O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Quem é Balkrishna (B.V.) Doshi? 12 coisas para saber sobre o ganhador do Pritzker de 2018

Quem é Balkrishna (B.V.) Doshi? 12 coisas para saber sobre o ganhador do Pritzker de 2018

Quem é Balkrishna (B.V.) Doshi? 12 coisas para saber sobre o ganhador do Pritzker de 2018
Quem é Balkrishna (B.V.) Doshi? 12 coisas para saber sobre o ganhador do Pritzker de 2018, Le Corbusier e Balkrishna Doshi. Cortesia de Balkrishna Doshi.
Le Corbusier e Balkrishna Doshi. Cortesia de Balkrishna Doshi.

B.V. Doshi, um dos praticantes mais célebres da arquitetura indiana moderna, nasceu em Pune, na Índia, em 1927. Quase 90 anos depois, o júri do Prêmio Pritzker escolheu-o como o laureado de 2018. Conheça a história de Doshi - incluindo seu relacionamento íntimo com o lendário Le Corbusier - nesta lista de fatos interessantes.

Sheth Hutheesinh Temple by Kalyan Shah (CC BY-SA 3.0)
Sheth Hutheesinh Temple by Kalyan Shah (CC BY-SA 3.0)

1) O escritório de Doshi, Vastu Shilpa, criou uma lista de locais arquitetônicos "imperdíveis" na cidade de Ahmedabad para que os visitantes do escritório possam ver a cidade e entender o contexto em que a Doshi cria seus edifícios.

2) De 1951 a 1955, B.V. Doshi trabalhou diretamente para Le Corbusier como aprendiz de arquitetura em seu ateliê parisiense. Até hoje, na entrada de sua sala, Doshi mantém um retrato do arquiteto suíço ao lado das representações da Deusa Durga e Lord Ganesha.

Balkrishna Doshi.Cortesia de VSF
Balkrishna Doshi.Cortesia de VSF

3) Le Corbusier falava com Doshi em um inglês ruim. Mas o arquiteto indiano depois lembrou: "Quando você não conhece o idioma, a conversa torna-se mais visual e espacial".

4) Ele conseguiu seu trabalho não remunerado com Le Corbusier baseado em uma qualificação não tradicional: sua caligrafia. Doshi disse ao Times da Índia em 2017 que não foi convidado a enviar um portfólio, mas "uma carta escrita à mão".

5) Ele visitou pela primeira vez os Estados Unidos através de uma bolsa de estudos da Fundação Graham em 1959.

6) Doshi esteve significativamente envolvido no projeto de Chandigarh, a nova capital do estado de Punjab (Chandigarh agora serve como uma capital conjunta do Estado para Punjab e Haryana). Ele foi encarregado de projetar os espaços de estar para os milhares de funcionários humildes do governo. Isso deu lugar ao seu interesse contínuo em produzir os melhores espaços comuns, básicos e de baixo custo.

Balkrishna V. Doshi com estudantes na Escola de Arquitetura, CEPT , Ahmedabad, c, nos anos 1970. Imagevia India: Modern Architectures in History by Peter Scriver, Amit Srivastava
Balkrishna V. Doshi com estudantes na Escola de Arquitetura, CEPT , Ahmedabad, c, nos anos 1970. Imagevia India: Modern Architectures in History by Peter Scriver, Amit Srivastava

7) Na década de 1960, Doshi abriu a Escola de Arquitetura em Ahmedabad com um currículo alternativo, conhecido a partir de 1972 como o Centro de Planejamento e Tecnologia Ambiental (CEPT). Louis Kahn fez parte como adjunto do corpo docente.

Amdavad ni Gufa, Ahmedabad. Image © Laurian Ghinitoiu
Amdavad ni Gufa, Ahmedabad. Image © Laurian Ghinitoiu

8) Um olhar mais atento ao aspecto estrutural de alguns dos trabalhos de Doshi revela um uso prático e generalizado de paredes maciças - essas espessas paredes servem como eficientes elementos de alta massa térmica no quente clima da Índia.

9) De 1967 a 1971 foi membro da equipe internacional do Team 10.

10) Doshi colaborou com Moshe Safdie, o arquiteto iraniano Nader Ardalan e o professor de Harvard, Josep Lluis Sert, para escrever a Declaração de Direitos do Habitat, submetida pelo Governo do Irã na Conferência de Assentamentos Humanos da UN Habitat em Vancouver em 1976.

Sangath Architects Studio. Cortesia de VSF
Sangath Architects Studio. Cortesia de VSF

11) O estúdio que projetou entre 1979 e 1981 mostra a progressão das tentativas de Doshi de fundir tendências modernas com técnicas indianas tradicionais. Para o projeto de Sangath, reinterpretou a tradição local do uso de mosaicos feitos de telhas cerâmicas recicladas.

Amdavad ni Gufa, Ahmedabad. Image © Laurian Ghinitoiu
Amdavad ni Gufa, Ahmedabad. Image © Laurian Ghinitoiu

12) Doshi fez parte do júri do Pritzker de 2005 a 2009.

© Laurian Ghinitoiu
© Laurian Ghinitoiu

Obras citadas:

Scriver, Peter, and Amit Srivastava. India. Reaktion Books, 2015.

Doshi, BV. “Ultimate Design Hero: Le Corbusier.” Elle Decor India, Dec. 2017- Jan. 2018.

Steele, James, and Balkrishna V. Doshi. The Complete Architecture of Balkrishna Doshi: Rethinking Modernism for the Developing World. Thames and Hudson, 1998.

Gehi, Reema. “An Architect By Chance.” Mumbai Mirror, 25 Dec. 2017, mumbaimirror.indiatimes.com/others/sunday-read/an-architect-by-chance/articleshow/62227310.cms.

Steele, James, and Balkrishna V. Doshi. The Complete Architecture of Balkrishna Doshi: Rethinking Modernism for the Developing World. Thames and Hudson, 1998.

Sobre este autor
AD Editorial Team
Autor
Cita: AD Editorial Team. "Quem é Balkrishna (B.V.) Doshi? 12 coisas para saber sobre o ganhador do Pritzker de 2018" [Who is Balkrishna (B.V.) Doshi? 12 Things to Know About the 2018 Pritzker Laureate] 07 Mar 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/890265/quem-e-balkrishna-bv-doshi-12-coisas-para-saber-sobre-o-ganhador-do-pritzker-de-2018> ISSN 0719-8906