Como projetar uma ilha de cozinha: Espaço eficiente e multifuncional

Como projetar uma ilha de cozinha: Espaço eficiente e multifuncional

© Haruo Mikami© Joana Franca© Ketsiree Wongwan© Hey! Cheese+ 27

As ilhas são parte essencial do layout das cozinhas mais amplas, aumentando o espaço de bancada, armazenamento e o espaço para comer, além de oferecer um ponto focal para a área da cozinha. Servindo uma variedade de funções, elas podem ser projetadas de maneiras diferentes, com algumas banquetas ou cadeiras incorporadas, pias, gavetas ou até máquinas de lavar louça e microondas. Para determinar quais elementos incluir e como organizá-los, os arquitetos devem determinar o objetivo principal ou o foco para a ilha. Servirá principalmente como uma bancada para tomar café da manhã, um espaço para entreter convidados, uma extensão da cozinha ou como alguma outra coisa? E, com essa função em mente, como deve melhorar o fluxo de trabalho da cozinha em relação ao restante da área? Essas considerações, combinadas com os requisitos básicos de acessibilidade, exigem que o projeto da ilha seja cuidadosamente pensado. Abaixo, enumeramos alguns dos fatores essenciais do design da ilha de cozinha.

© Jeremie Warshafsky
© Jeremie Warshafsky
© Stephane Groleau
© Stephane Groleau
© Mike Schwartz Photography
© Mike Schwartz Photography

Dimensionamento

O tamanho da ilha da cozinha é extremamente importante por razões estéticas e funcionais. Uma ilha muito grande sobrecarrega a área da cozinha e inibe o movimento, potencialmente limitando o fluxo de trabalho de alguém cozinhando ou lavando a louça e, assim, diminuindo a funcionalidade do espaço. Uma ilha deve ter pelo menos um metro e meio de espaço em cada um dos lados, deixando espaço suficiente para que os aparelhos se abram e as pessoas possam caminhar confortavelmente pela área.

© Haruo Mikami
© Haruo Mikami
© Relja Ivanic
© Relja Ivanic

Por outro lado, uma ilha que é muito pequena pode indicar que era desnecessária, adicionando pouco espaço no balcão, espaço de armazenamento, utensílios e assentos suficientes para que ela fosse substituída por um carrinho ou uma mesa. Se a cozinha for pequena o suficiente de forma que a ilha tenha menos de 60 ou 90 centímetros de comprimento, é mais eficiente deixar o espaço livre e aberto. Portanto, uma ilha de cozinha ideal deve ter pelo menos 90 centímetros de largura e pelo menos 120 centímetros de comprimento para acomodar armários duplos ou uma bancada suspensa. Uma cozinha grande o suficiente para acomodar uma ilha deve ter pelo menos 4 metros de comprimento.

© Raphael Thibodeau
© Raphael Thibodeau

Finalmente, a altura da ilha tem tipicamente 90 ou 100 centímetros de altura, sendo a primeira uma confortável altura do balcão e a segunda permitindo uma área de balcão mais alto para assentos elevados. As ilhas com 100 centímetros de altura geralmente têm dois níveis ou camadas para acomodar assentos e balcões separadamente. As ilhas de duas camadas permitem designs e variações mais criativas, mas as ilhas de uma altura são mais simples e facilitam mais uniformidade.

© Adrien Williams
© Adrien Williams
© Alexandre Disaro
© Alexandre Disaro
© Sean Airhart
© Sean Airhart

Eletrodomésticos

Dependendo do tamanho da cozinha e do fluxo de trabalho desejado para os usuários, as ilhas de cozinha podem ter um número variável de eletrodomésticos, incluindo pias, microondas, máquina de lavar louça ou até fogão e forno. Para designers que desejam simplificar, talvez seja melhor abrigar apenas gavetas e armários na ilha ao lado de um balcão para café da manhã ou assentos. Para clientes que gostam da cozinha e desejam estações de cozinha espaçosas e máquinas de lavar louça adicionais, a adição dos aparelhos listados acima inclui um conjunto adicional de considerações importantes. Para funcionar efetivamente, uma máquina de lavar louça em ilha pode ser acompanhada por uma máquina de lavar louça em ilha ou localizada perto de uma máquina de lava-louças contra a parede. Se uma bancada de cozinha estiver incorporada, talvez seja melhor remover a barra de café da manhã, e um exaustor também deve ser instalado. Finalmente, adicionar tomadas e instalações elétricas pode ser muito benéfico para cozinheiros que procuram receitas ou para convidados sentados no balcão de café da manhã. Para evitar a superlotação na ilha, escolha cuidadosamente os aparelhos a serem incluídos, em vez de selecionar todos eles.

