O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. 10 cidades para visitar em 2014 segundo o Lonely Planet

10 cidades para visitar em 2014 segundo o Lonely Planet

10 cidades para visitar em 2014 segundo o Lonely Planet
10 cidades para visitar em 2014 segundo o Lonely Planet, Paris, França.
Paris, França.

Como em todos os anos, os especialistas em viagens do Lonely Planet fizeram seu ranking com as 10 cidades recomendadas para visitar em 2014. Alguns dos locais escolhidos são os clássicos que reinventaram-se, outros são cidades que recentemente se tornaram destinos turísticos atraentes. No entanto, o primeiro lugar este ano é ocupado por uma cidade que nunca sai de seu posto como uma das favoritas: Paris, escolhida deste vez por seus projetos urbanos que privilegiam o pedestre e o ciclista ao invés do automóvel.

1. Paris, França

Paris. Image© <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Paris. Image© Wikimedia Commons

As razões da Lonely Planet para a escolha de Paris como o lugar mais recomendado para visitar em 2014 são um pouco atípicas. Paris está renascendo, e seu renascimento vem da forma de planejamento da cidade nos últimos anos: programas para reduzir o uso do automóvel, a revitalização das margens do Sena, a substituição e uma antiga rodovia por lugares espaços de lazer, uma nova zona peatonal de 2,5 km na margem esquerda do rio entre a Pont de l'Alma e o Musée d'Orsay, os jardins flutuantes de 1.800 metros quadrados em ilhas artificiais, entre outras intervenções. Além disso, Paris ganhou novas galerias, novos sinos que reproduzem os originais medievais de Notre Dame e renovações do Museu Picasso. "A mais bela cidade do mundo é agora ainda mais bela."

2. Trinidad, Cuba

Trinidad . Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Trinidad . Image©Wikimedia Commons

Esta cidade, Patrimônio Mundial da UNESCO, celebra este ano o seu 500º aniversário desde sua fundação pelos conquistadores espanhóis com uma série de festivais e eventos culturais. Suas ruas estão cheias de grandes riquezas arquitetônicas e decorativas que datam do século 19. A beleza de Trinidad é o resultado do boom do açúcar do século 19, dado pelos donos de engenhos e do trabalho de escravos africanos que foram trazidos para o local, a história hoje faz desta cidade um lugar com muitos espetáculos de dança afro-cubana que se misturam com a salsa e enchem as casas noturnas todas as noites.

3. Cidade do Cabo, África do Sul

Cidade do Cabo . Image© <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Cidade do Cabo . Image© Wikimedia Commons

Nunca é um momento ruim para visitar a Cidade do Cabo, diz o Lonely Planet. Nos últimos anos a cidade tem recebido uma avalanche de elogios por sua beleza natural inegável. Este ano a cidade ficará ainda mais bonita, pois será a Capital Mundial do Design. Projetos que têm como eixo central a sustentabilidade e regeneração urbana de antigos distritos industriais atraem mais pessoas para os bairros renovados.

No entanto, uma das transformações mais importantes desta cidade tem como objetivo preencher a lacuna grande que existe entre os bairros como resultado do apartheid. Então, se aventurar em uma viagem para fora da cidade para ver como a renovação está mudando as coisas nos municípios mais pobres é uma das grandes recomendações para os visitantes da Cidade do Cabo.

4. Riga, Letônia

Riga . Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Riga . Image©Wikimedia Commons

Riga foi durante séculos um lugar estratégico da Europa para os grandes impérios, até que foi esquecido depois da "Cortina de Ferro". Hoje, livre há duas décadas, a cidade recuperou o seu esplendor como um lugar cosmopolita no Báltico. Nos últimos anos, belos cafés e muitos novos restaurantes encheram o centro da cidade oferecendo um novo menu de pratos típicos da região. Hoje, centenas de fachadas em ruínas estão sendo restauradas, posicionando Riga como a Capital Européia da Cultura.

5. Zurique, Suíça

Zurique. Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Zurique. Image©Wikimedia Commons

A primeira razão pela qual esta cidade está no 5º lugar do ranking é que, em agosto, a cidade vai sediar o Campeonato Europeu de Atletismo. Mas o que mais esta cidade pode oferecer em 2014?

