Os contrastes de Xangai mostrados pela instalação HOME

Os contrastes de Xangai mostrados pela instalação HOME

“O lar não é só o lugar em que vivemos, é também onde nos sentimos tranquilos e seguros, é um lugar que nos pertence.” É assim que a artista chilena Antonieta Landa, membro do Laboratorio Escénico Visual (LEV), apresenta a instalação HOME, que acaba de realizar em Xangai (China).

A paisagem de Xangai muda bastante durante o dia e a noite. Durante o dia, por exemplo, caracteriza-se por ser bastante cinza devido à poluição e aos grandes edifícios que escondem o céu. Por outro lado, a noite de Xangai se destaca por suas luzes coloridas.

© Antonieta Landa© Antonieta Landa© Antonieta Landa© Antonieta Landa+ 6

Com a ideia de se apropriar desta paisagem durante o dia, Landa produziu um cubo com papéis dobrados através da técnica do origami, e o colocou em várias ruas de Xangai para ver o contraste e a mudança de texturas que o pequeno cubo proporcionava. O resultado permitiu à artista encontrar cores de sua casa em uma cidade que não é sua.

© Antonieta Landa
© Antonieta Landa

Via Plataforma Urbana. Tradução Naiane Marcon, ArchDaily Brasil.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Constanza Martínez Gaete. "Os contrastes de Xangai mostrados pela instalação HOME" 09 Mar 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/01-181335/os-contrastes-de-xangai-mostrados-pela-instalacao-home> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.