange oito etapas:

  1. Um molde de bronze, com o padrão desejado, é produzido. O molde se ajusta a um quadro exterior de ferro que segue a forma da borda do ladrilho com as medidas mais comuns de 20 x 20 centímetros.
  2. Cada parte do molde de bronze é preenchida com uma mistura líquida pigmentada (com a cor especificada em cada projeto). Essa mistura é feita a base de óxido de ferro, pó de mármore e cimento branco.
  3. Depois, o molde de bronze é retirado e a superfície colorida é coberta com uma mistura seca e logo após uma úmida.
  4. O ladrilho, então, é comprimido em uma prensa hidráulica (que dá nome ao ladrilho).
  5. Após essa etapa, o ladrilho pode ser retirado da forma, mas com muito cuidado por ainda não estar totalmente curado.
  6. Ele precisa descansar por 24 horas, e permanece aproximadamente 8 horas submerso em água.
  7. Logo após, os ladrilhos ficam armazenados por 4 semanas na sombra. Esta etapa é importante para a cristalização do cimento.
  8. Os ladrilhos estão prontos para serem aplicados na obra.

© Dalle Piagge
© Dalle Piagge
Apartamento 501 / CR2 Arquitetura. Image © Cris Farhat
Apartamento 501 / CR2 Arquitetura. Image © Cris Farhat

Recomendações para a instalação

  • Quando retirar os ladrilhos das caixas para a colocação, coloque-os sempre face a face, pois isso evita que os mesmos risquem.  
  • Os ladrilhos hidráulicos podem ser assentados com argamassa (uso interno ou externo), e com uma desempenadeira dentada. 
  • Por serem peças prensadas manualmente, é normal que ocorram alterações mínimas de até 1mm de espessura entre as mesmas, portanto, é aconselhável que o colocador assente-as passando argamassa no contrapiso e também no fundo da peça para tirar a diferença 'na massa'.        
  • Quando o colocador aplicar a argamassa é importante certificar-se que nas pontas do ladrilho também foi passado argamassa para evitar que as mesmas trinquem depois da peça assentada.            
  • O ladrilho hidráulico sempre é assentado com 'junta seca'. Ou seja, praticamente não há espaçamento entre as peças como feito na aplicação de cerâmicas.
  • Durante a aplicação, caso respingue argamassa sobre os ladrilhos, é aconselhável passar na mesma hora uma esponja limpa umedecida com água para evitar que a massa seque e penetre no piso. Caso contrário, recomenda-se passar uma lixa d'água de gramatura 100.           
  • Nunca bata nas peças com 'martelo de borracha' usado normalmente em aplicação de cerâmicas, pois além de marcar as peças (sobretudo as cores claras) pode fissurá-las ou trincá-las e essas micro-fissuras ficam evidentes não durante a aplicação, mas quando essas peças são resinadas ou molhadas. Caso elas fiquem marcadas, deve-se lixá-las com lixa d'água 200. 
  • Na obra, jamais coloque papelão ou jornal diretamente sobre o piso, pois o mesmo pode manchar. Aconselha-se que os ladrilhos sejam cobertos com um plástico e, sobre ele, pode ser colocado o papelão. 

Apartamento AMRA7 / Piratininga Arquitetos Associados + Bruno Rossi Arquitetos. Image © Nelson Kon
Apartamento AMRA7 / Piratininga Arquitetos Associados + Bruno Rossi Arquitetos. Image © Nelson Kon
Apartamento Lobo / SAO Arquitetura. Image © Bryan Ferry
Apartamento Lobo / SAO Arquitetura. Image © Bryan Ferry

Os ladrilhos hidráulicos personalizados possuem a mesma qualidade e especificações técnicas ladrilhos hidráulicos comuns. No entanto, tornam-se uma opção interessante para arquitetos que procuram dar um toque único ao espaço ou aprimorar certas operações de design. Não é apenas possível personalizar as cores e os tons de cada peça, mas também sua geometria e tamanho.

Artigo relacionado

Casa Brooklin / Gema Arquitetura. Image © Luis Gomes
Casa Brooklin / Gema Arquitetura. Image © Luis Gomes

Para mais informações e catálogo de produtos, consulte o site da Dalle Piage.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Materials. "Ladrilhos hidráulicos: Como são fabricados e quais as possibilidades de desenho?" 08 Ago 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/780606/ladrilhos-hidraulicos-saiba-mais-sobre-a-fabricacao-artesanal-e-a-possibilidade-personalizacao-de-acordo-com-seu-projeto> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.