O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Portugal divulga os 12 projetos que farão parte de seu pavilhão na Bienal de Veneza 2018

Portugal divulga os 12 projetos que farão parte de seu pavilhão na Bienal de Veneza 2018

Portugal divulga os 12 projetos que farão parte de seu pavilhão na Bienal de Veneza 2018
Portugal divulga os 12 projetos que farão parte de seu pavilhão na Bienal de Veneza 2018, Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas, Ribeira Grande, João Mendes Ribeiro e Menos é Mais (Cristina Guedes e Francisco Vieira de Campos) © José Campos
Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas, Ribeira Grande, João Mendes Ribeiro e Menos é Mais (Cristina Guedes e Francisco Vieira de Campos) © José Campos

Com seu pavilhão Public Without Rhetoric, Portuga levará à Veneza na 16ª Bienal de Arquitetura doze projetos de obras públicas "criadas num momento em que a Europa Ocidental se confronta com os seus limites e possibilidades e a arquitetura acentua o seu inconformismo, reforçando o seu papel na intervenção política e social."

Molhes do Douro, Carlos Prata. © João Ferrand
Molhes do Douro, Carlos Prata. © João Ferrand

De acordo com os curadores Nuno Brandão Costa e Sérgio Mah, "a representação oficial portuguesa é, este ano, a afirmação da Arquitetura enquanto forma de celebração da experiência do espaço público e destaca a importância primordial do arquiteto na construção das vivências nas sociedades contemporâneas."

Teatro Thalia, Lisboa, Gonçalo Byrne e Barbas Lopes Arquitectos (Diogo Seixas Lopes e Patrícia Barbas). © DMF
Teatro Thalia, Lisboa, Gonçalo Byrne e Barbas Lopes Arquitectos (Diogo Seixas Lopes e Patrícia Barbas). © DMF

Public Without Rhetoric busca, a partir da exposição de 12 projetos construídos nos últimos dez anos por profissionais portugueses, fomentar uma reflexão sobre a arquitetura de espaços públicos e como ela impacta a sociedade.

Centro de Visitantes da Gruta das Torres, Pico, SAMI (Inês Vieira da Silva e Miguel Vieira). © Fernando Guerra | FG+SG
Centro de Visitantes da Gruta das Torres, Pico, SAMI (Inês Vieira da Silva e Miguel Vieira). © Fernando Guerra | FG+SG

Veja, a seguir, a lista completa de obras selecionadas para o pavilhão português na Bienal de Veneza 2018.

  • Arquipélago - Centro de Artes Contemporâneas, Ribeira Grande – João Mendes Ribeiro e Menos é Mais (Cristina Guedes e Francisco Vieira de Campos)
  • Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Angra do Heroísmo – Inês Lobo
  • Centro de Criação Contemporânea Olivier Debré, Tours – Aires Mateus e Associados (Manuel Mateus e Francisco Mateus)
  • Centro de Visitantes da Gruta das Torres, Pico – SAMI (Inês Vieira da Silva e Miguel Vieira)
  • Estação de Metro Município, Nápoles – Álvaro Siza, Eduardo Souto Moura e Tiago Figueiredo
  • Hangar Centro Náutico, Montemor-o-Velho – Miguel Figueira
  • I3S – Instituto de Inovação e Investigação em Saúde, Porto – Serôdio Furtado Associados (Isabel Furtado e João Pedro Serôdio)
  • Molhes do Douro – Carlos Prata
  • Pavilhões de parque, no Parque Urbano de Albarquel, Setúbal – Ricardo Bak Gordon
  • Pavilhões Expositivos Temporários, “Incerteza Viva: Uma exposição a partir da 32ª Bienal de São Paulo”, Parque de Serralves, Porto – depA (Carlos Azevedo, João Crisóstomo e Luís Sobral), Diogo Aguiar Studio, FAHR 021.3 (Filipa Fróis Almeida e Hugo Reis), Fala Atelier (Ana Luísa Soares, Filipe Magalhães e Ahmed Belkhodja) e Ottotto (Teresa Otto)
  • Teatro Thalia, Lisboa – Gonçalo Byrne e Barbas Lopes Arquitectos (Diogo Seixas Lopes e Patrícia Barbas)
  • Terminal de Cruzeiros de Lisboa – João Luís Carrilho da Graça

I3S – Instituto de Inovação e Investigação em Saúde, Porto, Serôdio Furtado Associados (Isabel Furtado e João Pedro Serôdio). © Luís Ferreira Alves
I3S – Instituto de Inovação e Investigação em Saúde, Porto, Serôdio Furtado Associados (Isabel Furtado e João Pedro Serôdio). © Luís Ferreira Alves

Além das doze obras, os curadores portugueses convidaram quatro artistas - André Cepeda, Catarina Mourão, Nuno Cera e Salomé Lamas - a desenvolver filmes sobre as obras selecionadas.

Pavilhão Português na Bienal de Veneza 2018 apresenta "Public Without Rhetoric"

Como parte da cobertura da Bienal de Arquitetura de Veneza de 2018, apresentamos a proposta para o Pavilhão Português. Abaixo, os curadores Nuno Brandão Costa e Sérgio Mah explicam sua contribuição com suas próprias palavras.

Sobre este autor
Romullo Baratto
Autor
Cita: Romullo Baratto. "Portugal divulga os 12 projetos que farão parte de seu pavilhão na Bienal de Veneza 2018" 02 Mai 2018. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/893582/portugal-divulga-os-12-projetos-que-farao-parte-de-seu-pavilhao-na-bienal-de-veneza-2018> ISSN 0719-8906