Casas na Guatemala: sombra e ventilação para uma arquitetura tropical

Casas na Guatemala: sombra e ventilação para uma arquitetura tropical

“Aqui nos trópicos, é a sombra que refresca aquele que se reúne e, ao contrário do fogão, ela está em todo lugar”, diz Bruno Stagno ao explicar sobre a arquitetura tropical.

A Guatemala vem construindo sua sombra ao longo dos anos. Encontramos 3 exemplos que propõem respostas interessantes a este clima. Projetos que materializam tanto grandes telhados com inclinações para criar sombra e evacuar rapidamente as águas da chuva, quanto fachadas perfuradas que permitem o fluxo de ventilação.

Reveja detalhadamente os projetos da DEOC Arquitectos, Christian Ochaita + Roberto Gálvez e Paz Arquitectura, abaixo:

Plano B Guatemala / DEOC Arquitectos

Descrição enviada pela equipe do projeto. As moradias para Plano B Guatemala são uma resposta à catástrofe causada pelo Vulcão do Fogo em junho de 2018. A Associação ASIAPRODE iniciou o projeto buscando atender de forma abrangente as necessidades das vítimas por meio da construção de 26 casas. Através de um concurso aberto, a DEOC Arquitectos gerou uma proposta que responde aos requisitos estabelecidos, ao perfil do usuário e ao contexto natural.

Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos

A casa promove o estilo de vida rural que se mantém em contato com o exterior, onde as famílias partilham o seu espaço com o resto da comunidade, sua "família estendida" e animais domésticos. Por este motivo, foi importante para o projeto abrir a casa para um pátio interior, conferindo versatilidade à utilização da casa. Isso permite que o estilo de vida e os costumes locais da região permaneçam e sejam transmitidos às gerações futuras.

Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos

A casa utiliza materiais de longa duração e de fácil manutenção, como blocos de concreto, bambu e lâminas galvanizadas. Utilizou-se o bloco em diversas configurações, obtendo uma superfície permeável que protege as áreas públicas da casa e, ao mesmo tempo, estabelece um fluxo de ventilação cruzada. Apesar de ser um modelo residencial replicável, levou-se em conta a possibilidade de adicionar cor ao interior dos blocos que compõem essa superfície externa, o que garante que cada família possa imprimir sua personalidade própria, gerando um sentido maior de propriedade e individualidade dentro de sua comunidade.

Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos
Plan B Guatemala / DEOC Arquitectos. Image Cortesía de DEOC Arquitectos

La Cabañita / Paz Arquitectura

Descrição enviada pela equipe do projeto. "La Cabañita" é um projeto que procura integrar-se à seu entorno natural em meio a um bosque montanhoso nos arredores da Cidade da Guatemala. Sua arquitetura nos faz pensar sobre as proporções particulares dos espaços de uma casa e procura suprimir os limites definidos entre o interior e o exterior. O projeto original da pequena cabana foi construído em 1985, o qual consistia em uma pequena estrutura metálica com uma enorme plataforma em balanço. Este pequeno refúgio contava apenas com uma pequena área social, uma cozinha e um pequeno dormitório no pavimento superior.

La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias

Mais de trinta anos depois, os proprietários decidiram ampliá-la, incorporando novos espaços de convívio e áreas íntimas que estivessem de acordo com seu estilo de vida contemporâneo. O bosque ao redor da cabana original cresceu e se transformou em uma floresta e a vegetação passou a ocupar um papel ainda mais primordial neste novo projeto. Como principal estratégia de desenho, os arquitetos procuram respeitar ao máximo o projeto original, conservando o valor e o sentido dos seus espaços. Considerando as solicitações do cliente, a ampliação deveria acolher um novo espaço de uso comum e mais um dormitório, os quais foram implantados em dois novos módulos independentes situados em cada um dos lados da cabana existente.

La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias

Deixamos um vazio entre cada um dos volumes e suas estruturas foram sutilmente apoiadas sobre a topografia do terreno criando uma planta irregular e não paralela. Para conectar estas três peças únicas, criamos uma estrutura em forma de corredor de vidro, totalmente transparente em ambos os lados, enfatizando a conexão entre arquitetura e natureza, as quais podem ser contempladas a partir de qualquer ponto da casa e da mata. Os dois novos volumes foram implantados a partir do mesmo ângulo de orientação do projeto original, porém de forma invertida, respeitando as linhas da cabana existente mas obtendo uma nova identidade inspirada nas preexistências.

