Pagina inicial

Conheça a história por trás da nova identidade da nossa marca

Saiba mais
  1. ArchDaily
  2. Space10

Space10: O mais recente de arquitetura e notícia

5 Diretrizes para uma cidade autossuficiente e circular

O mundo está em constante mudança e nossas cidades estão em constante evolução para se adaptar a ele. À medida que nos encontramos imersos em desafios, os especialistas se veem reexaminando as abordagens que a humanidade fez até agora, a fim de estabelecer novas ideias para um amanhã melhor.

"As cidades estão no centro do problema e, portanto, também no centro da solução." O Space 10, um laboratório de pesquisa e design focado nas pessoas e no planeta, acaba de lançar sua última publicação, The Ideal City, em colaboração com a gestalten. Reunindo conhecimentos de todo o mundo, o livro repensa as cidades, investigando como criar espaços que apoiem o bem-estar dos moradores e contribuam para um mundo melhor. Coletando projetos e opiniões de especialistas, ele destaca 5 pilares principais que ajudam a moldar o futuro das cidades.

 EVA Studio – Foto por Gianluca Stefani . Imagem Cortesia de Space 10- The Ideal CityAtelier Masomi — Foto por Maurice Ascani. Imagem Cortesia de Space 10- The Ideal CityBETA — Foto por Ossip Van Duivenbode . Imagem Cortesia de Space 10- The Ideal CityFoto por Iwan Baan. Imagem Cortesia de Space 10- The Ideal City+ 12

Da habitação ao comércio: redefinindo programas e tipologias espaciais

Com a mudança das necessidades e aspirações da sociedade, tipologias espaciais e programas arquitetônicos são constantemente questionados, e essa reavaliação cria premissas para a inovação. O que veremos a seguir é uma exploração, de como a arquitetura está metabolizando as mudanças fundamentais da sociedade em vários aspectos da vida cotidiana, desafiando os pressupostos existentes sobre os programas e o espaço.

The Urban Village Project. Imagem cortesia de EFFEKTProposta para uma comunidade autossuficiente. Imagem cortesia de Guallart ArchitectsWollert Neighborhood Center. Imagem cortesia de OMAEscritórios Second Home em Hollywood / selgascano. Imagem © Iwan Baan+ 11

Fabricação digital na arquitetura: onde chegamos e até onde podemos chegar

Há alguns anos, a fabricação digital começava a despontar como uma das grandes novidades no cenário da arquitetura, prometendo transformar para sempre a nossa disciplina e a forma como construímos nossos edifícios. Embora esta revolução arquitetônica de facto ainda não tenha se materializado de forma definitiva, infinitas novas possibilidades parecem surgir a cada ano que passa, principalmente como resultado do trabalho árduo de pesquisadores e profissionais dedicados ao desenvolvimento de novas tecnologias voltadas à prática da arquitetura e construção. Portanto, neste exato momento, parece oportuno dedicarmos um pouco do nosso tempo para mapear esse avanços, apresentando aos nossos leitores uma perspectiva mais abrangente sobre como a tecnologia está transformando efetivamente a prática da arquitetura dia após dia. Este artigo procura cobrir algumas das principais abordagens que já estão começando a gerar resultados bastante concretos, transformando os processos de projeto e construção e contribuindo definitivamente para a redefinição do potencial da arquitetura, recontextualizando da nossa disciplina na era da informação.

Robotic Collaboration. Imagem Cortesia de ETH ZurichSmart Slab. Imagem © Mike LyrenmannGrowroom. Imagem © Niklas VindelevAquahoja. Imagem Cortesia de MIT Media Lab+ 11

Projetos "open source" podem aproximar-nos do sonho da habitação acessível universal?

Renderização. Cortesia de SPACE10
Renderização. Cortesia de SPACE10

O sonho da habitação universal acessível tem sido uma ideia experimentada e testada por arquitetos ao longo da história. Da excêntrica Dymaxion House, de Buckminster Fuller, uma imaginação de como viveríamos no futuro, às casas que poderiam ser montadas como móveis da IKEA, muitas propostas têm enfrentado o desafio de criar habitações acessíveis ou moradias que pudessem ser replicadas, não importa o tempo e o lugar. No entanto, embora o uso de técnicas como construção pré-fabricada e materiais baratos parecesse, em teoria, capaz de resolver problemas imediatos de falta de moradia e a crise global da habitação, repetidamente essas propostas simplesmente não decolaram. Mas por que?

O laboratório de pesquisa da IKEA, SPACE10, está tentando encontrar uma resposta para essa pergunta através da colaboração de código aberto (open source). Ao lançar o projeto de uma micro-casa que usava apenas um material e uma máquina para criá-la acompanhada por um site que cataloga o processo e convida ao feedback, estão convidando arquitetos, designers e aspirantes a trabalharem juntos na criação de uma solução que poderia melhorar a vida de milhões de pessoas. “A visão”, dizem, “é que, ao alavancar a criatividade e o conhecimento coletivo do mundo, podemos disponibilizar casas modulares, sustentáveis e de baixo custo para qualquer pessoa e, como resultado, democratizar as casas de amanhã”.

IKEA Lab disponibiliza desenhos para construir um jardim esférico

Após vencer o "Design of the Year" com uma solução de habitação para refugiados, intitulada "Better Shelter", a IKEA retorna com uma solução pioneira para uma das necessidades contemporâneas da sociedade. Desenvolvido pelo laboratório de inovação IKEA Space10, em parceria com os arquitetos Sine Lindholm e Mads-Ulrik Husum, o "Growroom" consiste em uma estrutura esférica de jardim destinada a ajudar as pessoas a "cultivarem seu próprio alimento localmente de maneira bonita e sustentável". E agora, os desenhos da estrutura foram disponibilizados gratuitamente on-line através da plataforma de código aberto Space10, dando a todos a oportunidade de construir seu próprio jardim esférico.

Growroom designers Mads-Ulrik Husum and Sine Lindholm. Image © Niklas Vindelev. Via Space10The original Growroom exhibited at CHART ART FAIR (with Bjarke Ingels). Image © Rasmus Hjortshøj. Via Space 10© Niklas Vindelev. Via Space10IKEA Lab disponibiliza desenhos para construir um jardim esférico+ 5