1. ArchDaily
  2. Projeção

Projeção: O mais recente de arquitetura e notícia

Walt Disney Concert Hall servirá de tela para espetáculo de luzes controladas por algoritmos

Como parte das comemorações do centenário da Filarmônica de Los Angeles, o artista de mídia Refik Anadol e o Google Arts & Culture fizeram uma parceria para criar o WDCH Dreams, uma série de projeções de arte digital que iluminará o Walt Disney Concert Hall.

Para o projeto, a Anadol e o Google Arts & Culture converteram todo o acervo digital da orquestra da Filarmônica de Los Angeles - com mais de 45 terabytes de gravações, imagens e vídeos - em milhões de pontos de dados. Esse “universo de dados” será manipulado por redes neurais e projetado como pontos de luz nas superfícies metálicas do emblemático edifício projetado por Frank Gehry.

© Refik Anadol© Refik Anadol© Refik Anadol© Refik Anadol+ 10

Artista brasileira é pioneira em intervenções com projeções na Amazônia

Através do trabalho "Symbiosis", a artista Roberta Carvalho recria rostos e figuras humanas através de projeções de foto e vídeo sobre vegetação. Desde 2007 a artista é responsável por uma série de projeções que tomam conta das copas de árvores em espaços públicos e em paisagens amazônicas nas proximidades de Belém, sua cidade de origem.

"Comecei este projeto com a motivação de relacionar arte e natureza, em 2007, de forma bem experimental. Ele passou por diversos estágios, circulei bastante e tive a oportunidade de desenvolve-lo, mas acredito que o momento em que ele ganhou identidade e singularidade foi quando comecei a fazer o trabalho em colaboração com comunidades ribeirinhas em ilhas em frente a Belém", contou a artista.

© Roberta Carvalho. Cortesia de Idea Fixa© Roberta Carvalho. Cortesia de Idea Fixa© Roberta Carvalho. Cortesia de Idea Fixa© Roberta Carvalho. Cortesia de Idea Fixa+ 7

Suaveciclos / VJ Suave

VJ Suave está por trás do projeto Suaveciclos - triciclos adaptados com computador, projetor e bateria - que levam projeções pra rua e transmitem às pessoas mensagens através de desenhos, animações e poesias.

Saiba mais sobre o projeto, a seguir.

Cortesia de VJ SuaveCortesia de VJ SuaveCortesia de VJ SuaveCortesia de VJ Suave+ 23

O Modelo Projetivo / Robin Evans

Geometria tem uma ambígua reputação, associada tanto a idiotice como a inteligência. No melhor dos casos, existe algo desesperadamente não comunicativo sobre ela, algo mais que ligeiramente removido do resto da experiência para confrontar sua grande pretensão de verdade. Flaubert, em Dicionário de Ideias Feitas, define um geômetra como “viajando em estranhos mares de pensamento – sozinho.” E quando Joseph Conrad desejava caracterizar o fútil esforço de concentração feito pelo sincero porém mentalmente retardado jovem Stevie em O Agente Secreto, ele o descreveria como “sentado muito bem e quieto numa mesa, desenhando círculos, círculos, círculos; inumeráveis círculos, concêntricos, excêntricos, um cintilante redemoinho de círculos que por sua emaranhada multidão de curvas repetidas, uniformidade de forma, e confusão de linhas interseccionadas sugeria uma versão de caos cósmico, o simbolismo de uma arte insana pretendendo o inconcebível.”

Fonte multimídia é instalada no Parque Ibirapuera

Fachadas da rua Augusta serão tomadas por projeções de vídeos