i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Arte e Arquitetura: “As Built” por Nitsche Projetos Visuais

14:00 - 9 Abril, 2017
Arte e Arquitetura: “As Built” por Nitsche Projetos Visuais, © João Nitsche
© João Nitsche

© João Nitsche © João Nitsche © João Nitsche © João Nitsche +16

Em 2016, Nitsche Projetos Visuais interveio na Galeria Vermelho trazendo à tona todas as medidas e informações do "As Built" da reforma - assinada por Paulo Mendes da Rocha e José Armênio de Brito Cruz - da galeria.

Saiba mais, a seguir. 

Museu dos Coches inaugurará novo projeto expográfico

10:00 - 7 Abril, 2017
Museu dos Coches inaugurará novo projeto expográfico, © Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

O Museu Nacional dos Coches, projetado por Paulos Mendes da Rocha em parceria com o MMBB e Bak Gordon Arquitectos, inaugurará seu novo projeto expográfico no dia 19 de maio. Para instalar os equipamentos que vão permitir ler - e conhecer - os coches e berlindas que fazem parte desta coleção, o edifício fechará suas portas ao público partir de 26 de abril.

O projeto expositivo também é de autoria de Paulo Mendes da Rocha e, segundo o arquiteto português Nuno Sampaio, "foi concebido ao mesmo tempo que o edifício." O aguardado projeto levará, ao todo, quase dois anos para sair do papel. O novo edifício do Museu Nacional dos Coches foi inaugurado no dia 23 de maio de 2015, dia em que completava 110 anos desde que a rainha D. Amélia, mulher de D. Carlos, inaugurou a exposição de veículos da Casa Real de Portugal. A ausência de informação que permitisse ler os objetos expostos foi a principal crítica ao projeto.

MuBE inaugura a exposição "Pedra no Céu – Arte e Arquitetura de Paulo Mendes da Rocha"

10:00 - 4 Abril, 2017
MuBE inaugura a exposição "Pedra no Céu – Arte e Arquitetura de Paulo Mendes da Rocha"

O Museu Brasileiro da Escultura e Ecologia – MuBE, inaugurou recentemente a exposição Pedra no Céu – Arte e Arquitetura de Paulo Mendes da Rocha com mais de 50 obras de 25 artistas consagrados como Caio Reisewitz, Carmela Gross, Cildo Meirelles e Iran do Espírito Santo. Com curadoria de Cauê Alves e Guilherme Wisnik, a mostra traça um paralelo entre arte e a arquitetura de Paulo Mendes da Rocha, autor do projeto do MuBE

Inscrições abertas para o curso "Arquitetura Moderna em São Paulo" em Julho

16:00 - 13 Março, 2017
Inscrições abertas para o curso "Arquitetura Moderna em São Paulo" em Julho, (divulgação)
(divulgação)

 

História da Arquitetura: curso sobre a obra de quatro arquitetos brasileiros – Oscar Niemeyer, Vilanova Artigas, Lina Bo Bardi e Paulo Mendes da Rocha – com foco em suas produções em São Paulo. A arquitetura será discutida a partir da dimensão teórica e dos usos contemporâneos. Quatro visitas guiadas a prédios paradigmáticos – obras-chaves do modernismo em São Paulo – complementam as aulas expositivas. As aulas teóricas debaterão o contexto histórico dos projetos e arquitetos e as visitas comentadas serão oportunidades para experienciar os espaços e observar detalhes da construção no próprio local.

LOCAL E DATA
Auditório da Livraria Martins Fontes (Av.

Roteiro de projetos de Paulo Mendes da Rocha em São Paulo

10:00 - 17 Fevereiro, 2017

Nem todo cinza de São Paulo é triste. A cidade foi o caldeirão de uma das escolas mais importantes da arquitetura brasileira, a brutalista. Com nomes fortes como Lina Bo Bardi e Vilanova Artigas, o movimento buscou a poesia dura do concreto. Mas o maior expoente do brutalismo paulista acaba de entrar também para o seletíssimo grupo de um dos maiores arquitetos do mundo. Na semana passada, Paulo Mendes da Rocha recebeu a medalha de ouro do Royal Institute of British Architects, honraria que receberam também Le Corbusier e Frank Lloyd Wright. Esse prêmio só vem a se somar a tantos outros como o Leão de Ouro na Bienal de Veneza, o Praemium Imperiale japonês e o Prêmio Pritzker, considerado o Oscar da arquitetura.

