O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. parques

parques

Prefeitura de São Paulo retoma concessão do Ibirapuera para iniciativa privada

15:00 - 10 Janeiro, 2019
Prefeitura de São Paulo retoma concessão do Ibirapuera para iniciativa privada, Auditório Oscar Niemeyer, no Parque Ibirapuera. Imagem © Matheus Pereira
Auditório Oscar Niemeyer, no Parque Ibirapuera. Imagem © Matheus Pereira

A Prefeitura de São Paulo retomou esta semana o edital de concessão de seis parques públicos à iniciativa privada. Suspenso desde julho do ano passado devido à divergências com o governo estadual, o projeto foi retomado pelo atual prefeito Bruno Covas, do PSDB.

Além do Ibirapuera, maior parque da cidade, com 158 hectares, o edital compreende também a concessão dos parques Lajeado (zona leste), Eucaliptos (zona sul), Jacintho Alberto (zona norte), Tenente Brigadeiro Faria Lima (zona sul) e Jardim Felicidade (zona norte).

Como o Parc de la Villette influenciou a maneira como projetamos nossos parques no século XXI

10:00 - 23 Agosto, 2018
Como o Parc de la Villette influenciou a maneira como projetamos nossos parques no século XXI,  © <a href='https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/50/LaVillette100911.jpg'> Creative Commons User Jean-Marie Hullot</a> licensed under <a href=’https://creativecommons.org/licenses/by/3.0/deed.en/'>CC BY 3.0</a>
© Creative Commons User Jean-Marie Hullot licensed under CC BY 3.0

 © <a href='https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/6f/Do_pedalar_e_da_ciência.jpg'> Creative Commons User Alix Ferreira</a> licensed under <a href=’https://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0/'>CC BY-SA 4.0</a>  © <a href='https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/f6/Parc_de_La_Villette_%40_Paris_%2828926264776%29.jpg'> Creative Commons User Guilhem Vellut</a> licensed under <a href=’https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/'>CC BY 2.0</a>  © <a href='https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/d/d2/Folie_N8_%40_La_Villette_%40_Paris_%2833893431256%29.jpg'> Creative Commons User Guilhem Vellut</a> licensed under <a href=’https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/'>CC BY 2.0</a>  © <a href='https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/b/b4/Canal_%40_La_Villette_%40_Paris_%2833091237904%29.jpg'> Creative Commons User Guilhem Vellut</a> licensed under <a href=’https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/'>CC BY 2.0</a> + 11

Como seria um tradicional parque parisiense para você? Para muitos, só existe uma imagem capaz retratar com exatidão a essência deste espaço: A Sunday Afternoon on the Island of La Grande Jatte, de Georges Seurat. A famosa pintura retrata a burguesia desfrutando de um oásis natural, uma ilha verde em meio a uma cidade industrializada.

São Paulo ganha o Parque Augusta, finalmente!

07:00 - 14 Agosto, 2018
São Paulo ganha o Parque Augusta, finalmente! , Parque Augusta. Image © Danilo Verpa/ Folhapress
Parque Augusta. Image © Danilo Verpa/ Folhapress

Final feliz de uma das disputas em torno da apropriação do espaço urbano em São Paulo: o terreno que abrigará o Parque Augusta finalmente se torna um bem público e comum. Depois de décadas de impasse, a função social-ambiental-cultural do último bosque central da cidade prevaleceu sobre o direito das empresas proprietárias do terreno de explorá-lo construindo torres.

Conheça a proposta vencedora no Concurso Nacional de Ideias Parque do Cocó, de Base Urbana e COTA760

19:00 - 20 Abril, 2018
Conheça a proposta vencedora no Concurso Nacional de Ideias Parque do Cocó, de Base Urbana e COTA760, Vista aérea do Rio Cocó no Núcleo Esportivo. Image Cortesia de Base Urbana + COTA760
Vista aérea do Rio Cocó no Núcleo Esportivo. Image Cortesia de Base Urbana + COTA760

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto a seguir foi o vencedor do Concurso Nacional de Ideias para o Parque do Cocó em Fortaleza, no Ceará. São 1080 hectares de área de conservação ambiental atravessando a cidade e 50 hectares de área de projeto, é o quarto maior parque urbano do Brasil e, diante desta condição ele guarda a responsabilidade de promover a preservação e regeneração de importante floresta de mangue, além de poder servir à população como infraestrutura urbana para ações socioculturais, econômicas e ambientais. O projeto para o parque propõe soluções gerais que possibilitam pensar as 17 áreas de intervenção propostas pelo concurso em consonância com o restante da área de conservação e sua relação com a cidade que a rodeia. Trata-se de criar uma simbiose entre o uso do parque e a preservação ambiental.

