Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Londres

Londres: O mais recente de arquitetura e notícia

Foster + Partners projeta torre em forma de tulipa em Londres

A Tulip Tower, um arranha-céu de design controverso projetado pela Foster + Partners para o centro de Londres, está muito próxima de se tornar realidade uma vez que acaba de ser analisada pelas autoridades de planejamento da capital britânica. O relatório emitido pelo órgão responsável pela aprovação de novos projetos na cidade afirma que Londres será presenteada com “um novo edifício icônico”, de formas “ousadas e marcantes”. A torre atingirá 305 metros de altura e será implantada bem ao lado do The Gherkin: uma das estruturas mais icônicas do Reino Unido, também projetada pela Foster + Partners.

As autoridades foram particularmente convencidas pela proposta de instalação de uma escola no complexo da Tulip Tower, uma instituição educacional que seria operada pelos próprios proprietários do edifício, o Grupo J. Safra. Isso porque a escola ofereceria mais de 20.000 novas vagas gratuitas para as crianças da rede pública de ensino da capital, além de “impressionantes vistas para o centro de Londres a mais de 300 metros acima do nível do chão”.

© DBOX for Foster + Partners © DBOX for Foster + Partners © DBOX for Foster + Partners © DBOX for Foster + Partners + 6

"Recifes de Silêncio": uma utopia fúnebre submarina

O artista e arquiteto Yunil Nam, de Londres, desenvolveu um projeto ilustrado inspirado no romance de ficção científica de Jules Verne, Vinte Mil Léguas Submarinas. O projeto, intitulado The Reef of Silence [O Recife de Silêncio], explora “espaços fúnebres e o cultivo de corais em uma estrutura submarino como forma de investigação sobre questões culturais e ambientais no Oceano Índico."

A proposta fictícia se volta aos abutres ameaçados de extinção que se alimentam de cadáveres humanos e os simbolismos religiosos envolvidos nisso. O processo de sepultamento de Tectonic Vultures consiste em novas técnicas de decomposição, como liofilização e liquefação, que transformam o corpo humano em nutrientes na forma de pó ou líquido.

© Yunil Nam © Yunil Nam © Yunil Nam © Yunil Nam + 12

Artista constrói escultura de aço inoxidável de 17 toneladas a partir de mapas de Londres

O artista Lee Simmons inaugurou uma escultura 15 metros de altura e 17 toneladas no bairro de Marylebone, em Londres. Batizado de Quadrilinear, o projeto consiste em cinco camadas de aço cortado a laser que, empilhadas, atingem quatro pavimentos de altura. De geometria retangular, a coluna de aço inoxidável é baseada em mapas históricos desconstruídos do bairro.

Quadrilinear. Imagem © Lee Simmons Quadrilinear. Imagem © Lee Simmons Quadrilinear. Imagem © Lee Simmons Quadrilinear. Imagem © Lee Simmons + 10

Serpentine Pavilion 2019 será projetado pelo arquiteto japonês Junya Ishigami

A Serpentine Gallery de Londres anunciou o arquiteto japonês Junya Ishigami como responsável pelo projeto do Serpentine Pavilion 2019. Ishigami, que aos 44 é o segundo arquiteto mais jovem a participar do programa (depois de Frida Escobedo), é conhecido por seus projetos que exploram aspectos como leveza e efemeridade.

O projeto de Ishigami consiste em uma grande superfície de ardósia suspensa no parque, erguida por esbeltos pilotis que criam uma paisagem interna que lembra uma floresta. A penumbra proporcionada pela cobertura criará um espaço sereno para contemplação e reflexão. Ishigami explica que seu projeto para o pavilhão exemplifica a ideia de "espaço livre", com a qual ele "busca a harmonia entre estruturas feitas pelo homem e aquelas que já existem".

Serpentine Pavilion 2019 será projetado pelo arquiteto japonês Junya Ishigami Junya Ishigami, Botanical Garden Art Biotop / Water Garden, Tochigi, Japan, 2018, © Junya Ishigami + Associates Junya Ishigami by Tasuko Amada Serpentine Pavilion 2019, Design Render, Exterior View, © Junya Ishigami + Associates + 6

Residência na Chivalry Road / Sketch Architects

© Adam Scott © Adam Scott © Adam Scott © Adam Scott + 19

Casas  · 
Londres, Reino Unido
  • Arquitetos Autores deste projeto de arquitetura Sketch Architects
  • Área Área deste projeto de arquitetura
    60

Projeto de Heatherwick Studio para renovar antigo centro de eventos em Londres é aprovado pelas autoridades

O Heatherwick Studio recebeu aprovação para colocar em marcha o projeto em Olympia London, um espaço para exposições e eventos de 150 anos, em West Kensington, Londres. Trabalhando em colaboração com o SPPARC, o projeto transformará o local de 56 mil m² em restaurantes, hotéis, locais de espetáculos e escritórios, além de criar 10 mil m² de novos espaços públicos. A proposta visa transformar o Olympia London em um centro cultural de nível mundial no oeste de Londres.

