Banheiros modulares: como adaptar espaços pré-fabricados a um projeto de arquitetura?

Banheiros modulares: como adaptar espaços pré-fabricados a um projeto de arquitetura?

Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de PorcelanosaMonobath: baños industrializados. Image Cortesía de PorcelanosaMonobath: baños industrializados. Image Cortesía de PorcelanosaPorcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa+ 31

Os sistemas pré-fabricados tornaram-se uma opção extremamente eficiente para concluir projetos que requerem soluções modulares padronizadas, como hotéis, hospitais, residências e edifícios habitacionais. As principais vantagens da aplicação de módulos prontos são a redução do tempo de obra, o ótimo controle e a rastreabilidade dos projetos. Embora a questão da funcionalidade destes sistemas seja importante, em termos de sua fácil e rápida execução, se forem feitos de materiais de qualidade isso agrega ainda mais valor ao projeto. Porém, para saber como esses módulos funcionam e são aplicados, é necessário primeiro entender sua origem e processo.

Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa

A construção modular é um processo que permite levantar estruturas de maneira significativamente mais rápida do que os métodos tradicionais de construção. Ambos os processos possuem etapas prévias de projeto e engenharia, mas a diferença está na forma de construção. Enquanto no primeiro caso as peças são produzidas na fábrica, no segundo são feitas in loco. Assim, a construção modular pode ser definida como um sistema construtivo que permite a pré-fabricação de soluções modulares transportáveis ​​e montáveis ​​no local.

Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa

Um cômodo modular pré-fabricado é uma das opções que podem ser criadas em um processo de construção modular. É constituído por um espaço previamente construído na fábrica, contemplando as dimensões e as peças precisas e adequadas a serem incorporadas na estrutura de um edifício. Atualmente, podemos encontrar unidades modulares totalmente completas que incluem estrutura, acabamentos, instalações, móveis e até acessórios, como é o caso dos sistemas Unit-Systems | Monobath de Porcelanosa Grupo. Este sistema compreende uma série de banheiros pré-fabricados que mesclam a eficiência da pré-fabricação com componentes e materiais de alto padrão. O módulo é transportado até o local e a montagem é realizada por meio de sistema de levantamento. Graças a este processo, é rara a ocorrência de imprevistos que podem surgir num método construtivo tradicional, onde os prazos costumam ultrapassar o previsto.

Porém, antes da fabricação de cada módulo, o projeto deve acomodar-se para receber a chegada de todo o cômodo, considerando as dimensões das instalações, os dispositivos e os materiais que o compõem.

Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa

Além de reduzir o tempo de execução em até 50%, a produção de módulos pré-fabricados também garante um processo construtivo mais ambientalmente responsável. Os sistemas pré-fabricados se destacam pela eficiência energética e pela redução da poluição do ar por meio do reaproveitamento de resíduos e compostos de outros processos.

Quanto tempo pode levar o processo de projeto e construção com unidades modulares pré-fabricadas? Unit-Systems | Monobath segue as seguintes etapas:

  1. Analisar as necessidades do usuário: Projeto básico e relatório de qualidade (2 semanas)
  2. Engenharia: Análise técnica do projeto e realização do orçamento (4 semanas)
  3. Produção do módulo piloto: Revisão e melhoria do projeto e coleta de materiais (4-5 semanas)
  4. Produção: Engenharia de processo e inicialização da linha de produção (8 a 10 semanas)
  5. Controle de qualidade: Controle das normas vigentes, garantia e rastreabilidade
  6. Logística: Embalagem, selagem dos módulos e transporte (prazos conforme projeto)
  7. Execução: Instalação rápida e precisa, e assistência técnica (horários conforme projeto)
  8. Pós-venda: inspeção de qualidade

Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa

Adaptação do módulo na obra

Depois de descarregado no canteiro de obras, o cômodo completo é colocado em uma plataforma elevatória, à qual se agrega uma série de lingas de cabos de aço. O banheiro é levantado e a plataforma é apoiada e fixada na borda da laje, para então ser deslocado em planta à sua posição final, onde é nivelado.

Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa
Monobath: baños industrializados. Image Cortesía de Porcelanosa

Esteticamente falando, cada módulo pode ser projetado e personalizado em sua totalidade. No caso dos sistemas Monobath é possível aplicar qualquer revestimento Porcelanosa; o único requisito é que ele se encaixe no espaço exigido pelo arquiteto / usuário. Por este motivo, é necessário definir a escolha dos acabamentos na primeira fase do projeto, garantindo o seu bom funcionamento, reduzindo os custos por quebras e conseguindo um desenho de azulejos e pavimentos com menos juntas. No entanto, os especialistas recomendam especialmente os azulejos de grande formato, já que uma única peça pode até cobrir uma parede inteira. A seguir, você pode comparar diferentes cômodos modulares pré-construídos.

Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 3,5mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 3,5mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 9mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 9mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa
Porcelanato de gran formato – XLight 6mm. Image Cortesía de Porcelanosa

Para conhecer mais sobre as soluções industrializadas Unit-Systems, clique aqui.

Sobre este autor
Cita: Valenzuela, Catalina. "Banheiros modulares: como adaptar espaços pré-fabricados a um projeto de arquitetura?" [Baños modulares: ¿Cómo adaptar espacios prefabricados a un proyecto de arquitectura?] 05 Jan 2021. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/954319/banheiros-modulares-como-adaptar-espacos-pre-fabricados-a-um-projeto-de-arquitetura> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.