Mas diferentemente de seus colegas premiados, Paulo Mendes foge dos holofotes e do modus operandi dos starchitects. Trabalha até hoje (tem 88 anos) quase sozinho em seu pequeno escritório no prédio do IAB, no Centro. De lá, há mais de 60 anos saem algumas das criações mais emblemáticas da nossa cidade, e que continuam de pé, como registro da beleza que só São Paulo sabe encontrar no concreto. Para quem não conhece o trabalho desse grande mestre, montei um roteiro com algumas das obras mais importantes. Muitas dá para visitar por dentro, mas algumas não tem jeito, só dá para admirar da rua mesmo.

O brilhantismo brutal de Paulo Mendes da Rocha

10:00 - 6 Fevereiro, 2017
O brilhantismo brutal de Paulo Mendes da Rocha, MuBE. Image © Nelson Kon. Cortesia de RIBA
MuBE. Image © Nelson Kon. Cortesia de RIBA

Paulo Mendes da Rocha talvez seja o arquiteto brasileiro mais reconhecido em território nacional, porém, sua reputação internacional ainda está sendo construída e prova disso são os três recentes prêmios que recebeu: o Leão de Ouro na Bienal de Veneza 2016, a RIBA Gold Medal 2017 e o Prêmio Imperial do Japão. 

Após á cerimônia do RIBA na última semana, o crítico de arquitetura Oliver Wainwright, em um artigo publicado no The Guardian, reconhece o brilhantismo de Paulo Mendes da Rocha e explica as razões que o tornam tão importante e ao mesmo tampo tão pouco conhecido fora do Brasil.

Paulo Mendes da Rocha recebe a Royal Gold Medal de Arquitetura 2017

18:02 - 1 Fevereiro, 2017
Paulo Mendes da Rocha recebe a Royal Gold Medal de Arquitetura 2017, Paulo Mendes da Rocha. Image © Morley von Sternberg. Cortesia de RIBA
Paulo Mendes da Rocha. Image © Morley von Sternberg. Cortesia de RIBA

O Royal Institute of British Architects (RIBA) premiou esta noite, 01 de fevereiro de 2017, Paulo Mendes da Rocha com a Royal Gold Medal de Arquitetura 2017.

Concedida em reconhecimento ao conjunto da obra, a Royal Gold Medal é dada a uma pessoa ou grupo de pessoas que tiveram uma significativa influência "seja direta ou indiretamente no avanço da arquitetura". Concedida desde 1848, entre os premiados em outros anos estão Zaha Hadid (2016), Frank Gehry (2000), Norman Foster (1983) e Oscar Niemeyer (1998), único brasileiro além de Mendes da Rocha a receber a honraria. 

Inscrições abertas para o curso "Arquitetura Moderna em São Paulo"

19:00 - 23 Janeiro, 2017
Inscrições abertas para o curso "Arquitetura Moderna em São Paulo", Divulgação
Divulgação

Curso sobre a obra de quatro arquitetos brasileiros – Oscar Niemeyer, Vilanova Artigas, Lina Bo Bardi e Paulo Mendes da Rocha – com foco em suas produções em São Paulo. A arquitetura será discutida a partir da dimensão teórica e dos usos contemporâneos. Quatro visitas guiadas a prédios paradigmáticos – obras-chaves do modernismo em São Paulo – complementam as aulas expositivas. As aulas teóricas debaterão o contexto histórico dos projetos e arquitetos e as visitas comentadas serão oportunidades para experienciar os espaços e observar detalhes da construção no próprio local.

Casa Butantã – Paulo Mendes da Rocha / org. Catherine Otondo

14:00 - 17 Dezembro, 2016
Casa Butantã – Paulo Mendes da Rocha / org. Catherine Otondo, Casa Butantã – Paulo Mendes da Rocha
Casa Butantã – Paulo Mendes da Rocha

Embora não costumem figurar nas publicações sobre sua obra, as residências de Paulo Mendes da Rocha revelam aspectos norteadores de seu pensamento. Por serem projetos experimentais, com os quais ele consolidou sua técnica e visão, constituem ricos objetos de estudo. Entre eles, a Casa Butantã, desenhada para o arquiteto e sua família em 1964, é quase um manifesto sobre uma nova maneira de morar. O concreto aparente, a continuidade dos espaços e a elegância das linhas despertam a atenção; mas é a concepção radical na qual se baseia a relação entre o privado e o comum o elemento inovador do projeto. A casa representa sua visão da arquitetura como experiência compartilhada do espaço – um dos elementos amplamente admirados em seu trabalho e mencionado pelo júri que o agraciou com o Prêmio Pritzker.

