1. ArchDaily
  2. Misc

Misc: O mais recente de arquitetura e notícia

Esquemas e diagramas: 30 exemplos de como organizar, analisar e comunicar projetos

VM Houses. Imagem via BIG + JDS + PLOT = BIG + JDS
VM Houses. Imagem via BIG + JDS + PLOT = BIG + JDS

A construção de uma expressão gráfica para organizar e comunicar as ideias essenciais é tarefa inerente ao contexto criativo; é um processo de síntese de informação que - na busca por representar e transmitir uma mensagem clara ao receptor - permite identificar e modificar certos aspectos e componentes centrais do desenho. 

Os esquemas e diagramas, por suas características, ficam relegados às últimas instâncias do processo de projeto, porém, durante o caminho podem ser uma importante ferramenta de análise e organização. O tempo necessário para conceber e produzir estes elementos gráficos pode resultar na compreensão e avanço do projeto, que por vezes pode tomar direções totalmente novas.

Buscando uma aproximação com os esquemas e diagramas, apresentamos, a seguir, uma série de diferentes casos que podem servir como inspiração:

10 Exemplos de como representar detalhes construtivos

A apresentação visual de um projeto, pela qual os arquitetos são responsáveis, deve efetivamente comunicar a organização dos elementos materiais do projeto. Este processo criativo essencial permite aos envolvidos identificar e mesmo modificar aspectos e componentes chave do edifício durante todas as fases da sua concepção.

Devido aos desafios inerentes à seleção de materiais e outras questões práticas, o desenvolvimento do que exatamente será construído tende a ser relegado até o final do processo de projeto. Mas uma compreensão profunda dos pequenos detalhes é um dos aspectos mais interessantes e importantes dos melhores projetos arquitetônicos.

Em nossa busca pelos exemplos recentes mais notáveis de representações de detalhes construtivos, compilamos uma série de dez desenhos que mostram diferentes estilos e abordagens.

13 Contas do Instagram que exploram a diversidade das fachadas

Instagram user @serjios (Serge Najjar). ImageZaha Hadid in Beirut
Instagram user @serjios (Serge Najjar). ImageZaha Hadid in Beirut

Nos últimos anos, as mídias sociais (especialmente o Instagram) se tornaram uma ferramenta extremamente importante no campo da arquitetura. O Instagram se tornou a plataforma visual para mostrar uma grande variedade de tipologias e estilos arquitetônicos, vistas da cidade e edifícios impressionantes que muitas vezes passam despercebidos.

Embora esses edifícios possam parecer comuns aos transeuntes do dia-a-dia, eles se tornam quase que objetos de arte não apenas para os arquitetos, mas para aqueles que param observá-los e contemplá-los.

A seguir, selecionamos 13 contas do Instagram que se dedicam a destacar fachadas e muros de todo o mundo, revelando a diversidade de nossas cidades.

Arquiteturas comestíveis feitas com impressão 3D e chocolate

O estúdio Universal Favourite desenvolveu uma série modular de chocolates chamada Complementary, cujas peças são feitas com moldes de impressão 3D. As formas arquitetônicas e geométricas foram pensadas para se encaixarem e serem comidas duas a duas, combinando diferentes sabores.

© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite© Universal Favourite+ 22

O que sua ferramenta de desenho diz sobre você?

Arquitetos são conhecidos como pessoas de bom gosto - especialmente quando se trata de ferramentas de desenhos. "Não julgue um livro pela capa", diz o ditado, mas inevitavelmente julgamos os arquitetos por seus desenhos. É fácil julgar um colega quando ele escolhe uma ferramenta qualquer para esboçar alguma ideia rápida, e você fica se contorcendo enquanto tenta acompanhar a construção da ideia no papel.

Canetas são ferramentas poderosas na mão de um arquiteto, transformando ideias em projetos e estruturas tridimensionais. Na era digital, as canetas são como objetos sagrados que proporcionam um prazer único no início do processo criativo. Após anos de prática, provando e testando diferentes materiais de desenho, muitos arquitetos encontram a sua ferramenta ideal - a qual pode dizer muito mais do que se imagina a respeito de quem eles são.

