O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Notícias de Arquitetura
  3. Rock Print: um método construtivo que desafia a gravidade

Rock Print: um método construtivo que desafia a gravidade

Rock Print: um método construtivo que desafia a gravidade
Rock Print: um método construtivo que desafia a gravidade, Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich
Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich

Todo mundo sabe que se empilharmos camadas e camadas de pequenas pedras, o resultado é uma pilha de pedras. Este é um dos fenômenos menos dramáticos da natureza; no entanto, se você fizer uso de cordas, todo o processo é transformando. Esta é a ideia por trás de Rock Print, uma instalação na Bienal de Arquitetura de Chicago criada por Gramazio Kohler Research do ETH Zurique e Skylar Tibbits do Self-Assembly Lab do MIT, que utiliza apenas estes dois elementos para criar uma coluna de quatro apoios auto portante que pode literalmente voltar aos seus elementos constituintes após o uso.

Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich + 17

A coluna foi construída dentro de uma forma de madeira com camadas de corda inseridas por um braço robótico que seguiu um padrão determinado por algoritmos. Entre estas camadas de cordas, finas camadas de pedras foram dispostas manualmente. Após a instalação ter alcançado sua altura total, a forma foi removida, deixando de pé apenas as pedras amarradas pelas cordas.

Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich
Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich

Como Tibbets explicou ao The Creators Project, o processo é essencialmente o mesmo de técnicas de impressão 3D com pó de nylon, a única diferença neste caso é que os grãos são significativamente maiores, e em vez de um aglomerante químico, usa-se cordas como aglutinante mecânico. A resistência da estrutura é confiada no equilíbrio entre o "fenômeno da interferência" - resultado de um grande número de partículas amontoadas num mesmo espaço - e a tensão de amarração proporcionada pela corda.

Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich
Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich

Segundo Gramazio Kohler, o projeto vai "muito além das técnicas de montagem manual de alvenaria seca", apresentando "um método construtivo sustentável, econômico e estruturalmente sólido que fundamentalmente desafia a arquitetura convencional."

Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich
Cortesia de Gramazio Kohler Research, ETH Zurich

Créditos: Gramazio Kohler Research, ETH Zurich e Self-Assembly Lab, MIT
Equipe: Prof. Fabio Gramazio, Prof. Matthias Kohler, Skylar Tibbits, Andreas Thoma (líder de projeto da instalação), Petrus Aejmelaeus-Lindström (líder da pesquisa), Dr. Volker Helm, Sara Falcone, Lina Kara'in, Michael Lyrenmann, George Varnavides, Stephane de Weck, Dr. Jan Willmann
Especialistas: Prof. Dr. Hans J. Herrmann and Dr. Falk K. Wittel, ETH Zurich; Prof. Dr. Heinrich Jaeger and Kieran Murphy, University of Chicago
Consultoria: Walt + Galmarini AG
Sponsors: Pro Helvetia Swiss Arts Council, swissnex, MISAPOR, and Beton AG

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Cita: Stott, Rory. "Rock Print: um método construtivo que desafia a gravidade" [Gramazio Kohler and Skylar Tibbets' "Rock Print" Is a Gravity-Defying Pile of Stones] 18 Out 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/775398/gramazio-kohler-e-skylar-tibbets-rock-print-is-a-gravity-defying-pile-of-stones> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.