O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Fabricação digital para experimentar arquitetura em escala real, rapidamente e com recursos limitados

Fabricação digital para experimentar arquitetura em escala real, rapidamente e com recursos limitados

Fabricação digital para experimentar arquitetura em escala real, rapidamente e com recursos limitados
Fabricação digital para experimentar arquitetura em escala real, rapidamente e com recursos limitados, Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

O projeto estrutural de Exoskeleton, um pavilhão que explora as possibilidades de fabricação assistida por computador na criação de protótipos, é uma proposta que aborda a construção e experimentação em escala real com recursos limitados e rápidas técnicas de fabricação como forma de promover o projeto arquitetônico.

O projeto, um sistema de módulos projetados com diferentes dimensões, permite gerar diferentes superfícies com juntas simples, sem pregos ou parafusos.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol + 46

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Dos arquitetos. Nossa tese de mestrado investigou uma abordagem "bottom-up" (de baixo para cima) para o projeto estrutural por meio de prototipagem, uma subcategoria da fabricação digital. O projeto de um pequeno pavilhão, o Exoesqueleto, serviu como estudo de caso.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Essa abordagem "bottom-up" permitiu trabalhar de forma empírica. As novas ideias foram validadas através de testes físicos imediatos de seu comportamento construtivo. Desta forma, o projeto total do pavilhão não surgiu de um modelo 3D abrangente, derivando componentes da forma geral, mas sim de um processo de projeto iterativo, em que em primeiro lugar, os componentes e, em seguida, apenas a forma geral foi determinada através da prototipagem.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Aplicando esta abordagem ao projeto estrutural, isso permitiu um destacamento de tipologias estruturais bem definidas. Desde que o conhecimento foi gradualmente construído durante o processo de projeto, esta abordagem permitiu investigar princípios estruturais inovadores ou uma nova aplicação de um determinado material. Uma compreensão prática da comportamento estrutural de uma determinada construção foi desenvolvido durante o processo projetual.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

A fabricação computacional foi fundamental para essa abordagem, pois permite a fabricação rápida de numerosos protótipos. Este método de prototipagem rápida nos permitiu testar e aprender rapidamente. Realizar o processo de projeto acessível, só era possível se os materiais utilizados para os modelos físicos fossem baratos e as técnicas de fabricação fossem rápidas. Por isso, as limitações relativas ao orçamento e à disponibilidade de técnicas de fabricação foram levadas em consideração desde o início do processo projetual.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

As chapas de compensado são escolhidas como material e técnicas à CNC 2D (corte a laser e fresas) como processo formal. Uma investigação sobre as características e o comportamento físico do material foi determinante para o projeto, uma vez que este processo de projeto bottom-up começa a partir das possibilidades que se enquadram no próprio material. Partindo dos menores elementos, as consequências e possibilidades foram investigadas para uma hierarquia ascendente de escalas. O projeto foi direcionado por uma troca contínua de informações entre modelos de escala física, protótipos em grande escala e o modelo digital.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Conseguimos investigar o princípio estrutural inovador de flexão ativa. A flexão ativa refere-se à deformação elástica sistematizada de um determinado material, como uma estratégia de auto-estabilização para estruturas estáticas. Manuseando essa abordagem bottom-up, foi possível construir um pavilhão demonstrando esse inovador princípio estrutural em um curto período de tempo, usando apenas recursos limitados. Como conseqüência da abordagem bottom-up, criamos um sistema paramétrico em vez de um único pavilhão. Ao aplicar o mesmo sistema de montagem aos módulos concebidos com diferentes dimensões, diferentes superfícies podem ser geradas.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

O objetivo era construir um pavilhão estruturalmente desafiador que fosse fabricado digitalmente, em um curto período de tempo e usando apenas recursos limitados. Isso faz com que o pavilhão se torne acessível à todos com acesso a um FabLab, uma vez que o mesmo não depende de complicadas técnicas de fabricação digital. A aplicação de uma abordagem bottom-up do projeto estrutural com prototipagem rápida seria a maneira mais efetiva de conseguir isso.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Objetivos específicos foram propostos para o projeto do próprio pavilhão. Em primeiro lugar, a quantidade de recursos necessários para montar e construir o pavilhão geral deveria ser o mais limitado possível. Isso diminui o custo total e cria um pavilhão acessível. Além disso, o pavilhão deve ser construído manualmente e a fácil desmontagem deve ser possível. Apenas materiais e técnicas de fabricação amplamente disponíveis devem ser usadas, tornando a montagem deste pavilhão acessível a um grande grupo de pessoas.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Esta dissertação de mestrado contém uma visão geral meticulosamente planejada das diferentes etapas que realizamos durante o processo de design bottom-up, seguindo todo o fluxo de trabalho. Partindo do menor elemento, as consequências e as possibilidades são investigadas para uma hierarquia ascendente de escalas, evoluindo de uma superfície plana para um pavilhão de dupla curvatura. O projeto é dirigido por uma troca contínua de informações entre testes de madeira em grande escala, protótipos de papel e o modelo digital.

Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol
Cortesia de Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Apenas dois tipos de conexões foram usadas no pavilhão: articulações e tiras de amarração.

As articulações são uma solução simples e elegante para conectar os painéis no interior do pavilhão àqueles localizados no lado de fora (e vice-versa). Uma vez que os painéis são dobrados ativamente, a força de resistência os conecta nas articulações deslizantes. Portanto, essas juntas podem ser muito simples, não necessitando peças anexas, como pregos ou parafusos.

Diagramas
Diagramas
Diagrama
Diagrama

As tiras conectoras são usadas para manter os painéis na posição dobrada. As tiras permitem uma montagem rápida e fácil, mas também servem como um importante mecanismo de controle. Durante a construção, quanto mais painéis forem montados, mais alto o pavilhão sobe e mais próximo ele fica de sua forma final. Portanto, era necessário ter uma conexão que pudesse ser apertada gradualmente durante a construção. As tiras de amarração, portanto, proporcionaram a solução ideal. Todos os painéis podem ser curvados tanto quanto necessário e as correias podem ser apertadas ainda mais à medida que o pavilhão cresce.

Diagramas / Construção
Diagramas / Construção
Diagrama
Diagrama

Arquitetos Responsáveis: Thibaut Van Dousselaere & Silke Van Geeteruyen
Equipe: Willem Bekers, Sebastiaan Leenknegt, Ruben Verstraeten, Arthur De Roover (Universidade de Ghent, Departamento de Arquitetura e Urbanismo), Jan Belis (Departamento de Engenharia Estrutural), Stijn De Mil (Fablab)
Localização: Ghent, Bélgica
Ano: 2017
Área: 20 m2
Fotografia: Jeroen Christiaen & Saskia De Mol

Ver a galeria completa

Sobre este autor
AD Editorial Team
Autor
Cita: AD Editorial Team. "Fabricação digital para experimentar arquitetura em escala real, rapidamente e com recursos limitados" [Digital Manufacturing to Experience Real-Scale Architecture, Quickly and With Limited Resources] 04 Fev 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Pereira, Matheus) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/888307/fabricacao-digital-para-experimentar-arquitetura-em-escala-real-rapidamente-e-com-recursos-limitados> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.