Viaje o mundo com a série de ilustrações IKONICITY de Federico Babina

O artista italiano Federico Babina compartilhou conosco uma nova série de 21 ilustrações, que dessa vez nos levam em uma jornada ao redor do mundo. Ouça os sinos do Big Ben, sirenes de Nova Iorque, gaivotas de Amsterdã e os batuques de Havana enquanto se inspira para sua próxima viagem. Você terá que assistir as animações diversas vezes para notar todos os detalhes que Babina reuniu de cada uma das cidades.

O espírito das cidades capturado nessas belas ilustrações de Marta Vilarinho de Freitas

A arquiteta e ilustradora Marta Vilarinho de Freitas nos impressionou novamente com suas intrincadas ilustrações de cidades em finos traços sobre papel. A portuguesa vêm exercendo sua paixão por desenho através de uma série intitulada Cities and Memory - the Architecture and the City.

Fascinada pelas cidades, as ilustrações de Marta expressam sua conexão com a arquitetura ao passo que também capturam os aspectos românticos e qualitativos de cada cidade, seus padrões, cores, atmosferas e luzes. 

Marta Vilarinho de Freitas combina fantasia e precisão nos detalhes em suas composições repletas de fachadas de edifícios, telhados e outros elementos do espaço urbano. O processo de criação dessas ilustrações é cíclico, de modo que elas continuam a informar Marta sobre o espírito das cidades enquanto ela as desenha.

Cortesia de Marta Vilarinho de FreitasCortesia de Marta Vilarinho de FreitasCortesia de Marta Vilarinho de FreitasCortesia de Marta Vilarinho de Freitas+ 12

WAF divulga resultado do Prêmio de Desenho de Arquitetura

Hybrid: VENCEDOR - Memento Mori A Peckham Hospice Care Home by Jerome, Xin Hao Ng. Cortesia de World Architecture Festival
Hybrid: VENCEDOR - Memento Mori A Peckham Hospice Care Home by Jerome, Xin Hao Ng. Cortesia de World Architecture Festival

O WAF (World Architecture Festival), com os co-curadores Make Architects e o Museu Sir John Soane, anunciou os vencedores do prêmio inaugural de Desenho de Arquitetura, criado para reconhecer a "importância contínua do desenho manual, ao mesmo tempo que abrange o uso criativo de renderizações produzidas digitalmente".

A partir de 166 inscrições de arquitetos, designers e estudantes em todo o mundo, 38 dos melhores desenhos foram selecionados em três categorias: Digital, Desenho à mão e Híbrido. A partir dessa lista, destaques e um vencedor por categoria foram escolhidos, com o grande prêmio geral atribuído ao melhor desenho do ano. As inscrições foram avaliadas quanto a habilidades técnicas, originalidade  e capacidade de transmitir uma ideia arquitetônica, seja para um projeto de construção conceitual ou real.

O vencedor geral foi Momento Mori: a Peckham Hospice Care Home por Jerome Xin Hao Ng, produzido como parte de seu projeto final de graduação na The Bartlett School of Architecture, de Londres.

"[O desenho é] uma visão perspectivada soberbamente concebida e executada, olhando para o edifício a partir do nível da cobertura, e é enaltecido por sua habilidade técnica e a sensibilidade com a qual retratou os espaços encontrados em tais instituições como configurações de interação sociais entre gerações" disse Jeremy Melvin, curador do Festival Mundial de Arquitetura (WAF).

O World Architecture Festival de 2017 acontecerá em Berlim de 15 a 17 de novembro. Saiba mais sobre o Festival aqui. Se tiver a oportunidade de comparecer, use o código de desconto ARCHDAILY17 para receber 20% de desconto. Palestrantes incluem Alison Brooks, Charles Jencks, Pierre de Meuron e Francis Kéré. Além disso, conferências, passeios guiados, palestras e críticas dos projetos selecionados dos prêmios WAF 2017 são alguns dos eventos programados para o festival.

Veja os vencedores e os desenhos selecionados abaixo.

