O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. O ensino de arquitetura está realmente preparando nossos alunos para o futuro?

O ensino de arquitetura está realmente preparando nossos alunos para o futuro?

  • 07:00 - 10 Fevereiro, 2018
  • por
  • Traduzido por Vinicius Libardoni
O ensino de arquitetura está realmente preparando nossos alunos para o futuro?
O ensino de arquitetura está realmente preparando nossos alunos para o futuro?, © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Arch_classroom.jpg'> Auburn University College of Architecture Archives</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0/deed.en'>CC BY-SA 4.0</a>
© Auburn University College of Architecture Archives licensed under CC BY-SA 4.0

O ensino da arquitetura está em cheque. O desenvolvimento de novas tecnologias e a incorporação de novas ferramentas de realidade virtual, automação e inteligência artificial no exercício profissional da arquitetura, tem transformado essencialmente a dinâmica da nossa profissão. Isso tudo nos leva a refletir sobre o ensino da arquitetura nos dias de hoje, se a evolução tecnológica tem sido de fato, incorporada no ensino da disciplina com o objetivo de preparar nossos futuros arquitetos para a prática profissional e um futuro ainda incerto.

Em uma entrevista para o Common Edge intitulada ‘Architectural Education is Changing: Let’s Hope the Profession Can Keep Up’, Phil Bernstein defende sua ideia de que atualmente o ensino da arquitetura está, de fato, preparando os alunos para o futuro. Ele afirma que ao invés de se concentrar apenas em ensiná-los a se tornarem funcionários competentes, está ensinando-lhes habilidades para pensar sobre o futuro da profissão.

Bernstein defende o atual sistema de ensino da arquitetura contra à maioria das críticas. O experiente arquiteto e educador cita uma série de exemplos que ilustram como, nos dias de hoje, as universidades estão preparando os futuros arquitetos para o exercício da profissão, como por exemplo, através do estágio profissional que a maioria delas tem exigido. Ele também contesta o argumento de que as instituições não estão acompanhando os avanços tecnológicos, ressaltando que a maioria das universidades possui uma vasta gama de ferramentas de prototipagem e impressão 3D de última geração, provavelmente uma infraestrutura que a ampla maioria das empresas desconhece. O arquiteto sugere que são os escritórios de arquitetura, e não as instituições de ensino, que precisam "correr atrás", já que a maioria delas ainda utilizam ferramentas arcaicas de projeto que já deviam ter sido superadas.

A questão que realmente importa é saber se o ensino da arquitetura, baseado na prática de ateliês de projeto, é relevante para a futura prática profissional. Bernstein afirma que a complementaridade entre o ensino de ateliê e a prática através do estágio profissional, fornece aos nossos futuros arquitetos uma educação muito mais completa do que aquela apenas centrada no aspecto técnico.

No ateliê de projeto, o ensino deve privilegiar a importância sócio-cultural do profissional de arquitetura, é isso não deve ser visto como uma desvantagem, mas como uma inspiração para que nossos alunos possam sonhar com coisas muito mais importantes do que apenas resolver problemas ou, se conformar com a ideia de ser um simples funcionário de uma empresa qualquer. Se levarmos pelo outro caminho, corremos o risco de transformar cada vez mais a arquitetura em uma profissão sem graça e de caráter técnico, diminuindo o seu valor, respeito e remuneração.

Ele sugere que este sistema de ensino diversificado, tanto nos ateliês de projeto, em estágios profissionais e na operação das mais novas ferramentas tecnológicas disponíveis, estão preparando nossos alunos para o futuro "incógnito" da profissão. Para que possam enfrentar as situações desconhecidas do futuro, ele defende a necessidade de inspirar a curiosidade intelectual em primeiro lugar.

Os arquitetos que exigem que as universidades produzam "pequenos arquitetos" preparados para se encaixar perfeitamente na engrenagem de seus escritórios, não se dão conta de que são eles que estão perdendo a chance de se manterem atualizados para o futuro ... Como podemos estar melhor preparados para enfrentar os desafios do futuro se não fazemos ideia de como projetá-lo?

.

Sobre este autor
Yiling Shen
Autor
Cita: Shen, Yiling. "O ensino de arquitetura está realmente preparando nossos alunos para o futuro?" [Architectural Education: Is It Actually Preparing Our Students for the Future?] 10 Fev 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/888582/o-ensino-de-arquitetura-esta-realmente-preparando-nossos-alunos-para-o-futuro> ISSN 0719-8906