Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Gustavo Penna

Gustavo Penna: O mais recente de arquitetura e notícia

"Eu vi um Brasil na TV" com Jô Vasconcellos, Gustavo Penna e Francesco Perrotta-Bosch

"Eu vi um Brasil na TV" foi o tema do debate que no dia 8 de novembro de 2018, reuniu um conjunto de arquitetos participantes na Exposição "Infinito Vão - 90 Anos de Arquitetura Brasileira" no Instituto Moreira Salles, em São Paulo.

Workshop Arquitetura como Símbolo

Nos dias 19 e 20 de novembro acontece na Escola de Arquitetura e Urbanismo da PUC MINAS - Poços de Caldas o workshop Arquitetura como Símbolo, atividade que faz parte do projeto Gustavo Penna 73/23 - 50 anos de Arquitetura, Desenho e Palavra. A programação inclui palestras dos arquitetos e urbanistas Luis Antônio Jorge e Marina Grinover, além do próprio Gustavo Penna que ministrará, também, uma oficina de desenho. Fátima Barnabé e Henrique Ferreira, que representam os patrocinadores do projeto, debatem “As visões macro e micro da arquitetura”. Uma avaliação dos desenhos apresentados na oficina ministrada por Gustavo Penna e

Gustavo Penna 73/23 - 50 anos de Arquitetura, Desenho e Palavra

No dia 09 de outubro, às 19h, no Cidad3, em São Paulo, será lançada a pedra fundamental de Gustavo Penna 73/23 - 50 anos de Arquitetura, Desenho e Palavra. O projeto de longo prazo, idealizado por uma equipe de professores da PUC Poços de Caldas e com patrocínio da Gerdau e Deca, prevê a publicação de livros, workshops, concursos, plataforma multimídia e exposição. As atividades antecipam as cinco décadas de carreira do arquiteto mineiro que se completarão em 2023.

Para analisar as dezenas de projetos de Penna, um corpo docente multidisciplinar da PUC irá se debruçar, de 2018 a 2023, sobre

Vídeo: Rio Academy promove debate sobre mobilidade urbana e o espaço dos veículos na cidade

Os organizadores do Fórum Rio Academy compartilharam conosco o vídeo do evento Debates & Provocações, que reuniu, na manhã de terça-feira, os arquitetos Jaime Lerner, Alejandro Aravena e Gustavo Penna, e contou com a mediação de Marcelo Moura, editor da revista ÉPOCA.

O debate se centrou na redução do espaço dos carros em favor de ciclovias e calçadas mais largas, abordando temas como a extrema valorização dos carros nas cidades contemporâneas e sua grande dependência neste modal. Aravena, por exemplo, destacou que parte dos problemas de mobilidade urbana são causados pelas grandes distâncias entre moradia e trabalho, falta de qualidade nos transportes públicos e incentivos ao transporte individual, como muitos estacionamentos. Também foram apontadas questões em relação ao contato entre pedestres, que pode tornar a convivência na cidade mais rica, reconstruindo a humanidade neste ambiente urbano.

Clube Serra Dourada - Alphaville / Gustavo Penna

© Jomar Bragança © Jomar Bragança © Jomar Bragança © Jomar Bragança + 25

  • Arquitetos Autores deste projeto de arquitetura Gustavo Penna
  • Área Área deste projeto de arquitetura
    1077.35 m2

Lançamento do livro “Arquitetura Gustavo Penna Impressões” no Auditório do Ibirapuera

Expoente da arquitetura mineira desde os anos 1980, a obra de Gustavo Penna é significativa para a arquitetura contemporânea nacional. Arquitetura Gustavo Penna Impressões, lançamento da BEĨ editora, apresenta em panorama o resultado de 40 anos de criação arquitetônica de Gustavo Penna.

O livro será lançado no dia 23 de setembro, durante o ciclo de palestras “Arq.Futuro | A Cidade e a Água”, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo, às 19h.

Primeiro Lugar no Concurso para o Centro Administrativo de Belo Horizonte / GPA&A

Um edifício transparente de linhas horizontais que se ergue sobre um vão de 20 metros, criando uma grande praça pública, integrando os espaços de pedestres e preservando o patrimônio arquitetônico da cidade. Foi com essa proposta que a GPA&A venceu o concurso nacional para o novo Centro Administrativo de Belo Horizonte.

Perspectiva externa. Image Courtesy of GPA&A Vista a partir da praça. Image Courtesy of GPA&A Vista aérea. Image Courtesy of GPA&A Vista da ciclovia interna. Image Courtesy of GPA&A + 26

Monumento à Liberdade de Imprensa / Gustavo Penna

Este é um projeto finalista no WAF de 2014.

O Monumento à Liberdade de Imprensa é um gesto feito de vidro.

XXV EREA Pirenópolis 2012 – Mão na Massa

Os Encontros de Estudantes de Arquitetura são os maiores e mais conhecidos projetos da FeNEA, Federação Nacional de Estudantes de Arquitetura e Urbanismo do Brasil, os quais possuem caráter educacional, social e cultural, sem fins lucrativos, fomentando a integração e o intercâmbio de ideias dos estudantes de todo o país.
O XXV EREA da Regional Centro, acontece em Pirenópolis, entre os dias 21 e 25 de março de 2012, este terá como temática a arquitetura realizada como obra e não apenas a concepção do projeto; este é o meio, a obra é o fim, ou seja, vamos colocar a mão na massa. O encontro incentivará o estudante de arquitetura a participar ativamente de oficinas, experiências e obras de pequeno porte, aprimorando o conhecimento adquirido em materiais, sistemas construtivos, tecnologias em eficiência energética e obras de baixo impacto, com a participação da comunidade local e da sociedade organizada. O conhecimento tecnológico aplicado em obras é um grande instrumento do arquiteto na busca atual do que significa uma cidade sustentável, remetidas às cidades construídas e projetadas que pensam nos impactos ambientais, sociais, econômicos e culturais de seu desenvolvimento e crescimento.
Iniciou-se pelas ecocidades, apenas no aspecto ambiental, a necessidade de diminuir a “pegada ecológica” das áreas urbanas, com o mínimo de poluição possível e uso eficiente dos recursos através da reciclagem, energias renováveis, onde mais da metade da população mundial vive em áreas urbanas com combate às mudanças climáticas, à miséria e a degradação da biodiversidade.
Para que sejam tratados tais assuntos serão realizadas atividades como palestras, mesas de discussão, oficinas, workshops, vivências, congresso de iniciação científica, dentre outras.

O cronograma conta com:
- Palestras com Márcio Kogan, Gustavo Penna, Lelé
- Mesas de discussão sobre temas atuais;
- Oficinas relacionadas à sustentabilidade, permacultura, o arquiteto e sua obra;
- Vivências com o Iphan conhecendo o Patrimônio da cidade; conhecendo o IPEC (Instituto de Permacultura);
- Congresso de Iniciação Científica, onde os alunos tem a oportunidade de apresentarem seus Projetos de Extensão e Trabalhos Acadêmicos.