Olympia London. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio Olympia London. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio Olympia London. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio Olympia London. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio + 5

Diller Scofidio + Renfro apresentam projeto para o novo Centro da Música de Londres

A Diller Scofidio + Renfro apresentou o projeto para o novo Centro da Musica de Londres. Desenvolvido para abrigar o The Barbican, a Orquestra Sinfônica de Londres e a Guildhall School of Music & Drama, o projeto conceitual havia sido lançado anteriormente como parte de um projeto maior. Concebido como o maior e mais importante centro musical de Londres, o novo edifício concebido pela Diller Scofidio + Renfro será a porta de entrada da nova e emergente Cidade da Cultura de Londres.

Concept Design: Centre for Music. Image Courtesy of Diller Scofidio + Renfro Concept Design: Centre for Music. Image Courtesy of Diller Scofidio + Renfro Concept Design: Centre for Music. Image Courtesy of Diller Scofidio + Renfro Concept Design: Centre for Music. Image Courtesy of Diller Scofidio + Renfro + 7

Casa em um Jardim / Gianni Botsford Architects

© Edmund Sumner © Edmund Sumner © Edmund Sumner © Edmund Sumner + 73

Casas  · 
Londres, Reino Unido

Proposta de Morris + Company reaproveita Estação de metrô de Londres como albergue para sem-tetos

Morris + Company divulgou imagens de sua proposta vencedora do concurso que abordava a crise dos sem-teto em Londres. A proposta M+C, produzida para o New Horizon Youth Center e para o prefeito de Londres, reaproveita a estação de metrô abandonada York Road como um albergue e espaço de co-working.

Intitulado “Stepping Stones”, o projeto procura fornecer “uma estratégia de terreno inclusiva, viável e holística que possa apoiar uma comunidade gerenciada e equilibrada, oferecendo aos jovens moradores de rua uma solução discreta para habitação de longo prazo. "

Açúcar, cravo e canela: Norman Foster e ZHA criam o paraíso dos biscoitos de Natal

Os principais escritórios de arquitetura de Londres, incluindo Foster + Partners e Zaha Hadid Architects, foram tomados pelo espírito natalino para criar mais de 60 estruturas em escala feitas de biscoitos de natal, formando uma cidade comestível em miniatura. A iniciativa, intitulada Gingerbread City, tem curadoria do Museu de Arquitetura de Londres e estará em exibição no Museu Victoria & Albert até o dia 6 de janeiro.

De acordo com o The Daily Mail, a cidade de açúcar inclui blocos de torres futuristas, instalações esportivas e um moderno abrigo para os sem-teto projetados pela Holland Harvey Architects. As delícias arquitetônicas foram construídas usando diversos ingredientes da confeitaria, incluindo alcaçuz, balas de goma e cerejas.

© Luke Hayes, via Museum of Architecture © Luke Hayes, via Museum of Architecture © Luke Hayes, via Museum of Architecture © Luke Hayes, via Museum of Architecture + 6

Dupla de arranha-céus projetada por Zaha Hadid Architects em Londres recebe aprovação

O projeto de Zaha Hadid Architects para a Vauxhall Cross Island Towers acaba de ser aprovado pela prefeitura da cidade de Londres. As duas torres receberam luz verde para o início das obras, o par de arranha-céus será implantado junto à Estação Vauxhall, um terminal intermodal em pleno centro da capital britânica. O projeto que havia sido revelado publicamente há praticamente um ano (19 de janeiro de 2018), será o primeiro projeto no Reino Unido desenvolvido para um cliente privado pelo escritório dirigido por Patrik Schumacher.

© Slashcube © Slashcube © Slashcube © Slashcube + 8

Os melhores arranha-céus de 2018

1: Lotte World Tower / Kohn Pedersen Fox Associates with Baum Architects. Image © Tim Griffith
1: Lotte World Tower / Kohn Pedersen Fox Associates with Baum Architects. Image © Tim Griffith

A Emporis anunciou os resultados do seu prêmio Emporis Skyscraper, que reconhece os melhores edifícios em altura construídos no ano anterior. Nesta edição, o prêmio principal foi concedido à Lotte World Tower em Seul, Coreia do Sul, projetada por Kohn Pedersen Fox Associates e Baum Architects. A torre mais alta da Coreia do Sul também conta com o deck de observação com piso de vidro mais alto do mundo, oferecendo uma vertiginosa vista de 555 metros de altura.

