1. ArchDaily
  2. 3 D Rendering

3 D Rendering: O mais recente de arquitetura e notícia

Sem experiência com renderização? 4 técnicas que você pode usar no lugar do render

Se há alguma palavra que descreve como são as renderizações arquitetônicas hoje em dia, seria: impressionante. O imenso mundo da renderização permitiu que as pessoas se envolvessem em ambientes construídos virtualmente, explorando cada espaço e experimentando o que podem ouvir ou sentir ao passar de uma sala para outra sem estar fisicamente presente no projeto.

O objetivo principal de uma renderização é ajudar a visualizar como será o resultado final do projeto. Seja para fins de apresentação ou construção, os arquitetos precisam traduzir suas visões de uma forma que ajude as pessoas que não estavam envolvidas no processo de ideação a entender o espaço e as experiências que vêm com ele. No entanto, nem todos os arquitetos têm as habilidades adequadas ou o tempo para criar tais ambientes hiper-realistas, mas com a excepcional qualidade das imagens produzidas atualmente e a crescente demanda, tornou-se obrigatório que todos os projetos sejam apresentados com um 3D realista. Então, se você é um daqueles arquitetos que não tem habilidade nem tempo, aqui estão algumas maneiras de apresentar seu projeto com uma experiência visual imersiva que traduz sua identidade sem recorrer a softwares 3D.

Off-White Flagship Store Miami. Imagem © Virgil Abloh + AMOFOUN’TA’SY. Imagem Cortesia de Public Housing Enterprise J.S.CMuseo Casa Estudio Diego Rivera y Frida Kahlo / Juan O´Gorman / 1931. Imagem Cortesia de Diego Inzunza - Estudio Rosamente© Apostrophy's+ 11

12 Tutoriais de pós-produção para melhorar drasticamente seus renders

Em tempos de grande esforço comercial, onde cada vez mais, ideias em Arquitetura parecem inclinar-se a representação hiperrealista, na tentativa de convencer seus clientes (ou júri, no caso de concursos de arquitetura) de que a futura execução trará tamanha qualidade quanto a fantasia da imagem, os renderings assumem alto grau de importância na apresentação dos projetos.

Por esta perspectiva, é comum que anualmente haja novas atualizações, bem como o surgimento de novos programas especializados em renderizações, ferramentas capazes de atingir resultados tão impressionantes que chegam a confundir as imagens finais com fotografias, cruzando o irreal com a noção de ultra realidade. 

Para quem fazemos renders hiper-realistas?

A pergunta pode parecer direta, mas a busca pelas respostas pode apontar para uma série de caminhos mais complexos que contribuem não apenas para o entendimento do público-alvo das renderizações hiper-realistas na arquitetura, mas também para problematizar quais são seus objetivos.

Vessel Public Landmark / Heatherwick Studio. Courtesy of Getty Images / Forbes MassieRender realizado por Nicholas Holanda. Imagem cortesia de CURAZaha Hadid Architects projeta a sede do CECEP em Shanghai. Render por Negativ.com. Image © Zaha Hadid ArchitectsLazy Sunday morning, rendered in Lumion by Gui Felix (project by Marcio Kogan of MK27)+ 7

A estranheza das renderizações arquitetônicas “imperfeitamente perfeitas”

Há pouco mais de 50 anos, em 1970 mais especificamente, um roboticista japonês chamado Masahiro Mori cunhava um importante conceito ou hipótese no campo da estética, robótica e computação gráfica: Uncanny Valley—traduzido para o português como Vale da Estranheza. Naquela época, as renderizações arquitetônicas, ou melhor, colagens e fotomontagens, ainda eram feitas com o emprego de métodos analógicos. Uma década depois, o surgimento dos primeiros computadores pessoais e a popularização dos programas CAD impulsionaram uma ampla adoção de métodos digitais para a elaboração de imagens ilustrativas de projetos de arquitetura. Quase quarenta anos depois, as renderizações arquitetônicas evoluíram a tal ponto que é quase impossível distinguir um render de uma fotografia. Resultado direto do desenvolvimento de novas tecnologias, da utilização de softwares cada vez mais sofisticados e computadores cada dia mais rápidos e eficientes, os limites entre representação e realidade parecem se desmanchar no ar. A sutileza desta suspicaz semelhança, e o desconforto que ela provoca, é a nossa porta de entrada para o misterioso Vale da Estranheza de Mori.

Cortesia de OMACortesia de LumionCortesia de BIGCortesia de Alexis Christodoulou+ 10

Os diferentes usos das renderizações na arquitetura

Com renderizações cada vez melhores se tornando onipresentes, alunos e arquitetos sentem a pressão de dominar um conjunto adicional de habilidades para transmitir suas ideias. Até que ponto as renderizações ajudam ou atrapalham um portfólio ou um projeto? Qual a importância dessas imagens no processo de projeto? As renderizações informam sobre um determinado conjunto de habilidades além das relacionadas aos softwares? Este artigo explora diferentes perspectivas sobre o papel das renderizações na profissão.

Kengo Kuma & Associates - Smyrna Church. Imagem © LuxigonCMG Qianhai Global Trade Center por OMA. Imagem © Luxigon11th Street Bridge Park por OMA. Imagem © LuxigonBarozzi Veiga. Imagem © Luxigon+ 8

Visualização realista de arquitetura: conheça as novas ferramentas do Twinmotion 2020

A visualização da arquitetura em tempo real oferece um imediatismo atraente que ajuda arquitetos e clientes a entenderem melhor os edifícios ainda não construídos. Com a ferramenta de visualização interativa Twinmotion, agora é possível transformar os modelos BIM e CAD em experiências realistas em tempo real com mais rapidez e facilidade do que nunca.

Arquitetos e projetistas se beneficiam enormemente de ferramentas fáceis de aprender e usar, mas também buscam criar visualizações que proporcionem uma genuína sensação de presença. O realismo é a chave para alcançar isso. Com o lançamento do Twinmotion 2020, a visualização de arquitetura em tempo real atingirá um nível de realismo com o qual poucas ferramentas podem competir.

Neste artigo, oferecemos uma prévia de alguns dos novos recursos do Twinmotion que transformarão suas visualizações de arquitetura em verdadeiras imagens realistas. 

Courtesy of Epic GamesCourtesy of Epic GamesCourtesy of Epic GamesCourtesy of Epic Games+ 5

Processadores e placas de vídeo atualizadas melhoram o desempenho do iMac para softwares de arquitetura

Na Apple Worldwide Developers Conference de hoje, a gigante tecnológica anunciou a mais nova série de atualizações de desempenho em sua gama de produtos de softwares e hardwares. Visando desenvolvedores de softwares e outros usuários de alta tecnologia, o evento foi destacado pelo anúncio de significativas melhorias em suas capacidades gráficas e de processamento dos computadores - ou em termos arquitetônicos - os componentes necessários para trabalhar em projetos como criar conteúdo dentro de uma experiência de Realidade Virtual ou renderizações em tempo real.

via Apple Special Event Streaming. 5 de Junho de 2017via Apple Special Event Streaming. 5 de Junho de 2017via Apple Special Event Streaming. 5 de Junho de 2017via Apple Special Event Streaming. 5 de Junho de 2017+ 11