Esta pandemia pode ser nossa chance de mudar nosso modo de pensar: uma conversa com Kengo Kuma

Esta pandemia pode ser nossa chance de mudar nosso modo de pensar: uma conversa com Kengo Kuma

"Todos nós temos que mudar nossa maneira de pensar agora. Quero mudar minha arquitetura para que ela seja ainda mais gentil com a natureza", disse Kengo Kuma em entrevista ao Louisiana Channel, onde ele compartilha suas ideias sobre o impacto da pandemia na arquitetura e no meio ambiente. O arquiteto discute a responsabilidade coletiva em relação à natureza e a importância de projetar edifícios e cidades que possibilitem e incentivem atividades ao ar livre.

Hans Christian Andersen Museum . Cortesia de Kengo Kuma and AssociatesMeditation House in The Forest. Imagem © Erieta AttaliMeditation House in The Forest. Imagem © Erieta AttaliPortland Japanese Garden Cultural Village. Imagem © Jeremy Bittermann+ 5

Meditation House in The Forest. Imagem © Erieta Attali
Meditation House in The Forest. Imagem © Erieta Attali

Entrevistado em maio do ano passado, o renomado arquiteto japonês fala brevemente sobre como a pandemia trouxe um novo reconhecimento das mudanças climáticas e do impacto da atividade humana no meio ambiente, sendo a atual crise de saúde uma extensão dessa tensão na ecologia da Terra. Além disso, Kuma descreve algumas novas direções no planejamento de espaços urbanos.

Portland Japanese Garden Cultural Village. Imagem © Jeremy Bittermann
Portland Japanese Garden Cultural Village. Imagem © Jeremy Bittermann

Um dos mais aclamados arquitetos contemporâneos, Kengo Kuma é conhecido por sua preocupação em relação ao contexto e à materialidade. Mesclando trabalho acadêmico e prática projetual, seu trabalho abrange várias áreas e escalas, de pavilhões e instalações a museus e estádios. Os trabalhos mais proeminentes de Kuma incluem o Asakusa Culture Tourism Center, o Cultural Village Japanese Garden em Portland e o V&A Design Museum em Dundee. Entre seus projetos mais recentes, o Museu Hans Christian Andersen, na Dinamarca, e a Casa Internacional de Literatura de Waseda, no Japão, devem abrir suas portas ainda este ano. No Brasil, projetou a Japan House São Paulo, em parceria com o escritório FGMF.

Em uma parte publicada anteriormente desta entrevista com o Louisiana Channel, Kengo Kuma discute sua carreira, as influências que moldaram seu trabalho, bem como os pontos principais de sua arquitetura.

Assista a outras entrevistas realizadas pelo Louisiana Channel.

Via Louisiana Channel.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Cutieru, Andreea. "Esta pandemia pode ser nossa chance de mudar nosso modo de pensar: uma conversa com Kengo Kuma" [This Pandemic Could Be Our Chance to Change Our Way of Thinking: In Conversation with Kengo Kuma] 10 Set 2021. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/966526/esta-pandemia-pode-ser-nossa-chance-de-mudar-nosso-modo-de-pensar-uma-conversa-com-kengo-kuma> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.