O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Urbanismo

Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Urbanismo

  • 06:30 - 11 Março, 2015
  • por Arquitetas Invisíveis
Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Urbanismo
Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Urbanismo, Cortesia de Arquitetas Invisíveis
Cortesia de Arquitetas Invisíveis

Para celebrar o Dia das Mulheres, pedimos ao coletivo brasileiro Arquitetas Invisíveis, com sede em Brasília, que compartilhassem conosco parte de sua pesquisa que identifica e enaltece o trabalho das mulheres na Arquitetura e Urbanismo, elas gentilmente nos cederam este material - que apresenta 48 mulheres divididas em sete categorias: pioneiras, "nas sombras", arquitetura, paisagismo, arquitetura social, urbanismo e arquitetura sustentável – que será publicado separadamente durante esta semana.

Hoje, apresentamos as arquitetas relevantes no campo do urbanismo.

Françoise Choay. © PFRunner Jane Jacobs, 1961. Image via Wikipedia. Raquel Rolnik. Imagem Divulgação USP Amanda Burden. Imagem por Bloomberg Associates - Licensed under CC BY 2.0 via <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a> Commons + 12

Urbanismo 

Planejar a cidade e delinear seu tecido são atribuições complexas que demandam atenção, cuidado e amplo conhecimento técnico. A cidade é um mosaico dinâmico e o urbanismo busca lidar com as relações que se estabelecem nessa tessitura. Nesse sentido, não só as projetistas são importantes para o processo, como também as teóricas do urbanismo, tais como Jane Jacobs, Françoise Choay, Zaida Muxi, Maria Elaine Kohlsdorf, Paola Berenstein Jacques, Raquel Rolnik, Silke Kapp, Ermínia Maricato e Françoise Choay. No campo de planejamento temos Amanda Burden, que ficou conhecida pelo trabalho que fez em Nova Iorque, onde além de planejar o crescimento urbano também desenvolveu uma série de espaços públicos.

AMANDA BURDEN

Amanda Burden. Imagem por Bloomberg Associates - Licensed under CC BY 2.0 via <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a> Commons
Amanda Burden. Imagem por Bloomberg Associates - Licensed under CC BY 2.0 via Wikimedia Commons

Arquiteta norte-americana nascida em 1943. Fez mestrado em planejamento urbano e participou do programa TED Talks, com a palestra “How public spaces make cities work”. Foi diretora do Departamento de Planejamento, Membro da Comissão de Planejamento e trabalhou na Corporação de Desenvolvimento Urbano do Estado de Nova Iorque e em Battery Park City.

CARMEM PORTINHO

Carmen Portinho e Juscelino Kubitschek - © ARQUIVO CARMEN PORTINHO
Carmen Portinho e Juscelino Kubitschek - © ARQUIVO CARMEN PORTINHO

Engenheira e urbanista nascida em 1903. Fundou a União Universitária Feminina e ajudou a fundar Associação Brasileira de Arquitetas e Engenheiras. Ela assinou a notória obra do Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro, um projeto urbanístico claramente modernista e de grande impacto na cidade. Faleceu em 2001, aos 98 anos de idade.

ERMÍNIA MARICATO

Erminia Maricato via Laboratório de Habitação e Assentamentos Humanos da FAUUSP
Erminia Maricato via Laboratório de Habitação e Assentamentos Humanos da FAUUSP

Urbanista brasileira, é influente escritora e formadora de opiniões: “Acho que as cidades estão ficando sem perspectivas de solução de seus problemas”. Traz na bagagem a experiência de ter comandado a Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano do município de São Paulo, entre 1989 e 2002. Foi também autora de todas as propostas para a área urbana das candidaturas de Lula à presidência, entre 1989 e 2002. Mais recentemente, exerceu o cargo de conselheira do Habitat, programa das Nações Unidas para assentamentos humanos. Também foi fundadora do LABHAB (Laboratório de Habitação e Assentamentos Humanos da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP), São Paulo.

FRANÇOISE CHOAY

Françoise Choay. © PFRunner
Françoise Choay. © PFRunner

Filósofa e urbanista francesa nascida em 1925. Historiadora das teorias e formas urbanas e arquitetônicas e professora de urbanismo, arte e arquitetura na Universidade de Paris. Nos anos 60 dirigiu a seção parisiense da Art international. Da década de 70 até hoje, publicou diversos estudos sobre arquitetura e urbanismo. Entre suas recentes publicações dividiu a direção com Pierre Merlin do Dictionnaire de l'urbanisme et de l' aménagement.