Não muito tempo atrás, o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais aumentaram, o que fez com que a vida noturna da cidade começasse a crescer, como aconteceu no distrito industrial renovado da zona oeste. Além disso, a cidade está repleta de restaurantes de luxo, cafés, boutiques e grandes lojas de grife que atraem cada vez mais pessoas a Zurique.

6. Xangai, China

Xangai . Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Xangai . Image©Wikimedia Commons

Todo mundo quer ir para Xangai, diz o Lonely Planet, que destaca entre as atrações da cidade o sistema de metrô que abriu modestamente com três linhas em 2000 e é hoje maior rede de metrô do mundo. Além disso, este ano será inaugurada a Shanghai Tower que, com 121 pavimentos, será o edifício mais alto da China e o segundo mais alto do mundo.

Conhecer Xangai está agora mais fácil, recentemente mudaram a legislação para que aqueles que permanecerem até 72 horas na cidade não precisem de visto. São 45 países que possuem esse privilégio, portanto, se você estiver viajando para outro lugar do planeta e quer fazer uma escala em Xangai, o visto não é um problema.

7. Vancouver, Canadá

Vancouver . Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Vancouver . Image©Wikimedia Commons

Suas montanhas, parques verdes e praias protegidas fazem com que o tédio não seja permitido em Vancouver. Na verdade, Whistler, um dos centros de esqui mais famosos do mundo e um dos maiores da América do Norte, fica apenas duas horas da cidade. Para aqueles que não querem sair de Vancouver, os parques são perfeitos para pedalar, correr e nadar, além de observar a bela paisagem natural.

Os arranha-céus que foram construídos na cidade deram a Vancouver o apelidado de "Cidade de Vidro". Neles, os escritórios e estabelecimentos comerciais têm uma das mais belas vistas do mundo, segundo o Lonely Planet, e também umas das mais caras.

8. Chicago, Estados Unidos

Chicago . Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Chicago . Image©Wikimedia Commons

A arquitetura dos edifícios e museus da "Cidade do Vento", fazem de Chicago um dos melhores destinos do mundo. Aqui também está o Wrigley Field, um dos estádios de baseball favoritos dos EUA, e uma impressionante avenida com paredes "verdes" que em 2014 vai comemorar seu 100º aniversário com várias atividades e atrações de rua. Outro de seus monumentos mais famosos, o Teatro The Second City, completará 55 anos, onde acontecem os festivais de música de julho e setembro, como o Wavefront Music Festival e o Riot Fest.

9. Adelaide, Austrália

Adelaide . Image©<a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Adelaide . Image©Wikimedia Commons

Uma das melhores alternativas a Melbourne e Sydney é Adelaide, que este ano receberá a reforma do Adelaide Oval, um estádio que, através de parques, vai se conectar ao centro e ao North Adelaide, o setor residencial. Durante o ano, Adelaide receberá vários festivais artísticos, culturais e musicais, como o Festival de Adelaide, Adelaide Fringe Festival e WOMADelaide, que têm se tornado cada vez mais reconhecido e divertido. Pessoas que gostam de vinho podem visitar seus vinhedos, já que Adelaide é uma das regiões vinícolas mais acessíveis da Austrália.

10. Auckland, Nova Zelândia

Auckland . Image© <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'><a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>Wikimedia</a></a> Commons
Auckland . Image© Wikimedia Commons

A maior e mais cosmopolita cidade da Nova Zelândia resgatou seus edifícios históricos e modernizou-os com novos centros culturais e restaurantes que fazem com que uma visita a esta cidade dure muitos dias. É possível desfrutar de cervejas artesanais em um restaurante-caminhão ou visitar a Galeria de Arte de Auckland, a mais importante da cidade, que foi recentemente renovada. Há, também, diversas atividades ao ar livre, como conhecer o Bairro Wynyard, conhecido por seus barcos de pesca.

Via Plataforma Urbana. Tradução Maria Júlia Martins, ArchDaily Brasil.

Sobre este autor
Romullo Baratto
Autor
Cita: Romullo Baratto. "10 cidades para visitar em 2014 segundo o Lonely Planet" 24 Jan 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/170209/10-cidades-para-visitar-em-2014-segundo-o-lonely-planet> ISSN 0719-8906