Os 20 maiores escritórios de arquitetura do mundo

Os 20 maiores escritórios de arquitetura do mundo

No início deste ano, o BDOnline lançou a edição 2017 da WA 100, sua pesquisa anual das maiores empresas do mundo. Elencando as empresas pelo número de arquitetos que empregam, o relatório completo investiga também registros financeiros dessas empresas e tendências do setor. Os primeiros lugares mostram apenas ligeiras alterações em relação ao ranking do ano passado, com a Nikken Sekkei, do Japão, tomando a segunda posição da AECOM. No entanto, o fato mais notável deste ranking talvez seja o rápido crescimento da primeira colocada Gensler, que aumentou a liderança em relação ao ano passado. A empresa emprega hoje quase 800 arquitetos a mais do que quaisquer outra concorrente no mundo.

"O domínio total da Gensler no ranking continua ao passo que ela consegue a tarefa aparentemente impossível de crescer ainda mais após o grande salto do ano passado", diz BDOnline, observando que o total de 2.570 arquitetos empregados pela empresa representa um aumento de quase mil em menos de 2 anos. A co-presidente-executiva da Gensler, Diane Hoskins, explica este crescimento como resultado da expansão no exterior, ao mesmo tempo que a empresa continua a se expandir nos EUA.

Veja, a seguir, as 20 primeiras posições do ranking e clique aqui para ver a lista completa com os 100 maiores escritórios de arquitetura do mundo.

1. Gensler (EUA)
Número de arquitetos empregados: 2570; Receita: US$1-1,5 bilhão

2. Nikken Sekkei (Japão)
Número de arquitetos empregados: 1796; Receita: US$ 500-599 milhões

3. AECOM (EUA)
Número de arquitetos empregados: 1491; Receita: US$ 320-329 milhões

4. Perkins+Will (EUA)
Número de arquitetos empregados: 1140; Receita: US$ 350-359 milhões

5. HDR (EUA)
Número de arquitetos empregados: 1072; Receita: US$ 310-319 milhões

6. IBI Group (Canadá)
Número de arquitetos empregados: 851; Receita: US$ 220-229 milhões

7. Woods Bagot (Austrália)
Número de arquitetos empregados: 840; Receita: US$ 150-159 milhões

8. HOK (EUA)
Número de arquitetos empregados: 821; Receita: US$ 270-280 milhões

9. Aedas (China)
Número de arquitetos empregados: 788; Receita: US$ 230-239 milhões

10. DP Architects (Singapura)
Número de arquitetos empregados: 767; Receita: US$ 110-119 milhões

11. Sweco (Suécia)
Número de arquitetos empregados: 700

12. HKS (EUA)
Número de arquitetos empregados: 685; Receita: US$ 230-239 milhões

13. White Arkitekter (Suécia)
Número de arquitetos empregados: 681; Receita: US$ 100-109 milhões

14. Foster + Partners (Reino Unido)
Número de arquitetos empregados: 671; Receita: US$ 230-239 milhões

15. Perkins Eastman (EUA)
Número de arquitetos empregados: 658

16. Jacobs (EUA)
Número de arquitetos empregados: 636; Receita: US$ 1-1,5 bilhão

17. Junglim Architecture (Coreia do Sul)
Número de arquitetos empregados: 596; Receita: US$ 80-89 milhões

=18. Kunwon (Coreia do Sul)
Número de arquitetos empregados: 530; Receita: US$ 80-89 milhões

=18. Stantec (Canadá)
Número de arquitetos empregados: 530; Receita: US$ 340-349 milhões

20. SmithGroupJJR (EUA)
Número de arquitetos empregados: 522; Receita: US$ 160-169 milhões

Sobre este autor
Cita: AD Editorial Team. "Os 20 maiores escritórios de arquitetura do mundo" [The World's 20 Largest Architecture Firms] 14 Mai 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/871084/os-20-maiores-escritorios-de-arquitetura-do-mundo> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.