O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Concursos
  3. Bienal de Veneza 2012: ‘Freeland’ e ‘Porous City’ / MVRDV + the why factory

Bienal de Veneza 2012: ‘Freeland’ e ‘Porous City’ / MVRDV + the why factory

Bienal de Veneza 2012: ‘Freeland’ e ‘Porous City’ / MVRDV + the why factory
Bienal de Veneza 2012: ‘Freeland’ e ‘Porous City’ / MVRDV + the why factory, Freeland / MVRDV e The Why Factory
Freeland / MVRDV e The Why Factory

 

Através do convite do Diretor David Chipperfield, MVRDV e The Why Factory participam da Bienal de Veneza de 2012. A contribuição principal consiste no projeto colaborativo ‘Freeland’, fazendo parte de uma exposição única no Pavilhão Central no Giardini. Outra contribuição feita por Winy Maas e The Why Factory é a ‘Porous City’ para o EU CITY Program, iniciado pelo European Forum for Architectural Policies (EFAP), representando a Europa pela primeira vez na Bienal de Arquitetura de Veneza.

Freeland / MVRDV e The Why Factory

A exposição coloca uma simples questão: E se você pudesse começar aqui e criar seu próprio mundo?

Freeland / MVRDV e The Why Factory

Freeland / MVRDV e The Why Factory

Freeland faz com que seus visitantes mergulhem em um mundo animado de uma cidade sem regras de planejamento urbano. A grande tela de projeção envolve o público e incita investigações sobre a legitimidade do planejamento clássico centralizado no mundo contemporâneo e inspira a individualização e a auto-organização dentro das cidades. “Freeland” é baseada em dois projetos: o Almere Oosterworld de MVRDV, o qual o ArchDaily Brasil publicou neste ano, e a pesquisa realizada com a organização do estúdio AnarCity, liderada por The Why Factory. Ambos os projetos instigam o pensamento “faça-você-mesmo” para o desenvolvimento de estratégias para as cidades. Impulsionada pela necessidade, pelos desejos individuais e por objetivos da comunidade, “Freeland” explora uma série de possibilidades, sendo que nenhuma delas é estritamente previsível.

Freeland / MVRDV e The Why Factory

O Almere Oosterworld de MVRDV afasta-se do desenvolvimento urbano ditado pelo governo e usa as iniciativas de seus habitantes para construir seus próprios bairros em escala como áreas verdes públicas, abastecimento de energia, gestão de água, gestão de desperdício, agricultura urbana e infraestrutura.

Freeland / MVRDV e The Why Factory

A AnarCity de The Why Factory é uma fantasia de urbanização radicalmente livre, aportando uma série de possibilidades em diferentes situações e contextos, incluindo a queda de governos, crises climáticas ou anarquismo voluntário. O filme conduz o espectador a uma viagem no tempo de volta a utopia Freeland. Sucessos, fracassos e surpresas surgem em uma série de narrativas intrigantes e, em todos os casos, constrói-se um estilo de vida autárquico para seus habitantes.

Porous City; © Frans Parthesius, Cortesia de MVRDV e The Why Factory

“Porous City”, uma exposição que acontecerá no Spazo Punch em Veneza, é composta de 676 torres brancas construídas por peças de LEGO em uma escala 1:1000, formalmente complexas e expressivas.

Porous City; © Frans Parthesius, Cortesia de MVRDV e The Why Factory

Sobre este autor
Fernanda Britto
Autor
Cita: Fernanda Britto. "Bienal de Veneza 2012: ‘Freeland’ e ‘Porous City’ / MVRDV + the why factory" 09 Set 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/69544/bienal-de-veneza-2012-freeland-e-porous-city-mvrdv-mais-the-why-factory> ISSN 0719-8906