Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Ensino De Arquitetura

Ensino De Arquitetura: O mais recente de arquitetura e notícia

13 Dicas para evitar virar noites

Virar a noite: a ruína de todos os estudantes de arquitetura. O novo semestre acadêmico traz a chegada de novos e entusiasmados estudantes de arquitetura, ao lado de veteranos um pouco mais calejados no curso. E alunos de todos os níveis de experiência são lembrados da infeliz tendência de o trabalho, muitas vezes, ter que se estender durante a noite, o que é um hábito comum entre os alunos e até mesmo aqueles que trabalham em escritórios. Ainda que, muitas vezes, dizemos a nós mesmos no final de um projeto que seremos mais organizados da próxima vez, o trabalho sempre se acumula e essa parece ser a única opção - mas não é!

Com a arquitetura mantendo o título para a graduação que demanda mais tempo de estudo, é importante manter um equilíbrio saudável entre vida profissional e pessoal. Se você acha que está caindo na armadilha de ficar acordado até 6 da manhã todos os dias, este artigo deve evitar qualquer privação de sono. Com alguns conselhos de vários estudantes de arquitetura com anos de experiência esquivando-se da hora do crepúsculo, esta lista irá guiá-lo em seu caminho para dormir o suficiente e ter notas decentes.

Os melhores projetos construídos por estudantes: Envie o seu!

O ArchDaily está convidando seus leitores recém-formados a enviarem seus projetos de conclusão de curso para o nossa seleção dos melhores pavilhões, instalações e estruturas experimentais construídos por estudantes de todo o mundo.

Mais uma vez, unimos forças com o ArchDaily en Español, ArchDaily China e ArchDaily, buscando reunir o melhor que está sendo produzido por estudantes do mundo todo. Saiba como participar, a seguir.

Exposição FAU 70 Anos

Criada em 1948, a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAUUSP) é hoje uma das mais importantes faculdades de arquitetura da América Latina e está entre as 50 mais melhores do mundo.
Com aproximadamente 2 mil alunos (1500 na graduação e 500 na pós-graduação) a FAUUSP também se destaca na área de pesquisa com cerca de 20 laboratórios e 2 bibliotecas com mais de 150mil volumes.*
A exposição, com coordenação geral da Profa. Dra. Ana Lanna, apresenta a história dessa instituição desde o seu início no palacete da Vila Penteado até a transferência para o edifício

O ensino de arquitetura está realmente preparando nossos alunos para o futuro?

O ensino da arquitetura está em cheque. O desenvolvimento de novas tecnologias e a incorporação de novas ferramentas de realidade virtual, automação e inteligência artificial no exercício profissional da arquitetura, tem transformado essencialmente a dinâmica da nossa profissão. Isso tudo nos leva a refletir sobre o ensino da arquitetura nos dias de hoje, se a evolução tecnológica tem sido de fato, incorporada no ensino da disciplina com o objetivo de preparar nossos futuros arquitetos para a prática profissional e um futuro ainda incerto.

Em uma entrevista para o Common Edge intitulada ‘Architectural Education is Changing: Let’s Hope the Profession Can Keep Up’, Phil Bernstein defende sua ideia de que atualmente o ensino da arquitetura está, de fato, preparando os alunos para o futuro. Ele afirma que ao invés de se concentrar apenas em ensiná-los a se tornarem funcionários competentes, está ensinando-lhes habilidades para pensar sobre o futuro da profissão.

Seria o aprendizado online o futuro do ensino de arquitetura?

Este artigo foi originalmente publicado pela Common Edge como "Is Online Learning Really the Future of Architectural Education?"

O ensino superior está à beira de uma grande transição. É extremamente provável que a educação em arquitetura seja conduzida principalmente online num futuro relativamente próximo. Isso significa que as aulas de projeto, uma marco na vida do arquiteto, também acontecerão online, provavelmente sem o contato pessoal que define essa experiência. Essa mudança eliminará muitos aspectos autodestrutivos da cultura atual de ateliê, mas também há possíveis armadilhas que precisam ser abordadas, antes que uma versão online dessa cultura adquira seus próprios maus hábitos. Podemos fazer isso proativamente, desenvolvendo novos métodos de ensino e trabalho que alavanquem as capacidades da educação digital para promover a dinâmica social construtiva entre estudantes.

Harvard lança curso online gratuito de arquitetura

A Harvard Graduate School of Design divulgou um novo curso online gratuito intitulado "The Architectural Imagination". Lecionado por K. Michael Hays, Erika Naginski e Antoine Picon, o curso é de nível introdutório e se propõe a "ensinar como 'ler' a arquitetura como uma expressão cultural, além de uma realização técnica." O curso será oferecido através da plataforma edX, voltada a cursos online e fundada em 2012 através de uma parceria entre Harvard e o MIT.

200 anos de ensino de arquitetura no Brasil

O ensino de arquitetura no Brasil completou na última sexta-feira, 12 de agosto de 2016, 200 anos de história. A arquitetura é uma das profissões mais antigas do mundo. As técnicas de construção foram transmitidas oralmente, de geração em geração entre os praticantes do ofício, ao longo do tempo. No país, o ensino acadêmico começou a partir da assinatura do decreto de criação da Escola Real de Ciências, Artes e Ofícios, por D. João VI. De lá para cá, naturalmente, muita coisa mudou. Seja na forma de ensinar, de construir e até mesmo de pensar a arquitetura, seja na forma como a sociedade se organiza, habita e ocupa os espaços.

Os prós e os contras de virar noites fazendo projeto: a opinião de nossos leitores

Recentemente publicamos em nossa página uma matéria que indagava nossos leitores sobre os efeitos da cultura de passar noites em claro nos ateliês das universidades fazendo os trabalhos de projeto. Perguntas como: “longas jornadas de trabalho são boas ou ruins para arquitetos e aspirantes a arquitetos?”; ou “fechar o ateliê à noite ajuda efetivamente a lidar com essa cultura?” levaram o publico a refletir sobre esse hábito tão recorrente nas escolas e faculdades de arquitetura no Brasil e no mundo.

A repercussão da matéria mostra que este é um assunto, no mínimo, controverso, levantando – nos mais de 60 comentários em nossa página oficial e (muitos mais em nossa página no Facebook) – opiniões que divergem, sobretudo, para duas vertentes: a ausência de uma grade curricular integrada prejudica o desempenho dos alunos e colabora para essa cultura de virar noites; e a desorganização dos estudantes seria a principal causa das noites em claro.

Como Melhorar o Ensino de Arquitetura (em 12 passos)

Semana Acadêmica de Arquitetura: O Direito à Cidade / CALA - UFSC