Ideias vencedoras para o reuso de um antigo aterro sanitário em Lagos

Ideias vencedoras para o reuso de um antigo aterro sanitário em Lagos

A iniciativa de pesquisa em arquitetura “arch out loud” anunciou os vencedores de seu concurso “Waste: Multi-Purpose Stadium” competition, pedindo aos participantes que especulassem sobre o projeto de um estádio multiuso no antigo aterro Olusosun em Lagos, Nigéria.

O concurso foi organizado em resposta ao fato de que o mundo cria mais de um bilhão de toneladas de lixo por ano, a maioria das quais é incinerada, enterrada e explorada em aterros sanitários. À medida que as populações e as grandes cidades se expandem, também deve haver a nossa “capacidade de reverter tendências de desperdício e começar a viver de forma mais eficiente e sustentável”.

A megalópole de Lagos, na Nigéria, exporta seus resíduos desde 1992 para o aterro Olusosun, de 100 acres. Como a cidade cresceu de 7 milhões para 21 milhões, o aterro outrora distante foi agora envolvido pela cidade, fazendo com que fosse fechado em 2018. Com planos de reconstruir a área como espaço verde urbano e parque público, arch out loud desafiou os projetistas a apresentarem suas visões para um esquema que incorporasse novas atitudes em relação ao desperdício e redefinisse como a tipologia do estádio pode servir às comunidades vizinhas.

WASTE (competição) pode dar a sua maior contribuição para o campo ao reunir um conjunto de documentos que revelam como a arquitetura está sendo moldada e está respondendo ao pensamento ecológico no momento presente. A preferência por infraestrutura sobre tipologia, relevo sobre forma de construção e sistemas sobre objetos foi evidente em todo o processo. Muitos projetos também refletem uma ampla reconceituação de materiais de construção em relação aos recursos, em oposição apenas aos atributos estruturais. -Sylvia Lavin, jurada

Abaixo, republicamos a proposta vencedora e três finalistas. Competições recentes de arch out loud incluem a pergunta “What is the future of HOME?” e ideias para o desenvolvimento residencial de uma das últimas seções restantes da costa de Mumbai não desenvolvida.

Detalhes sobre concursos passados e futuros podem ser encontrados no site da iniciativa aqui.

Primeiro lugar: Bamboo Stadium

Iulia Dorobanțu and Lucas Monnereau / ENSA Paris Belleville

Primeiro lugar: Bamboo Stadium. Image via arch out loud
Primeiro lugar: Bamboo Stadium. Image via arch out loud

Descrição: O estádio é o ponto de encontro natural do bairro: uma estrutura infinita evolutiva, flexível e transformável baseada em bambu. O bambu semeado no local se torna o material de construção local. Uma mistura de espaços sociais, dedicados a desfrutar do esporte em dias de jogos, bem como habitações e programas públicos locais, a serem ocupados durante todo o ano pela comunidade local, se misturam no sistema de pequena escala. A agregação pode crescer em cada direção para atender a todas as necessidades de várias situações, com uma potencial multiplicação na escala do bairro ou cidade.

Primeiro lugar: Bamboo Stadium. Image via arch out loudPrimeiro lugar: Bamboo Stadium. Image via arch out loudPrimeiro lugar: Bamboo Stadium. Image via arch out loudPrimeiro lugar: Bamboo Stadium. Image via arch out loud+ 29

Finalista: Yoruba Waste Compound

Ernesto Urquizar Quesada & Maria Cervantes Lardon / School of Architecture of Granada

Finalista: Yoruba Waste Compound. Image via arch out loud
Finalista: Yoruba Waste Compound. Image via arch out loud

Descrição: O paradoxo urbano de Lagos é o ponto de partida do nosso argumento. O projeto é baseado no modelo urbano Yoruba; um espaço central protegido por uma circulação periférica. Em Lagos, não há tipologias. O novo não-estádio afunda-se no antigo aterro melhorando a Paisagem e facilitando a atividade no anel superior. Dentro deste vazio escavado, uma rampa cruzou os níveis que os desembrulharam e criando um passeio acessível onde nova atividade acontece. Um lugar onde os mercados informais podem ocorrer à medida que crescem nos trevos das grandes rodovias. Espaços informais entre circulação que realizavam atividade espontânea.

