Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Artigos
  3. As 20 melhores cidades do mundo para as bicicletas, segundo a Copenhagenize 2019

As 20 melhores cidades do mundo para as bicicletas, segundo a Copenhagenize 2019

As 20 melhores cidades do mundo para as bicicletas, segundo a Copenhagenize 2019
As 20 melhores cidades do mundo para as bicicletas, segundo a Copenhagenize 2019, © Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

Não parece estranho que um dos índices mais respeitados sobre o uso da bicicleta seja elaborado por uma empresa dinamarquesa. Este ranking da Copenhagenize Design Company, indica, através de um sistema de pontos, as cidades que se esforçam em reestabelecer a bicicleta como uma forma de transporte aceita e prática.

Esta consultoria de desenho urbano com sede em Copenhague, Bruxelas e Montreal, assessora os governos sobre como trabalhar para alcançar uma paisagem urbana mais apta para ciclistas, propondo soluções que se valem de um amplo espectro de planejamento, desenho urbano, comunicação e pesquisas de observação, ao invés de centrar-se exclusivamente na engenharia das cidades.

"Enquanto Copenhague, Amsterdã e Utrecht se mantém na dianteira em termos do urbanismo das bicicletas, este ano quatro dos recém chegados de diferentes continentes nos mostram como as cidades de todo o mundo estão dando grandes passos adiante com a bicicleta como meio de transporte" - Copenhagenize Design Company

Esta é a lista da edição 2019:

01. Copenhague

Posição no ranking 2017: 01

"Copenhague tomou a dianteira como a cidade mais apta para ciclistas do mundo em 2015. Dessa vez, mesmo que a capital dinamarquesa conservando seu primeiro lugar em 2019, a margem diminuiu. A competição no pódio é feroz com Amsterdã e Utrecht no caminho. No entanto, Copenhague alcançou a liderança este ano com investimentos sustentados e estatísticas que a deixaram sem rivais."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

02. Amsterdã

Posição no ranking 2017: 03

"É 2019 e Amsterdã está de volta no jogo. Tendo caído anteriormente para o terceiro lugar, a capital holandesa, famosa em todo o mundo por sua facilidade para o uso da bicicleta, nos mostra como a cidade pode reconhecer quando está deslizando e voltar a subir."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

03. Utrecht

Posição no ranking 2017: 02

"É difícil se destacar como uma cidade apta para bicicletas nos Países Baixos. A competição é dura. Apesar disso, entre seu grupo, Utrecht brilha como uma cidade disposta a abraçar a inovação e desafiar os limites."

Clarence Eckerson
Clarence Eckerson

04. Antuérpia

Posição no ranking 2017: 07

"Nos últimos dois anos, a Antuérpia continuou a desenvolver sua reputação bem estabelecida como uma cidade apta para bicicletas. A aposta em iniciativas visionárias, a experiência profissional e a ação municipal, demonstraram ser a combinação que impulsiona a cidade para frente. O impulso observado em anos anteriores segue aumentando e, em muitos casos, se traduz em melhorias físicas."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

05. Estrasburgo

Posição no ranking 2017: 04

"Estrasburgo foi reconhecida como a principal cidade ciclista da França, e à medida que outras cidades francesas se deram conta e seguiram seu exemplo, a cidade manteve sua posição de primeiro nível ao lançar seu olhar para além de uma rede centralizada de ciclismo urbano."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

06. Bordéus

Posição no ranking 2017: 06

"Bordéus manteve firmemente sua sexta posição no índice deste ano, já que continua inovando e mantendo a bicicleta como uma alta prioridade para o planejamento do transporte na cidade."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

07. Oslo

Posição no ranking 2017: 19

"Ao subir na lista como uma cidade de bicicletas emergente a se observar, a capital norueguesa saltou ao Top 20 em 2017 e agora ocupa a sétima posição nesta edição. Oslo é um exemplo para todas as cidades que alguma vez pensaram ter um relevo montanhoso demais ou com neve para levar a sério as bicicletas como meio de transporte."

Dreamstime
Dreamstime

08. Paris

Posição no ranking 2017: 13

"Depois de anos confiando nas pistas de ônibus+bicicleta como parte importante de sua rede, Paris finalmente está entrando em marcha e construindo pistas exclusivas para bicicletas, incluídas nas instalações protegidas da Champs-Élysées. Esta nova mudança e este impulso renovado levaram a cidade a subir 5 postos em relação a nosso índice de 2017."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

09. Viena

Posição no ranking 2017: 12

"Viena encontra-se entre os dez primeiros desta edição por ter trabalhado em cima de suas potencialidades. Enquanto a cidade continua com investimentos modestos em infraestrutura de ciclismo, a capital austríaca realmente se destaca através dos esforços e políticas de comunicação inovadoras e construtivas."

Dreamstime
Dreamstime

10. Helsinki

Posição no ranking 2017: 18

"Com a ambiciosa meta de ser a melhor metrópole do mundo em transporte sustentável, a capital finlandesa, assim como Paris, estava fixada em um objetivo de cota modal de 15% para bicicletas em 2020. Com atuais 11% e uma divisão de gênero quase igual entre os usuários de bicicletas, Helsinki está a caminho de transformar-se em um líder no norte no que se refere à bicicleta."

