O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Arquitetura como método de sedução: a estratégia do pássaro-construtor

Arquitetura como método de sedução: a estratégia do pássaro-construtor

Arquitetura como método de sedução: a estratégia do pássaro-construtor
Arquitetura como método de sedução: a estratégia do pássaro-construtor, Cortesia de Flickr de Will Brown, Licença CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de Will Brown, Licença CC BY 2.0

Acha que seu apartamento de solteiro é o mais atraente de todos? Pense duas vezes após ver estes ninhos construídos pelo bowerbird (uma espécia de pássaro-construtor), que transforma a arte de construir na arte da sedução. Nativo da Austrália e Nova Guiné, o bowerbird dedica meses a construir elaborados ninhos conhecidos como bowers, visando atrair fêmeas para um dos mais singulares rituais de cortejo da natureza. 

Com até meio metro de altura, os bowers são estruturas trançadas de capim, palha e galhos, de geometria cônica e forradas com musgo. O pássaro, então, o decora com uma variedade de objetos coloridos, incluindo pétalas de flores, tampas de garrafa (infelizmente, ele se depara com este tipo de material), carvão e frutas vermelhas. Curiosamente, a preferência pelas cores varia entre os pássaros, alguns preferindo cores vibrantes enquanto outros apostam em tons mais sóbrios para atrair as parceiras. 

© Ella Bleeson, https://www.instagram.com/ellabeeson/
© Ella Bleeson, https://www.instagram.com/ellabeeson/
© Ella Bleeson, https://www.instagram.com/ellabeeson/
© Ella Bleeson, https://www.instagram.com/ellabeeson/

Impressionadas pelos bowers, as fêmeas os inspecionam, atraídas para as estruturas de acordo com as cores que mais lhes agradam. Diante da forte competição, os machos também realizam danças de acasalamento, enquanto as fêmeas avaliam os ninhos um a um. Um bower bem feito, somado a uma dança de acasalamento atraente, resultará em um ritual de acasalamento bem sucedido. 

Cortesia de Flickr de David Cook, Licença CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de David Cook, Licença CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de Brian Ralphs, Licença CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de Brian Ralphs, Licença CC BY 2.0

Dada a singularidade desse comportamento de acasalamento, estudos foram conduzidos para investigar essas tendências sedutoras. Um artigo publicado por The Guardian descreve um estudo em particular, que investiga os túneis ilusórios criados por uma espécie particular chamada great bowerbirds. Esta espécie cria túneis que se abrem para um espaço central, repleta de ossos e outros objetos atraentes que, de alguma forma, aumentam de tamanho à medida que a distância entre os bowers aumenta. Desta forma, as fêmeas vêem os objetos com o mesmo tamanho, aumentando assim o tamanho real do macho em um truque em perspectiva.

Cortesia de Flickr de Seabarium, Licença CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de Seabarium, Licença CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de doug, Licença  CC BY 2.0
Cortesia de Flickr de doug, Licença CC BY 2.0

Veja a sedução incrivelmente arquitetada dos bowerbirds no vídeo da BBC acima.

Via BBC e The Guardian.

Encontrando seu amor na areia: A arquitetura instintiva do baiacu

Quanto esforço você está disposto a fazer para atrair alguém especial? O humilde baiacu japonês, com apenas doze centímetros de comprimento, provavelmente está se esforçando mais que você. Para atrair a melhor companhia dos mares, o baiacu macho passa pelo menos sete dias inteiros realizando um complexo ritual que envolve nadar no fundo do mar para formar ondulações e caminhos na areia.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Osman Bari
Autor
Cita: Bari, Osman. "Arquitetura como método de sedução: a estratégia do pássaro-construtor" 18 Jun 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/873650/arquitetura-como-metodo-de-seducao-a-estrategia-do-passaro-construtor> ISSN 0719-8906