La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias
La Cabañita / Paz Arquitectura. Imagem © Andrés Asturias

O corredor de vidro que unifica os distintos módulos está configurado por uma fina cobertura de concreto, enfatizando a leveza desta estrutura de vidro que conecta os três módulos da casa. O projeto foi construído em metal, madeira e vidro, sendo que os novos módulos, assim como na cabana original, possuem uma ampla varanda exterior que permite a ampliação dos espaços internos com o propósito de aproximar os moradores à natureza que envolve a casa. Estas grandes varandas externas se conectam entre si, de modo que é possível percorrer todo o perímetro da cabana, entrando e saindo desde distintos pontos e permitindo aos moradores fluir pelo espaço de forma bastante espontânea. 

La Cabañita / Paz Arquitectura. Image Cortesía de Paz Arquitectura
La Cabañita / Paz Arquitectura. Image Cortesía de Paz Arquitectura
La Cabañita / Paz Arquitectura. Image Cortesía de Paz Arquitectura
La Cabañita / Paz Arquitectura. Image Cortesía de Paz Arquitectura

Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez

Descrição enviada pela equipe do projeto. A Guatemala é conhecida por sua cultura, seu bom tempo e suas incríveis paisagens. As quatro casas que compõem o projeto desta casa de praia estão localizadas em um complexo desenvolvido durante a década de 1950, na costa do Pacífico de uma área que sofreu muitos impactos devido às mudanças climáticas ao longo dos anos, uma delas é que a praia se expandiu lentamente para o mar por mais de 100 metros.

Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Imagem © Víctor Martínez
Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Imagem © Víctor Martínez

Nas palavras do arquiteto Christian Ochaita, um dos idealizadores do projeto, “partimos da ideia de criar casas que servissem de escape para seus moradores cujas principais moradias são na capital, uma cidade pesada com altos níveis de poluição, portanto, o principal objetivo era projetar e construir casas menos urbanas quanto possível". O programa do projeto era criar um grupo de casas para uma família extensa cujos membros gostam muito de passar o tempo juntos, mas que também valorizam a independência de cada núcleo familiar. “Nossa solução foi projetar uma primeira versão da casa e depois desenhar quatro variações que contemplassem as diferentes necessidades de cada família”, explica o arquiteto Roberto Gálvez, que é o outro diretor do escritório.

Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Imagem © Víctor Martínez
Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Imagem © Víctor Martínez

Cada casa possui uma pequena área social interior e que se expande para uma grande área exterior com vista do mar. Cada uma tem de três a cinco quartos, dependendo da necessidade do proprietário. O coração do complexo está na sua zona social, que dispõe de cozinhas, terraços, bares e piscina. O projeto incorpora diversas soluções de clima passivo, que se apoiam em soluções ativas para garantir o conforto dos residentes ao longo do ano.

Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Imagem © Víctor Martínez
Casa de Praia na Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Imagem © Víctor Martínez

As casas e áreas sociais foram elevadas 1m-1,5m do solo para conseguir a separação da areia mais quente. As casas são compostas por dois volumes (frente e posterior) para aproveitar a brisa do mar e criar um espaço verde entre cada uma. Um teto duplo elimina a necessidade de ar condicionado na maior parte do ano, exceto nos dias mais quentes.

Casa de Playa en Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Image Cortesía de Christian Ochaita + Roberto Gálvez
Casa de Playa en Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Image Cortesía de Christian Ochaita + Roberto Gálvez
Casa de Playa en Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Image Cortesía de Christian Ochaita + Roberto Gálvez
Casa de Playa en Guatemala / Christian Ochaita + Roberto Gálvez. Image Cortesía de Christian Ochaita + Roberto Gálvez

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Dejtiar, Fabian. "Casas na Guatemala: sombra e ventilação para uma arquitetura tropical" [Casas en Guatemala: sombra y ventilación para una arquitectura tropical] 22 Jul 2021. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/965243/casas-na-guatemala-sombra-e-ventilacao-para-uma-arquitetura-tropical> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.