Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Notícias de Arquitetura
  3. Peso e leveza: mesa apoia-se sobre pés de aço inoxidável muito delgados

Peso e leveza: mesa apoia-se sobre pés de aço inoxidável muito delgados

Peso e leveza: mesa apoia-se sobre pés de aço inoxidável muito delgados
Peso e leveza: mesa apoia-se sobre pés de aço inoxidável muito delgados, © Carlos Banon
© Carlos Banon

Uma mesa robusta e leve é um oxímoro, ou melhor, era. O impulso para este projeto foi perceber essa contradição. Uma mesa maciça normalmente exigiria uma estrutura robusta e pernas abaixo do tampo. Na conceituação da mesa, a equipe procurou desmaterializar sua estrutura, criando uma sensação de instabilidade com uma superfície visualmente sólida suportada por uma malha incrivelmente fina. O design ousado fala sobre a identidade do cliente, um centro de pesquisa que amplia os limites do design e da manufatura usando tecnologia e ciência.

© Aurelia Chan © Carlos Banon © Carlos Banon © Carlos Banon + 12

Texto enviado pela equipe de projeto: AIRTable foi projetada pela AIRLab em colaboração com o DManD, um laboratório de pesquisas. A forma da mesa é um triângulo equilátero chanfrado de 3 m ao longo de seus lados. A grande superfície é suportada por uma estrutura de aço muito fina, destinada a aumentar o efeito da ausência de gravidade. A teia fina e densa que sustenta o tampo da mesa flui para as três finas pernas, cada uma tocando o chão em um ponto do tamanho de uma moeda de cinco centavos. A estabilidade e a aparente leveza da grande estrutura foram alcançadas através de um sistema de barras de aço inoxidável redondas, finas e ocas conectadas por 84 nós metálicos impressos em 3D. As finas barras de 6 mm de diâmetro são aparafusadas nos nós metálicos do tamanho da palma da mão, formando um intrincado sistema de tetraedros. Isso confere uma força incrível à estrutura, apesar do tamanho delicado de seus elementos individuais.

Plan
Plan

As pernas finas pintadas em preto contrastam com o tampo da mesa branco brilhante, criando a ilusão de uma estrutura leve, enquanto fornece a força e a rigidez exigidas de uma mesa de trabalho. Simulações estruturais durante a fase de projeto garantiram a estabilidade da estrutura longa e delgada com elementos muito finos.

No geral, a AIR Table propõe uma expressão ousada para o tipo de mesa familiar e, como ilustração de um sistema de mobiliário adaptável, abre a possibilidade de outros designs de mobília baseados no mesmo sistema.

A execução deste conceito ambicioso exigiu um desenho estrutural meticuloso e seus detalhes de conexão ocultos para obter uma aparência simples e elegante com alto desempenho.

© Carlos Banon
© Carlos Banon

Para projetar essa mesa grande e leve, foi necessária uma solução estrutural ousada. Utilizando software de análise estrutural 3D, a estrutura da mesa passou por várias iterações, convergindo em um design que atingisse a resistência adequada com o mínimo de material. O projeto mostra como essa modelagem computacional pode ser usada como ferramenta de design para estimular simultaneamente a criatividade e o pragmatismo.

No nível de detalhes, o design pretendia uma conexão quase invisível entre o nó e a barra sem interrupções. O detalhe da conexão foi um desafio técnico difícil devido à pequena seção das barras (6mm), que foi resolvida através de protótipos substanciais, tentativa e erro e refinamento.

O AIR Table é concebido como um projeto experimental com o objetivo de promover o design e a tecnologia. O projeto aproveita ao máximo a tecnologia avançada de impressão em metal em um sistema de móveis que pode ser personalizado para múltiplas aplicações. Além disso, o projeto demonstra uma filosofia de projeto que se encaixa na economia de materiais através do design, usando tubos de 6mm de diâmetro para uma extensão total de mesa de 3000mm. A aparente capacidade estrutural da mesa empurra o limite de materiais e, portanto, tem como objetivo inspirar a curiosidade e audácia aos seus usuários.

© Aurelia Chan
© Aurelia Chan

Montar a mesa exigiu uma operação precisa. O final de cada barra e a ponta correspondente de cada nó são rosqueados. A estratégia de montagem começa do centro da mesa e irradia para fora, uma barra de cada vez, em direção a cada perna da mesa.

A rigidez inerente das crescentes geometrias conectadas facilitou a propagação das conexões em uma única direção do que a junção de duas partes completas do sistema. Para obter o ajuste perfeito para o qual todo o sistema foi projetado, cada barra teve que ser calibrada cuidadosamente, pois precisavam girar em dois nós simultaneamente. Paciência e atenção aos detalhes foram ingredientes-chave na montagem da mesa.

© Carlos Banon
© Carlos Banon

Equipe de projeto:

AIRLAB @SUTD (Singapore University of Technology and Design)
Líderes: Carlos Banon e Felix Raspall
Equipe de Pesquisa: Jenn Chong, Anna Toh Hui Ping, Ye Jia Jie, Jona Lim, Sourabh Maheshwari e Aurelia Chan Hui-En
Início do Projeto: Setembro de 2017
Conclusão: Novembro de 2018
Pesquisa financiada por DmanD

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Cita: Souza, Eduardo. "Peso e leveza: mesa apoia-se sobre pés de aço inoxidável muito delgados" [Slender Strength: The Mighty Grace of the Stainless Steel AIRTable] 23 Jan 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/910039/peso-e-leveza-mesa-apoia-se-sobre-pes-de-aco-inoxidavel-muito-delgados> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.