Hand-drawn: VENCEDOR - Scenarios for a post crisis landscape by Dimitrios Grozopoulos. Cortesia de World Architecture FestivalDigital: VENCEDOR - Deep Water Purgatory by Christopher Wijatno. Cortesia de World Architecture FestivalDigital: Echoessssssss 2 by Sarath Saitongin. Cortesia de World Architecture FestivalHybrid: Deep Rise by Jollie Cheung. Cortesia de World Architecture Festival+ 38

Os melhores desenhos de 2017 enviados pelos nossos leitores

Quando se trata de formas de representação arquitetônica, não há um método mais expressivo do que o desenho. Das muitas decisões, desde os utensílios de desenho até o tipo de papel, ou mesmo do estilo de desenho a mão ou desenho digital, as escolhas do que um arquiteto inclui - ou não inclui - em seus desenhos são frequentemente a melhor maneira de revelar as verdadeiras intenções por trás do processo de um projeto.


Em anos anteriores, publicamos nossas imagens favoritas do nosso banco de dados de projetos selecionados (o que ainda faremos em 2017!), mas este ano, queríamos fazer algo um pouco diferente para envolver nossa comunidade: pedimos aos nossos leitores que enviassem seus melhores desenhos. A resposta foi incrível - recebemos mais de 1200 desenhos de nossa rede de leitores em todo o mundo, desde perspectivas até esboços interpretativos e cortes altamente técnicos.


A partir desses envios, a equipe do ArchDaily selecionou 80 dos nossos favoritos, organizados em 7 categorias: Visualizações, Axonométricas - Isométricas, Cortes, Colagens, Contexto, Croquis e Plantas.

Veja eles, abaixo.

Arquitetura como método de sedução: a estratégia do pássaro-construtor

Acha que seu apartamento de solteiro é o mais atraente de todos? Pense duas vezes após ver estes ninhos construídos pelo bowerbird (uma espécia de pássaro-construtor), que transforma a arte de construir na arte da sedução. Nativo da Austrália e Nova Guiné, o bowerbird dedica meses a construir elaborados ninhos conhecidos como bowers, visando atrair fêmeas para um dos mais singulares rituais de cortejo da natureza. 

The Indicator: 101 coisas que não aprendi na faculdade de arquitetura

Cortesia Desconhecido
Cortesia Desconhecido

Este artigo tem co-autoria de Sherin Wing.

1] Mesmo se o seu chefe for seu amigo ele pode te demitir para salvar seu negócio.

2] Leia o livro On Bullshit, de Harry G. Frankfurt. Carregue-o com você. É um livro de bolso.

3] Não beba durante o trabalho e principalmente não use drogas quando estiver com seus colegas de trabalho sob nenhuma circunstância. 

4] Não importa o quanto você se ache importante,  você ainda pode ser um servo aos olhos de outras pessoas que possuem mais poder do que você.

5] Depois de deixar a escola arquitetura nem todo mundo se preocupa com arquitetura ou quer falar sobre isso.

6] Todos os hábitos alimentares e dietas adquiridos durante a escola devem ser descartados.

7] Os hábitos de higiene que você manteve durante o período de estudante de arquitetura são inadequados para a vida real; banhe-se regularmente e troque sua roupa interior.

8] A pressa e a satisfação que você experimenta em um ateliê pode ser inversamente proporcional ao quanto você vai gostar de trabalhar para uma empresa.

9] É arquitetura, não medicina. Você pode fazer uma pausa que ninguém vai morrer.

10] Outras coisas são mais importantes do que a arquitetura; elas são as únicas que vão ajudá-lo a resistir até o final. Veja 49.

Continue lendo a seguir.

O lado oculto de Nova Iorque, por Alex MacLean

© Alex McLean
© Alex McLean

Sem dúvida, a cidade de Nova Iorque é uma das mais atraentes e interessantes do mundo, onde seus enormes arranha-céus formam uma das imagens mais emblemáticas de uma grande cidade. No entanto, a cidade tem muito mais que apenas um imponente skyline e longos congestionamentos; há todo um novo mundo que "toca as nuvens". É isso que ocorre quando se habita as coberturas dos edifícios, escapando do calor e das ruas movimentadas. 

O fotógrafo Alex MacLean registra isso em seu novo livro "Up on the Roof", que retrata piscinas, terraços, espaços de arte, bares, quadras de basquete e até mesmo grandes hortas na cobertura de edifícios.