Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Notícias de Arquitetura
  3. MVRDV projeta duas torres com fachadas interativas em Taipei

MVRDV projeta duas torres com fachadas interativas em Taipei

MVRDV projeta duas torres com fachadas interativas em Taipei
Vista distante. Imagem Cortesia de MVRDV
Vista distante. Imagem Cortesia de MVRDV

O MVRDV divulgou imagens de seu projeto ambicioso para as Torres Gêmeas de Taipei, que devem revitalizar a área da estação central da capital taiwanesa. As duas torres são caracterizadas por uma “pilha de blocos” que criam um bairro urbano vertical com fachadas de mídia interativa.

Atualmente, o local é ocupado pela principal estação da cidade, contendo linhas ferroviárias, linhas de aeroportos, redes de metrô, parques e praças subutilizados. De acordo com o projeto do MVRDV, as duas torres serão construídas no topo da estação, oferecendo comércios, escritórios, dois cinemas, dois hotéis e a unificação e desenvolvimento de praças vizinhas.

Vista aérea. Imagem Cortesia de MVRDV Vista praça. Imagem Cortesia def MVRDV Vista pedestre. Imagem Cortesia de MVRDV Vista evento. Imagem Cortesia de MVRDV + 14

Vista aérea. Imagem Cortesia de MVRDV
Vista aérea. Imagem Cortesia de MVRDV

Chegar à Estação Central de Taipei é atualmente um anti-clímax. A área imediata não revela os encantos metropolitanos e a qualidade empolgante que a metrópole taiwanesa tem a oferecer. A Taipei Twin Towers transformará esta área no centro da cidade, com sua vibrante mistura de atividades combinadas com a também vibrante coleção de tratamentos de fachada neste bairro vertical.
-Winy Maas, Arquiteto e Co-Fundador, MVRDV

Vista praça. Imagem Cortesia def MVRDV
Vista praça. Imagem Cortesia def MVRDV

O projeto procura tecer em conjunto um contexto urbano variado de edifícios pequenos em escala humana, além de torres maiores. Quando visto de perto, ele é definido por uma base empilhada em pequenos blocos, contendo habitação e comércio. Acima, os blocos maiores formam duas torres de 337 e 280 metros, definindo a linha do horizonte quando vistas de longe. Os blocos maiores abrigarão escritórios, cinemas e hotéis, criando identidades separadas com espaços dinâmicos para jovens e outros mais luxuosos.

Vista evento. Imagem Cortesia de MVRDV
Vista evento. Imagem Cortesia de MVRDV

Blocos comerciais foram empilhados para permitir a criação de átrios públicos centrais e um sistema de ventilação natural, enquanto uma série de escadas rolantes e passarelas externas criam uma experiência de compra vertical. Uma coluna central conectando o projeto à estação ferroviária também é proposta, tomando a forma de uma passarela que cruza o volume principal e outra próxima às fachadas dos novos edifícios. Essa expansão vertical do espaço público permite que os arranha-céus se entrelaçam com o contexto circundante, abordando a divisão tradicional entre o espaço público no nível do solo e as torres isoladas.

Vista pedestre. Imagem Cortesia de MVRDV
Vista pedestre. Imagem Cortesia de MVRDV

No nível do solo, uma praça rebaixada é preenchida com uma série de intervenções que marcam as estruturas históricas que antes ficavam no local, como a estação original e casas antigas. As intervenções, incluindo pérgulas, plataformas e serviços públicos, criam um "estudo arqueológico" dentro da praça, demonstrando visualmente o passado da cidade.

Comércio. Imagem Cortesia de MVRDV
Comércio. Imagem Cortesia de MVRDV

Para o desenvolvimento do projeto, o MVRDV trabalhou em colaboração com a CHY Architecture Urban Landscape, o designer de paisagem Topotek1 e os consultores Envision Engineering, ARUP, RWDI e Mercury Fire Engineering Consulting.

Fluxo Comércio. Imagem Cortesia de MVRDV
Fluxo Comércio. Imagem Cortesia de MVRDV

A notícia do projeto acontece dias após o OMA ter divulgado uma atualização do Centro de Artes Performáticas de Taipei, quando a construção do arrojado teatro se aproxima da conclusão.

Via: MVRDV

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Cita: Walsh, Niall. "MVRDV projeta duas torres com fachadas interativas em Taipei" [MVRDV Designs a Dual Tower Scheme with Interactive Facades for "Times Square" of Taipei] 15 Jan 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/909332/mvrdv-projeta-duas-torres-com-fachadas-interativas-em-taipei> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.