Representação do paisagismo: o papel do desenho em planta para parques e praças

12:00 - 2 Março, 2018
Representação do paisagismo: o papel do desenho em planta para parques e praças, Planta de Parque Zaryadye / Diller Scofidio + Renfro. Image via Diller Scofidio + Renfro
Planta de Parque Zaryadye / Diller Scofidio + Renfro. Image via Diller Scofidio + Renfro

Frequentemente imperceptível para os habitantes, a planta arquitetônica na representação do paisagismo emerge como uma das principais peças gráficas que permitem evidenciar certas relações, não somente de organização estratégica, mas imprescindíveis para um bom projeto de arquitetura.

A distribuição e tipo de espécies vegetais, os níveis topográficos, as relações com as pré-existências do contexto urbano ou natural, os possíveis trajetos e atividades incorporadas, a materialidade e as dimensões precisas para sua construção são algumas das considerações que geralmente reiteram neste tipo de representação.

O resultado permite comunicar de forma sintética as intenções, preocupações e atenções dos autores; Por esse motivo, convidamos você a rever uma série de exemplos diferentes de plantas arquitetônicas de espaços públicos para abordar o papel dessa projeção.

Rosa Kliass: Poeta da paisagem

12:00 - 6 Outubro, 2017
Rosa Kliass: Poeta da paisagem, Via © Marcelo Scandaroli. ImageRosa Grena Kliass
Via © Marcelo Scandaroli. ImageRosa Grena Kliass

Considerada a dama do paisagismo brasileiro, Rosa Grena Kliass foi a mulher responsável pela transformação no cenário, ao longo de uma caminhada de amadurecimento, traduzindo à sociedade a luz sobre a importância do papel do arquiteto paisagista.

Via © Marcelo Scandaroli. ImageRosa Grena Kliass © Matheus Pereira. ImageParque da Juventude  © bolapiercing - Via Flickr (CC BY 2.0). ImageMuseu Mariano Procópio © Diogo Oliva - Via Flickr Quapá (CC BY-NC 3.0). ImageParque da Juventude + 18

Parque da Juventude: Paisagismo como ressignificador espacial

12:00 - 4 Outubro, 2017
Parque da Juventude: Paisagismo como ressignificador espacial, © Katarina Holanda
© Katarina Holanda

Quem passa pelo Parque da Juventude, em São Paulo, em meio a seus belos e generosos espaços permeados pelo paisagismo e a presença da população usufruindo-o, até se esquece do quão trágico já foi o espaço.

Presente na memória dos paulistanos como espaço marcado pela violência, a área com mais de 240 mil metros quadrados, localizada no barro de Santana, na zona norte da capital paulista, até 2002 abrigou o antigo Complexo Penitenciário do Carandiru, historicamente conhecido como o maior da América Latina.Se não bastasse a imagem negativa, a área praticamente rejeitada pelo Estado e sociedade, em 1992 ocorreu ali o massacre de 111 presos, retratado em músicas, livros e no cinema.

Cinco cidades que criaram seus "highlines" em vias de transporte abandonadas

10:00 - 2 Agosto, 2017
Cinco cidades que criaram seus "highlines" em vias de transporte abandonadas, Viaduto da Estação de Seul transformado em parque elevado. Image © Ossip van Duivenbode
Viaduto da Estação de Seul transformado em parque elevado. Image © Ossip van Duivenbode

A revolução industrial deixou marcas profundas nas cidades, definindo em grande parte a aparência e o funcionamento das cidades até os dias de hoje. Vias férreas serviram durante décadas à expansão econômica e territorial das cidades, entretanto, com o surgimento do automóvel na primeira metade do século passado e hegemonia do rodoviarismo na segunda metade, a grande maioria das ferrovias urbanas foram abandonadas, tornando-se apenas o registro concreto de eras passadas.

