Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Bim

Bim: O mais recente de arquitetura e notícia

DWG, IFC, RVT, PLN? As extensões de arquivos mais comuns para arquitetura

É muito comum que arquitetos utilizem mais de um programa no decorrer de um projeto. Enquanto determinado software pode ajudar na concepção e nos primeiros testes de forma, outro pode funcionar melhor para a confecção da documentação de projeto como plantas e cortes. Um terceiro pode ser usado para o modelo tridimensional, e ainda outros para a renderização. Há ainda programas usados na pós-produção das imagens, vídeos, ou mesmo para a diagramação de pranchas e cadernos. A lista é grande e os processadores dos computadores podem sofrer.

Ainda que com os programas BIM (Building Information Model) essa peregrinação entre programas tenda a diminuir por abrangerem todo o processo projetual, entender a vasta lista de extensões de arquivos nas pastas nem sempre é algo tão simples. Além disso, não é raro que haja incompatibilidades entre versões e mesmo em tipos de arquivos, quando o projeto precisa ser encaminhado para as equipes complementares, por exemplo. Fizemos um apanhado das extensões de arquivos mais usados pelos arquitetos, focando principalmente nos programas BIM, mas abrangendo as principais extensões que um arquiteto provavelmente irá se deparar em algum momento durante sua prática:

Como o BIM pode tornar as reformas e retrofits mais eficientes

BIM (Building Information Modeling) é uma sigla cada vez mais usual entre os arquitetos. A maioria dos escritórios e profissionais já vem migrando ou planeja mudar para esse sistema, que representa digitalmente as características físicas e funcionais de uma edificação, integrando diversas informações sobre todos os componentes presentes em um projeto. Através dos softwares BIM é possível criar digitalmente um ou mais modelos virtuais precisos de uma construção, o que proporciona maior controle de custos, eficiência na obra. Também há possibilidade simular o edifício, entendendo seu comportamento antes do início da construção, e seu respectivo suporte ao projeto ao longo de suas fases, inclusive após construído ou na sua desmontagem e demolição.

Reforma do Mason Bros Warehouse / Warren and Mahoney. Image © Simon Devitt Reforma do Mason Bros Warehouse / Warren and Mahoney. Image © Simon Devitt © Bruce Damonte Novo Laboratório, Centro de Pesquisa e Fábrica / Marvel Architects. Image © David Sundberg | Esto + 9

BIM: o futuro da arquitetura (e dos concursos públicos de projeto)

A arquitetura e o urbanismo do século XXI tem em mãos inúmeras tecnologias que auxiliam arquitetos e planejadores a pensarem o espaço. Atualmente, inovações como realidade aumentada, renderizações hiper-realistas, impressão 3D, entre outras, fazem parte do cotidiano da profissão. Mas é possível que nenhuma delas influencie tanto o processo de projeto como a tecnologia BIM, sigla para Building Information Modelling (ou a Modelagem da Informação da Construção). Sua aplicação impõe aos arquitetos uma nova maneira de abordar a construção de nossas edificações.

7 Coisas que arquitetos e urbanistas precisam saber sobre a tecnologia BIM

Arquitetura e Urbanismo é um dos mercados que mais evolui de acordo com os novos desenvolvimentos tecnológicos. É assim com o maquinário pesado usado na construção, com os materiais de obra e também com as ferramentas de projeto. Hoje, essa evolução está relacionada à tecnologia BIM.

Essa é a sigla para Building Information Modeling, ou Modelagem da Informação da Construção. Trata-se de um método de trabalho que reúne, por meio de ferramentas digitais, todas as informações que dizem respeito à construção de um edifício. 

1° BIM CREA-SC

A Alves Espíndola está organizando o Evento BIM CREA-SC que será pioneiro em nossa região! .
Será nos dias 07 e 08 de novembro, na cidade de Florianópolis-SC, onde reuniremos especialistas renomados em BIM de todo o Brasil.
Segue abaixo as informações:
Acesse https://doity.com.br/bim-crea-sc e saiba mais!
Informações adicionais:
O evento tem expectativa de receber até 240 pessoas.
O público esperado é de Engenheiros, arquitetos, profissionais da área pública e privada, construtoras, investidores e estudantes.
PALESTRAS:
Teremos excelentes palestras com palestrantes renomados e muitos cases daqui da nossa região, como o case da EB Tapera, do Aeroporto de Florianópolis, obras de saneamento em SC, temas

Como escolher um BIM Manager para seu escritório

Com a conscientização da importância do uso da tecnologia BIM para o desenvolvimento dos projetos, muitas empresas da área da construção civil têm tido dificuldade para encontrar um BIM Manager. Surgem muitas inseguranças, principalmente porque, muitas vezes, o entrevistador ou a própria empresa não sabem exatamente o que estão procurando, ou como e onde procurar - e muito menos qual candidato é o mais indicado para a tarefa.