JANE JACOBS

Jane Jacobs, 1961. Image via Wikipedia.
Jane Jacobs, 1961. Image via Wikipedia.

Jornalista e auto-didata em urbanismo, nasceu em 1916 nos Estados Unidos. Estudou as ruas e as calçadas, por considerá-las a visão que a população tem da cidade. Citando cidades como Los Angeles, Boston, Chicago e Nova Iorque, analisou os diferentes tipos de rua e meios para mudá-las ou conservá-las, levando em conta a interação das crianças, a acessibilidade, refletindo sobre os meios de revitalização, sobre o caso das fronteiras etc. Ativista política, mudou-se com a família para o Canadá como forma de protesto à Guerra do Vietnã. Faleceu em 2006, aos 90 anos de idade.

Morte e Vida de Grandes Cidades
Morte e Vida de Grandes Cidades

MARIA ELAINE KOHLSDORF

Maria Elaine Kohlsdorf. Imagem Divulgação: Currículo Lattes
Maria Elaine Kohlsdorf. Imagem Divulgação: Currículo Lattes

Arquiteta brasileira nascida em 1943. Desenvolveu importante trabalho teórico e foi uma das responsáveis pelo desenvolvimento da dimensão morfológica do urbanismo.

PAOLA BERENSTEIN JACQUES

Paola Berenstein Jacques. © Terceira Metade
Paola Berenstein Jacques. © Terceira Metade

Arquiteta brasileira. Possui grande contribuição teórica, tendo escrito livros como: Les favelas de Rio (Paris, l'Harmattan, 2001); Estética da Ginga (Rio de Janeiro, Casa da Palavra, 2001); Esthétique des favelas (Paris, l'Harmattan, 2003) e Elogio aos errantes (Salvador, Edufba, 2012). Foi co-autora de Maré, vida na favela (Rio de Janeiro, Casa da Palavra, 2002); organizadora de Apologia da deriva (Rio de Janeiro, Casa da Palavra, 2003), Corps et décors urbains (Paris, l'Harmattan, 2006), Corpos e cenários urbanos (Salvador, Edufba, 2006) e Corpocidade: debates, ações e articulações (Salvador, Edufba, 2010).

RAQUEL ROLNIK

Raquel Rolnik. Imagem Divulgação USP
Raquel Rolnik. Imagem Divulgação USP

Urbanista brasileira, foi relatora especial do Conselho de Direitos Humanos da ONU para o Direito à Moradia Adequada, por dois mandatos (2008-2011, 2011-2014). Foi diretora de Planejamento da Cidade de São Paulo (1989-1992), coordenadora de Urbanismo do Instituto Pólis (1997-2002) e secretária nacional de Programas Urbanos do Ministério das Cidades (2003-2007), entre outras atividades profissionais e didáticas relacionadas à política urbana e habitacional.

SILKE KAPP

Silke Kapp. Imagem Divulgação XX Congresso Brasileiro de Arquitetos
Silke Kapp. Imagem Divulgação XX Congresso Brasileiro de Arquitetos

Urbanista brasileira, possui mestrado e doutorado em Filosofia (UFMG, 1994 e 1999). Atualmente é professora associada da Escola de Arquitetura da UFMG e líder do Grupo de Pesquisa MOM (Morar de Outras Maneiras). Tem experiência na área de Arquitetura, Urbanismo e Planejamento, atuando principalmente em teoria crítica da arquitetura e da cidade, habitação, produção do espaço cotidiano, interfaces para a autonomia e metodologia da pesquisa sócio-espacial.

ZAIDA MUXÍ

Zaida Muxí. © Arquitetura e Politica
Zaida Muxí. © Arquitetura e Politica

Urbanista argentina nascida em 1964. Arquiteta, professora titular de urbanismo na Escola de Arquitetura de Barcelona, professora convidada em diversas universidades da Europa, América e Ásia. Especialista em urbanismo e gênero, autora de La arquitectura de ciudad global (2004), entre outros livros. Contribui com inúmeros artigos em revistas especializadas e jornais.

Não deixe de acompanhar e conhecer durante esta semana as arquitetas presentes nas outras categorias. E veja as outras categorias já publicadas aqui.

Sobre este autor
Arquitetas Invisíveis
Autor
Cita: Arquitetas Invisíveis. "Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Urbanismo" 11 Mar 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/763444/arquitetas-invisiveis-apresentam-48-mulheres-na-arquitetura-urbanismo> ISSN 0719-8906
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.