1. ArchDaily
  2. Biennale

Biennale: O mais recente de arquitetura e notícia

Bienal de Arquitetura de Tallinn é adiada para 2022

A Bienal de Arquitetura de Tallinn (TAB) do ano que vem foi adiada para 2022. O anúncio é do Centro de Arquitetura da Estônia, que disse que a 6ª edição foi postergada “devido ao adiamento da Bienal de Arquitetura de Veneza, bem como aos tempos incertos que os eventos culturais internacionais enfrentam. em decorrência da pandemia de coronavírus.

TAB 2017 Curatorial Exhibition. Imagem © NAAROTAB 2019 "Beauty Matters", Curador Yael Reisner. Imagem © Tõnu TunnelTAB 2019 "Beauty Matters", Curador Yael Reisner. Imagem © Tõnu TunnelCortesia de Estonian Centre for Architecture+ 6

Bienal de Arquitetura de Tallinn anuncia a programação completa para a TAB 2019

A Bienal de Arquitetura de Tallinn de 2019, na Estônia, será inaugurada no próximo mês de Setembro. A semana de inauguração da TAB 2019, entre os dias 5 e 11, marcará a abertura da 5ª edição do maior evento de arquitetura do país. Recentemente, a TAB anunciou a programação completa para o festival deste ano, cujo tema é “Beauty Matters: The Resurgence of Beauty”. A Bienal de Arquitetura de Tallinn é organizada a cada dois anos pelo Centro de Arquitetura da Estônia. A edição deste ano está sendo curada pelo Dra. Yael Reisner, arquiteto israelense que vive e trabalha em Londres. A Bienal será composta por cinco eventos principais, os quais acontecerão em pleno centro histórico de Tallinn, além de uma série de programas satélites que tomarão as ruas de toda capital estoniana.

TAB 2015 Installation by Sille Pihlak and Siim Tuksam. Image © Tõnu TunnelTAB 2017 installation by Gilles Retsin. Image © NAAROTAB 2017 Curatorial Exhibition ecoLogicStudio. Image © NAAROTAB 2017 Curatorial Exhibition. Image © NAARO+ 12

Como (não) projetar uma Bienal: "Freespace" é realmente um espaço livre?

Este artigo foi originalmente publicado pela Metropolis Magazine sob o título "Taking a Second Look at This Year's Nebulous Venice Architecture Biennale."

Uma das poucas verdades incontestáveis que emergiram durante a 16ª Bienal Internacional de Arquitetura de Veneza, inaugurada no último dia 26 de maio e aberta ao público até o próximo dia 25 de novembro, é que a sensibilidade e habilidade em projetar não necessariamente fazem de um arquiteto um bom curador de uma bienal.