Carros elétricos e cidades do futuro: uma proposta da Jaguar e Barr Gazetas

A fabricante de carros Jaguar se uniu ao arquiteto Tom Barton, do escritório Barr Gazetas, para imaginar as conseqüências de um futuro com automóveis elétricos nas cidades. Tomando quatro estudos de caso no Reino Unido, a equipe especulou sobre questões de infraestrutura existentes e as oportunidades de melhoria possibilitadas pelos veículos elétricos.

Com 180.000 veículos elétricos nas estradas do Reino Unido em 2018 e 1 milhão estimado em 2020, os estudos de caso imaginam um futuro em que as alternativas verdes aos combustíveis fósseis impulsionam o transporte e as construções em cidades de emissão zero. Abaixo, apresentamos os quatro cenários estudados: com uma rodovia, um estacionamento interno, um terreno industrial e uma paisagem urbana mais ampla.

© Barr Gazetas © Barr Gazetas © Barr Gazetas © Barr Gazetas + 5

Pavilhões em um jardim / Threefold Architects

© Charles Hosea
© Charles Hosea

© Charles Hosea © Charles Hosea © Charles Hosea © Charles Hosea + 19

  • Arquitetos Autores deste projeto de arquitetura Threefold Architects
  • Área Área deste projeto de arquitetura
    83.0 m2

Illuminated River transformará o rio Tâmisa de Londres em instalação luminosa

O artista Leo Villareal e o escritório de arquitetura Lifschutz Davidson Sandilands, com sede em Londres, estão trabalhando juntos para projetar e instalar a primeira fase do projeto de arte pública da Illuminated River Foundation, que irá iluminar elementos arquitetônicos de pontes existentes, redefinindo a paisagem à beira-rio.

Esta instalação marca o estágio inicial do projeto que foi anunciado há quase dois anos. Todas as etapas devem ser concluídas até 2022. Em sua totalidade, incluirá intervenções em 15 pontes no centro de Londres - criando uma obra de arte única e conectada ao longo do rio que flui da Albert Bridge, no oeste de Londres, até a Tower Bridge, no centro da cidade.

Foster + Partners projeta torre em forma de tulipa para o centro de Londres

Foster + Partners revelou detalhes de sua última proposta de arranha-céu para a cidade de Londres. "The Tulip" procura se tornar uma "nova atração cultural pública" ao lado do The Gherkin: uma das estruturas mais icônicas de Foster e de Londres.

O projeto de 305 metros de altura, em forma de botão de flor, nomeado em função de seu volume inspirado na natureza, oferecerá uma instalação educacional operada pelos proprietários dos edifícios J. Safra Group. O programa, com 20.000 vagas gratuitas por ano para as crianças das escolas públicas de Londres, contará com “mirante incomparável para ver Londres a uma altura de cerca de 300 metros”.

© DBOX for Foster + Partners © DBOX for Foster + Partners © DBOX for Foster + Partners © DBOX for Foster + Partners + 8

Projetos que teriam transformado Londres, mas que nunca foram construídos

Londres é uma das cidades mais icônicas e amadas do mundo, com uma mistura diversificada de estilos arquitetônicos que abrangem os séculos. Todos os anos, 20 milhões de turistas lotam a cidade em busca de marcos emblemáticos como o Big Ben, o Palácio de Westminster, a London Eye e a Trafalgar Square.

Mas Londres poderia ter sido muito diferente. Através do tempo, uma série de projetos ambiciosos, loucos e revolucionários foram elaborados em torno da cidade, apenas para serem consignados a uma história não construída. Para demonstrar isso, a Barratt Homes desenterrou “alguns dos projetos de construção mais ambiciosos da capital e que nunca viram a luz do dia”.

Wilkinson Eyre projeta elevador panorâmico para a Battersea Power Station em Londres

O escritório de arquitetura Wilkinson Eyre divulgou imagens do seu mais novo projeto, um elevador panorâmico para a controversa Battersea Power Station. O elevador alcançará os 109 metros de altura de uma das icônicas chaminés do edifício industrial da capital britânica. Assim que for inaugurado, o acesso à Battersea Power Station permitirá aos visitantes desfrutar de vistas panorâmicas do skyline da capital a partir de uma das estruturas mais apaixonantes de Londres. O Chimney Lift, como será chamado, é um dos três novos empreendimentos que estão sendo desenvolvidos dentro da estrutura da famosa Power Station. Os responsáveis pelo edifício estão trabalhando em conjunto com um seleto grupo de lojas e marcas para finalizar em breve a proposta principal, que deverá alterar para sempre o monumental espaço da sala de turbinas construída durante os anos 1930 e 1950.

Battersea Power Station. Imagem Cortesia de Wilkinson Eyre Battersea Power Station. Imagem Cortesia de Wilkinson Eyre The Chimney Lift. Imagem Cortesia de Wilkinson Eyre Battersea Power Station. Imagem Cortesia de Wilkinson Eyre + 4