Pavilhão da China na Bienal de Veneza revisita os tradicionais pátios residenciais

Pavilhão da China na Bienal de Veneza revisita os tradicionais pátios residenciais

Nomeado "Yuan-er, a Courtyard-ology: From the Mega to the Micro", o Pavilhão Chinês na 17ª Bienal Internacioal de Arquitetura de Veneza irá responder às questões de como arquitetura pode contribuir para igualdade, conectividade e unidade, ao resgatar as tipologias tradicionais familiares chinesas. Com curadoria de Zhang Li, o pavilhão irá estar exposto de 22 de Maio de 2021 à 21 de Novembro do mesmo ano.

Cortesia de TeamMinusCortesia de TeamMinusCortesia de TeamMinusCortesia de The Palace Museum+ 5

Para responder este questionamento, o arquiteto e professor, Zhang Li explora as tipologias chinesas que somam mais de 2000 anos, conhecidas como Yuan-er, o que quer dizer que ele observa as características físicas e dos ocupantes desses pátios multi familiares. A Cidade Proibida, que existe há 600 anos, é considerado o exemplo mais ilustre dessa tipologia. Para explorar ainda mais, a equipe de curadoria do Pavilhão da China convidou especialistas do Museu do Palácio para ajudar a identificar as características culturais subjacentes.

Cortesia de TeamMinus
Cortesia de TeamMinus

O tema reflete a virada de página da arquitetura contemporânea, tanto chinesa quanto global. Em comparação com a obsessão pelas formas no final do século passado, os arquitetos de hoje estão chegando a um consenso mundial de que a arquitetura deve abordar a vida das pessoas normais, se quiser permanecer uma força positiva em nossa civilização. - Zhang Li

A exposição aborda questões como "por que Yuan-er foi capaz, no passado e hoje, de aproximar pessoas de tamanha diversidade? Quais são as relações espaço-corpo que geram comunidades urbanas coesas que se estendem de um yuan a outro? Como a sabedoria dos antigos yuanes beneficiaria a arquitetura de nosso tempo para que as pessoas vivessem juntas, tanto online quanto offline? "

Cortesia de TeamMinus
Cortesia de TeamMinus

O pavilhão chinês incluirá 5 seções. Na primeira seção, intitulada Juntos Aprendemos (Parte I), vários arquitetos exibem histórias individuais de inspirações e intervenções relacionadas ao yuan, por meio de vídeos. Na segunda seção, Juntos Aprendemos (Parte II), 6 arquitetos chineses e 6 historiadores dissecam casos clássicos e fornecem interpretações por meio de projeções de holograma. Na terceira seção, Juntos nós Projetamos, os visitantes participantes são convidados a projetar seus próprios yuan-ers, usando IA que apresenta elementos de 6 jovens arquitetos chineses. Na quarta seção, Juntos nós Sentimos, as instalações sonoras levam os visitantes a uma jornada de sentidos. E, finalmente, na quinta seção, Juntos nós Curamos, a sala de um verdadeiro yuan-er fora do pavilhão chinês compartilha histórias de como as pessoas usaram o espaço como um espaço de cura.

Cortesia de The Palace Museum
Cortesia de The Palace Museum

Yuan-er, a Courtyard-ology: From the Mega to the Micro

© YAO Hong
© YAO Hong

Zhang Li

Dr. Zhang Li é Professor de Arquitetura e Reitor Associado da Escola de Arquitetura da Universidade Tsinghua, na China. Ele é o arquiteto-chefe adjunto do Instituto de Pesquisa e Projeto Arquitetônico da Universidade de Tsinghua e dirige o escritório de projetos Atelier TeamMinus em Pequim. Já foi convidado para dar palestras em instituições na Europa, América do Norte, Oriente Médio e Sudeste Asiático, além de ser o editor-chefe da revista chinesa World Architecture e o designer-chefe do Beijing 2022 OWG Zhangjiakou Zone e Beijing 2022 OWG Shougang Big Air.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Stouhi, Dima. "Pavilhão da China na Bienal de Veneza revisita os tradicionais pátios residenciais" [Chinese Pavilion at the 2021 Venice Biennale Reimagines Traditional Multi-family Courtyards] 19 Mai 2021. ArchDaily Brasil. (Trad. Martino, Giovana) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/961672/pavilhao-da-china-na-bienal-de-veneza-revisita-os-tradicionais-patios-residenciais> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.