O livro oferece ao leitor uma visão completa da casa e busca transmitir o caráter experimental e lúdico de um dos projetos mais emblemáticos do arquiteto. Além da apresentação da arquiteta Catherine Otondo, a edição conta com posfácio de Flávio Motta, croquis e desenhos técnicos do projeto, depoimento inédito de Paulo Mendes da Rocha e ensaio fotográfico também inédito de seu filho – e o atual residente da casa – Lito Mendes da Rocha.

Lançamento Contravento 7.1 + Debate "Paulo Mendes da Rocha e sua visão da América".

16:00 - 14 Dezembro, 2016
Lançamento Contravento 7.1 + Debate "Paulo Mendes da Rocha e sua visão da América"., contravento 7.1. a utopia da fundação
contravento 7.1. a utopia da fundação

"E como se esperar, portanto, que a história futura da América do sul tome a direção desejada?"

Paulo Mendes da Rocha: "São Paulo não tem solução"

10:00 - 14 Dezembro, 2016
Paulo Mendes da Rocha: "São Paulo não tem solução", © Thierry Freitas, via Flick. CC
© Thierry Freitas, via Flick. CC

Arquiteto brasileiro mais premiado da história, Paulo Mendes da Rocha é famoso não apenas por sua arquitetura mas também por seu jeito desaforado e jocoso de dar sua opinião. Agraciado este ano com o Leão de Ouro da Bienal de Veneza, o Prêmio Imperial do Japão e a Medalha de Ouro do RIBA, estes se juntam na prateleira de seu escritório a dois Prêmios Mies van der Rohe e ao Prêmio Pritzker de Arquitetura.

"Você fica muito tempo parado e as pessoas começam a te dar prêmios". Em conversa com a repórter Letícia Mori, da Folha de S. Paulo, Mendes da Rocha comenta sobre o livro que será lançado esta semana sobre a Casa Butantã e sobre o futuro da cidade de São Paulo.

Casa da Arquitectura: Primeira Instituição que une acervo e exposições exclusivamente de arquitetura em Portugal

08:00 - 14 Dezembro, 2016
Casa da Arquitectura: Primeira Instituição que une acervo e exposições exclusivamente de arquitetura em Portugal, Cortesia de Casa da Arquitectura-Centro Português de Arquitectura
Cortesia de Casa da Arquitectura-Centro Português de Arquitectura

Foi anunciada recentemente durante a finissage da  Representação Oficial Portuguesa na 15ª Exposição Internacional de Arquitetura La Biennale di Venezia 2016  o projeto e a programação da Casa da Arquitectura - Centro Português de Arquitectura que inaugurará no dia 16 de Junho de 2017.

Casa da Arquitectura - Centro Português de Arquitectura inaugura no dia 16 de junho de 2017

20:44 - 25 Novembro, 2016
Casa da Arquitectura - Centro Português de Arquitectura inaugura no dia 16 de junho de 2017, via Casa da Arquitectura-Centro Português de Arquitectura
via Casa da Arquitectura-Centro Português de Arquitectura

Foi anunciado hoje durante parte da programação da finissage da Representação Oficial Portuguesa na 15ª Exposição Internacional de Arquitetura La Biennale di Venezia 2016 que o projeto A Casa da Arquitectura-Centro Português de Arquitectura  será inaugurado no dia 16 de junho de 2017, em Matosinhos, com a exposição “Poder Arquitectura”, comissariada por Jorge Carvalho, Pedro Bandeira e Ricardo Carvalho.

Paulo Mendes da Rocha, nosso leão de ouro

10:00 - 25 Outubro, 2016
Paulo Mendes da Rocha, nosso leão de ouro, © Romullo Baratto
© Romullo Baratto

- Sabes junto de quem darei palestra hoje no final da tarde?
- Claro que sei. O Paulo, um dos [nossos] maiores arquitetos do Brasil.
- Para mim, do mundo.

Ouvi, por acaso, esse pequeno trecho de conversa entre Eduardo Souto de Moura, Pritzker de 2011, e Joanna Helm, nossa Diretora de Conteúdos do ArchDaily Brasil, quando esperava para entrar no Auditório do Ibirapuera para a programação da X Bienal Ibero-Americana de Arquitetura e Urbanismo. Naquela mesma tarde, uma pequena multidão de arquitetos e estudantes lotou as dependências do auditório para ver dividirem o palco Souto de Moura e Paulo Mendes da Rocha.