Sampo Kytömäki
Sampo Kytömäki

11. Bremen

"Bremen alcança o número 11 este ano com a maior cota modal de bicicletas da Alemanha (25%), uma rede em expansão de pistas para bicicletas separadas fisicamente e um inovador conceito de distrito de bicicletas. Não estamos sozinhos ao reconhecer Bremen, já que uma recente pesquisa nacional revelou que a cidade do norte da Alemanha encontra-se entre as melhores de sua classe entre as cidades de seu tamanho."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

12. Bogotá

"Este ano, uma cidade emocionante se encontra no Top 20. Trata-se da capital colombiana, Bogotá, que, embora seja uma metrópole congestionada por automóveis, definitivamente merece os pontos que ganhou no índice deste ano."

Carlos Felipe Pardo
Carlos Felipe Pardo

13. Barcelona

Posição no 2017: 11

"Apesar de seu deslize para baixo no ranking este ano, a capital catalã continua servindo como um modelo de inovação de mobilidade urbana. Uma rede em expansão e um sistema melhorado de uso compartilhado de bicicletas, junto à vontade de experimentar através de projetos piloto, permitem que Barcelona esteja no Top 20 pelo oitavo ano consecutivo."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

14. Liubliana

Posição no ranking 2017: 08

"Ainda que a capital eslovena tenha decaído várias posições no índice deste ano, ela merece seu espaço entre os 20 principais em 2019 por seu contínuo impulso em direção à inovação e ao desenvolvimento apto para bicicletas."

Dreamstime
Dreamstime

15. Berlim

Posição no ranking 2017: 10

"O Volksentscheid Fahrrad de 2015 (referendo de bicicletas) foi um problema muito necessário para a mobilidade urbana na capital alemã. Com mais de 100 mil assinaturas, o referendo de 2015 obrigou legalmente o Senado a construir uma cidade mais amigável para os ciclistas. E agora, pressionada pelo referendo, a cidade se propôs a cumprir com a ambiciosa decisão através de um Plano de Bicicletas atualizado."

Dreamstime
Dreamstime

16. Tóquio

Posição no ranking 2017: 09

"Tóquio foi uma cidade de ciclistas durante muitos anos, não pela infraestrutura ou a narrativa oficial de planejamento, mas por sua gente. Na maior metrópole do mundo, há milhões e milhões de pessoas, que utilizam suas bicicletas utilitárias Mamachari para transportar mercadorias e crianças, indo para lojas, ou para a escola e estações de trem."

Youhei Hayakawa
Youhei Hayakawa

17. Taipei

"Taiwan foi durante muito tempo o centro de fabricação na indústria do ciclismo, ganhando o título de "o reino da bicicleta". No entanto, apesar dessa experiência de longa data, foi apenas recentemente que a capital taiwanesa começou a considerar esta uma opção natural para a mobilidade urbana, ingressando pela primeira vez este ano no Top 20."

Richard Ricciardi
Richard Ricciardi

18. Montreal

Posição no ranking 2017: 20

"Como a única cidade da América do Norte a figurar em nosso índice em todos os anos desde 2011, o centro econômico e cultural do Canadá decaiu para o final do Top 20 durante vários anos devido à falta de inovação. Em 2017, Montreal sofreu uma agitação política com o grupo Projet Montreal de Valérie Plante, que venceu uma eleição esmagadora a partir de um discurso positivo relacionado à infraestrutura de bicicletas e novos investimentos em transportes públicos."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

19. Vancouver

"Vancouver é uma das poucas cidades da América do Norte que superou os limites ao inovar constantemente nos últimos anos a respeito do urbanismo ciclista. Apesar da cultura da bicicleta ser frequentemente associada ao esporte nessa relaxada metrópole do Pacífico, as coisas estão mudando constantemente à medida que as gestões recentes fizeram esforços concentrados para focar na bicicleta como transporte, incorporando uma proposta de desenho para todas as idades e habilidades."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company

20. Hamburgo

Posição no ranking 2017: 17

"Hamburgo cai três postos este ano, não necessariamente por falta de esforços, mas por ter sido derrotado pela concorrência. A metrópole do norte alemão está mostrando sinais de que está cansada do status quo e pronta para levar o ciclismo diário ao próximo nível, buscando melhorias em todas as escalas. E se é possível especular, Hamburgo definitivamente será uma cidade para observar nos próximos anos."

© Copenhagenize Design Company
© Copenhagenize Design Company
Sobre este autor
Cita: Dejtiar, Fabian. "As 20 melhores cidades do mundo para as bicicletas, segundo a Copenhagenize 2019" [Las 20 mejores ciudades del mundo para las bicicletas, según Copenhagenize 2019] 05 Jul 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/920354/as-20-melhores-cidades-do-mundo-para-as-bicicletas-segundo-a-copenhagenize-2019> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.