10 projetos nos quais o BIM foi essencial

A tecnologia BIM (Building Information Modeling) permite organizar de maneira estruturada e disciplinada o processo projetual ao manter num mesmo arquivo desenho, modelo e documentação de cada projeto. Seja através do ArchiCAD ou Revit, cada vez mais os escritórios migram para este tipo de ferramenta pelo auxílio que elas prestam aos arquitetos. Aqui, selecionamos dez obras, de distintas escalas, que foram realizadas através de softwares BIM.

BIM: Baixe 14 Templates de visualização para produzir plantas atraentes e expressivas

O trabalho em BIM propõe que a produção de desenhos técnicos seja uma consequência ou resultado de um trabalho de modelagem com informações em três dimensões. O resultado disso, em geral, são modelos 3D que, ao levá-los às planimetrias, não conseguem expressar o nível de detalhamento e complexidade que o trabalho com as metodologias BIM permite. Para isso, é necessário desenvolver configurações que permitam gerar desenhos técnicos expressivos e, assim, representar nossos projetos da melhor forma possível.

En este artículo encontrarás un archivo de proyecto de Arquitectura en Revit con una serie de View Templates configurados. Orientado a arquitectos que están recién comenzando a trabajar con Revit y metodologías BIM, este archivo te permitirá incorporar View Templates en tus proyectos de Revit, transmitiendo de mejor manera las ideas y conceptos que están detrás de tus planimetrías.

ArchiCAD ou Revit, qual escolher?

Atualmente, existem vários softwares de diversas empresas que são utilizados ao longo do ciclo de vida de um projeto executado sob metodologias BIM, no entanto, no que diz respeito ao estágio de desenvolvimento de modelos, ArchiCAD e Revit são os mais utilizados a nível mundial. Geralmente, considera-se que o Revit tem a maior parte do mercado, embora o ArchiCAD tenha aproximadamente 18 anos a mais. Na verdade, foi o primeiro software BIM no mercado. No entanto, isso não significa que o Revit seja uma ferramenta melhor que o ArchiCAD. Como vamos explorar abaixo, há muitas considerações a se ter em mente antes de chegar a uma conclusão.

ABDI e Ministério da Indústria lançam a maior biblioteca pública BIM do mundo

Não mais o futuro, o sistema BIM já é efetivamente o presente da arquitetura e da construção civil no Brasil e no mundo. A sigla advém da expressão Building Information Modelling - ou, em português, Modelagem da Informação da Construção - e consiste em um sistema de representação digital das características físicas e funcionais de um projeto, possibilitando o "uso integrado de informações relativas a cada obra."

Do CAD ao BIM. Quais as ferramentas do arquiteto brasileiro?

O desenho auxiliado por computador (CAD) é hoje o sistema mais utilizado como ferramenta de produção de desenho técnico entre profissionais e acadêmicos da construção civil. Através do AutoCAD (Autodesk) se tornou popular por representar geometrias que traduziam as intenções de projeto em duas dimensões. Lançado nos anos 80, ainda muito atual e utilizado por grandes corporações, estende sua utilidade através da tradição que construiu ao longo de quatro décadas de mercado.

Conselhos básicos para começar a utilizar o BIM

No momento de considerar a implementação de metodologias BIM (Building Information Modeling), como um profissional independente ou em uma empresa, deve-se levar em conta três aspectos fundamentais e igualmente importante: tecnologias, processos e pessoas. Abaixo, abordamos os pontos-chave em cada uma dessas áreas, para fornecer uma compreensão básica de como começar a utilizar o BIM.

BIM é bem mais que um software

Cortesia de Bricsys
Cortesia de Bricsys

É 2018, e deve ficar claro para todos no campo da Arquitetura e Construção que o BIM é o futuro para projeto, construção e manutenção de edifícios e infraestrutura. Há milhões de dólares em dinheiro de marketing gastos por empresas de software BIM todos os anos, tentando convencê-lo de que o Building Information Modeling não pode acontecer sem seu produto. Eles tentarão convencê-lo de que seu produto é o “verdadeiro BIM”. É claro que vivemos em uma sociedade capitalista aberta, onde esse comportamento é esperado. No entanto, se você e sua empresa estiverem migrando para o BIM, esse ruído de fundo pode ser preocupante ... e, se não for, deveria ser.