Em foco: Paulo Mendes da Rocha

07:00 - 25 Outubro, 2016
Em foco: Paulo Mendes da Rocha, © PMDR Archive
© PMDR Archive

Todo o espaço deve ser ligado a um valor, a uma dimensão pública. Não há espaço privado. O único espaço privado que você pode imaginar é a mente humana. 

Inscrições abertas para o workshop Filming Architecture em Lisboa - Dezembro de 2016

16:00 - 24 Outubro, 2016
Inscrições abertas para o workshop Filming Architecture em Lisboa - Dezembro de 2016 , Cortesia de Filming Architecture em Lisboa
Cortesia de Filming Architecture em Lisboa

Filming Architecture - workshop de filmagem de arquitetura – fará uma edição na semana de encerramento da Trienal de Lisboa de Arquitectura. As atividades terão como produto um filme curta metragem produzido no Museu dos Coches em Lisboa, projetado por Paulo Mendes da Rocha e Ricardo Bak Gordon.

Paulo Mendes da Rocha + Metro, Fuksas e PJAR Architects projetam casas pré-fabricadas para “Revolution Pre-Crafted”

19:00 - 20 Outubro, 2016
Paulo Mendes da Rocha + Metro, Fuksas e PJAR Architects projetam casas pré-fabricadas para “Revolution Pre-Crafted”, Cortesia de Revolution Precrafted
Cortesia de Revolution Precrafted

Acrescentando à sua coleção de casas pré-fabricadas projetadas por ilustres arquitetos, a “Revolution Pre-Crafted” divulgou três novos projetos de Paulo Mendes da Rocha + Metro, Massimiliano & Doriana Fuksas e Philip Johnson Alan Ritchie Architects.

As três propostas seguem o objetivo da Revolution Pre-Crafted de democratizar o projeto de estruturas pré-fabricadas, oferecendo uma linha de produtos que incorporam a distinta visão espacial de mestres da arquitetura. As novas casas se juntam a projetos de Zaha Hadid, Sou Fujimoto, Daniel Libeskind e Gluckman Tang

Paulo Mendes da Rocha: “Arquitetura não quer ser funcional; quer ser oportuna”

07:00 - 14 Outubro, 2016
Paulo Mendes da Rocha: “Arquitetura não quer ser funcional; quer ser oportuna”, Museu Brasileiro de Escultura (MuBE), 1995. Imagem © Nelson Kon
Museu Brasileiro de Escultura (MuBE), 1995. Imagem © Nelson Kon

Paulo Mendes da Rocha é um dos arquitetos mais cultuados do Brasil. E apesar do fato de pouco de seu trabalho ser encontrado fora de São Paulo, seu estilo  é reverenciado mundo afora, o que lhe rendeu o Prêmio Pritzker em 2006 e recentemente, a Medalha de Ouro do Royal Institute of British Architects. À luz desta nova premiação e como parte de sua coluna City of Ideas  (Cidade de Ideias, em tradução livre), Vladimir Belogolovsky compartilha conosco uma entrevista realizada com Paulo Mendes da Rocha em 2014. Tal entrevista aconteceu em seu escritório em São Paulo e contou com a colaboração do arquiteto Wilson Barbosa Neto como tradutor, e foi originalmente publicada no livro de Belogolovsky intitulado “Conversations with Architects in the Age of Celebrity,” até então sem tradução para o português. 

Vladimir Belogolovsky: Em seu texto "As Américas, Arquitetura e Natureza", você diz que "para brasileiros e americanos em geral, a experiência histórica começa com o mundo moderno. Existe uma diferença entre reconstruir cidades antigas na Europa e construir cidades novas nas Américas". Você poderia desenvolver este pensamento?

Paulo Mendes da Rocha: Claro, existe uma diferença de atitude quando se constrói em um lugar como o Brasil ou o continente Americano em geral, ao contrário da Europa. As paisagens são diferentes, as cidades são diferentes, as culturas são diferentes. Como é possível comparar São Petersburgo na Rússia à Vitória, minha cidade natal?

Ginásio do Clube Atético Paulistano, 1957. Imagem Cortesia de Paulo Mendes da Rocha Ginásio do Clube Atético Paulistano, 1957. Imagem Cortesia de Paulo Mendes da Rocha Capela de São Pedro, 1999. Imagem © Cristiano Mascaro Pinacoteca do Estado de São Paulo, 1998. Imagem © Nelson Kon +27