Finalista: The Platform

Shengran Zheng, Yuxin Jiang, Yong Kiat Tan & Biqin Li / University of Melbourne

Finalista: The Platform. Image via arch out loud
Finalista: The Platform. Image via arch out loud

Descrição: Uma proposta de longo prazo para o Aterro Olusosun, incluindo 3 estágios. No primeiro estágio, a megaestrutura da "Plataforma" e o Sistema de Desperdício de Energia (sistema WtE) são construídos no aterro, o que possibilita a construção do estádio e o processo de desperdício de energia a ser realizado ao mesmo tempo. O recurso de resíduos poderia ser alcançado sob a "Plataforma" para geração de energia e eletricidade para a cidade de Lagos. Na segunda etapa, o estádio é construído com estruturas móveis na "Plataforma" como um local internacional de futebol. O estádio deve ser leve e econômico, e permitir que a luz do sol penetre. Na terceira etapa, o desperdício no aterro de Olusosun é todo consumido e a fábrica da WtE é transformada em um centro comunitário e outro espaço de acordo com as necessidades.

Finalista: The Platform. Image via arch out loudFinalista: The Platform. Image via arch out loudFinalista: The Platform. Image via arch out loudFinalista: The Platform. Image via arch out loud+ 29

Finalista: Recycle Cooperative Workshop

Vlad Kapustin, Stef Elitsa & Ivan Maximov / MEGANOM

Finalista: Recycle Cooperative Workshop. Image via arch out loud
Finalista: Recycle Cooperative Workshop. Image via arch out loud

Descrição: Em Lagos, as pessoas vivem perto de depósitos de lixo, que imergem a cidade em problemas mais profundos de ecologia e poluição, além disso, Lagos é o maior importador de lixo perigoso. Oficina Cooperativa de Reciclagem - é uma associação de pessoas criada para alcançar metas econômicas e sociais comuns que atendem às necessidades de Lagos. A ideia principal do projeto - o lixo é um recurso. Funciona como um hub para a produção de itens feitos de resíduos reciclados. A Cooperativa é um híbrido de uma usina de reciclagem, oficina, mercado, centro social e estádio. As pessoas podem se unir, projetar e fabricar. Os produtos são vendidos no mercado de oficinas. A Cooperativa pode servir de exemplo e formar uma nova atitude em relação ao lixo entre as pessoas.

Finalista: Recycle Cooperative Workshop. Image via arch out loudFinalista: Recycle Cooperative Workshop. Image via arch out loudFinalista: Recycle Cooperative Workshop. Image via arch out loudFinalista: Recycle Cooperative Workshop. Image via arch out loud+ 29

O júri da competição WASTE: Multi-Purpose Stadium, foi composto por:

Neil Denari - Fundador, Principal | Neil M. Denari Architects
Joshua Ramus - Fundador, Presidente | REX
Zeina Koreitem - fundadora da MILLIØNS | Harvard GSDThom Moran - Fundador, T + E + A + M | Universidade de Michigan Taubman College
Tei Carpenter - Fundador, Diretor, Agência-Agência | Columbia GSAPP
Ahmed ElHusseiny - Fundador, AE Superlab
Olalekan Jeyifous - Artista / Designer, Vigilism.com
Ola-dele Kuku - Arquiteto / Artista | Ola-dele Kuku Projects
Nate Appleman - Diretor de Esportes + Recreação + Entretenimento | HOK
Andrés Jaque - Fundador | Gabinete de Inovação Política
Oana Stanescu Fundador, Oana Stanescu Design Studio | Harvard GSD
Sylvia Lavin- Diretora de Estudos Críticos, PH.D. e M.A. | UCLA AUD

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Walsh, Niall. "Ideias vencedoras para o reuso de um antigo aterro sanitário em Lagos" [Competition-Winning Ideas for Multi-Purpose Stadiums on Former Lagos Landfill] 24 Jan 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/910115/ideias-vencedoras-para-o-reuso-de-um-antigo-aterro-sanitario-em-lagos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.