© FotoRadar Marcin Mularczyk
© FotoRadar Marcin Mularczyk
© David Barbour
© David Barbour
© Ketsiree Wongwan
© Ketsiree Wongwan
© Raphael Thibodeau
© Raphael Thibodeau

Fluxos de trabalho

Essas considerações estão intimamente relacionadas à questão do fluxo de trabalho na cozinha. Como em qualquer espaço interno, o arquiteto é responsável por considerar os fluxos de movimento e as áreas de pausa, bem como as rotinas esperadas e as relações com os aparelhos. Por exemplo, novamente, uma pia deve ser colocada perto de uma máquina de lavar louça e gavetas para recipientes próximos à pia. Da mesma forma, é essencial ter um balcão perto de uma pia ou fogão, mas uma barra de café da manhã geralmente não deve sangrar em um cooktop ou as pessoas sentadas serão expostas diretamente aos vapores e ao calor do fogão e forno. No entanto, espaçamentos ou camadas adequadas, se bem executados, podem contornar esse requisito. Além disso, uma regra comum chamada "triângulo de trabalho" indica que cada espaço de trabalho - ou seja, fogão, pia, geladeira ou forno - deve estar entre 120 e 270 centímetros de distância. Essa regra é uma razão importante pela qual o projetista não deve sobrecarregar a ilha com aparelhos, e isso permitirá que os usuários trabalhem da maneira mais confortável e eficiente possível. Por fim, embora os designers possam esperar incluir o máximo de assentos possível, assentos muito próximos podem impedir que os usuários comam confortavelmente sem bater nos cotovelos ou, de outra forma, se chocar. Naturalmente, as preocupações ergonômicas são uma parte inevitável da criação de espaços tão ativos quanto a cozinha.

© David St. George
© David St. George
© David Zarzoso
© David Zarzoso
© Do Mal o Menos
© Do Mal o Menos

Armazenamento

As considerações de armazenamento estão vinculadas às considerações de dispositivos e fluxo de trabalho, pois o projetista deve atingir um delicado equilíbrio entre incorporar espaços de trabalho adicionais e maximizar o armazenamento na ilha da cozinha. Se houver amplos armários e gavetas em outras partes da cozinha, os projetistas podem priorizar a adição de eletrodomésticos ou a expansão da área de café da manhã. Se o armazenamento for uma preocupação primordial, talvez eles precisem sacrificar uma das outras funções da ilha da cozinha. Esta questão também se refere a questões de profundidade e altura. Como as ilhas geralmente envolvem alguma combinação de armários e gavetas, os projetistas devem acomodar alturas e profundidades padrão de armários e gavetas, além de aparelhos e requisitos básicos de dimensionamento.

© Adelina Iliev Photography
© Adelina Iliev Photography
© Hey! Cheese
© Hey! Cheese
© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal
© Vicente Ortega
© Vicente Ortega

Iluminação

Por fim, a iluminação é uma das principais maneiras pelas quais um design de ilha de cozinha pode se diferenciar esteticamente, pois muitas ilhas incorporam luzes de destaque, como luzes pendentes ou outras peças de iluminação. Especialmente para ilhas com bares de café da manhã e cooktops, a iluminação adequada é essencial para que os usuários possam ver seus alimentos, estejam eles cozinhando ou comendo.

© Kyle Yu Photo Studio
© Kyle Yu Photo Studio

Essas considerações são apenas algumas das muitas que destacam o design de uma ilha de cozinha. Para ler mais sobre o design de cozinhas residenciais ou mobiliários de cozinha, consulte nossos artigos sobre Como projetar e construir corretamente uma cozinha ou Como economizar espaço nas cozinhas: móveis eficientes e transformáveis

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Cao, Lilly. "Como projetar uma ilha de cozinha: Espaço eficiente e multifuncional" [How to Design Functional and Multipurpose Kitchen Islands] 19 Abr 2020. ArchDaily Brasil. (Trad. Eduardo Souza) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/937618/como-projetar-uma-ilha-de-cozinha-espaco-eficiente-e-multifuncional> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.