Por décadas desocupadas, comunidades de diversas cidades ao redor do mundo passaram, nas últimas décadas, a ver com outros olhos estas relíquias do transporte ferroviário. O The Guardian compilou cinco cidades que transformaram suas ferrovias abandonadas em espaços públicos, parques e áreas de lazer - veja-as a seguir.

Revitalização de um antigo cemitério em Atenas cria "osmose" do parque à cidade

19:00 - 19 Junho, 2017
Revitalização de um antigo cemitério em Atenas cria "osmose" do parque à cidade, Cortesia de Topio7 Architects
Cortesia de Topio7 Architects

Um concurso para a transformação de um antigo cemitério em Nikea, a oeste do centro de Atenas, foi vencido pelo escritório grego Topio7, com uma proposta que cria um parque público revitalizado como resultado de "uma osmose mútua entre o parque e a cidade" . Uma série de zonas de transição verdes - "o limite elástico" - são utilizadas para enquadrar uma viagem de procissão da agitação da cidade até a calma da paisagem do parque.

Destacando a importância do uso anterior do local, os arquitetos explicam que o "principal objetivo do projeto é a criação de um espaço público aberto e acessível, um parque urbano contemporâneo com caráter ecológico-bioclimático, com ênfase especial na dimensão social e na memória do terreno".

Cortesia de Topio7 Architects Cortesia de Topio7 Architects Cortesia de Topio7 Architects Cortesia de Topio7 Architects + 14

Parque em Istambul permite os visitantes caminharem pelas copas das árvores

19:00 - 13 Maio, 2017
Parque em Istambul permite os visitantes caminharem pelas copas das árvores, © DROR
© DROR

Em Istambul, uma cidade com poucos espaços verdes existentes, o studio DROR propôs algo radical - um parque cheio de intervenções inovadoras como forma de incentivar a experiência coletiva e o convívio. Visionado como "uma história de amor entre as pessoas e a natureza", o parque florestal Parkorman dará às pessoas a chance de passear através da floresta, brincar, refletir e até mesmo percorrer por sobre os níveis das copas das árvores.

© DROR © DROR © DROR © DROR + 11

1º Lugar no Concurso Parques Central e Sul de Águas Claras - DF

19:00 - 9 Maio, 2017
1º Lugar no Concurso Parques Central e Sul de Águas Claras - DF , Cortesia de SPAA
Cortesia de SPAA

Promovido pela Companhia Imobiliária de Brasília - TERRACAP, e organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil - Departamento do Distrito Federal – IAB/DF, o resultado do Concurso Público Nacional de Projetos de Arquitetura e Paisagismo para os Parques Central e Sul de Águas Claras, teve seu resultado divulgado recentemente.

O objetivo do concurso foi a seleção da melhor proposta para os parques Central e Sul de Águas Claras no Distrito Federal, visando a contratação da equipe técnica responsável pelo projeto vencedor, que desenvolverá o Anteprojeto, o Projeto Legal e o Projeto Executivo de Arquitetura, Paisagismo e Complementares. 

A comissão julgadora do concurso foi composta por Rosa Grena Kliass, Leandro Rodolfo Schenk, Raul Pereira, Bianca Ilha Pereira e Patrícia Veiga Fleury de Matos. Conheça, a seguir, o projeto vencedor do concurso, desenvolvido pelo escritório de arquitetura Sidonio Porto Arquitetos Associados:

Resultado do Concurso Parques Central e Sul de Águas Claras - DF

18:50 - 4 Maio, 2017
Resultado do Concurso Parques Central e Sul de Águas Claras - DF, Cortesia de IAB/DF
Cortesia de IAB/DF

A Companhia Imobiliária de Brasília - TERRACAP, como entidade promotora e o Instituto de Arquitetos do Brasil - Departamento do Distrito Federal – IAB/DF, como organizador, realizaram o Concurso Público Nacional de Projetos de Arquitetura e Paisagismo para os Parques Central e Sul de Águas Claras, no Distrito Federal.

O objetivo do concurso foi a seleção, em duas etapas, da melhor proposta, visando à contratação da equipe técnica responsável pelo projeto vencedor para desenvolvimento do Anteprojeto, do Projeto Legal e do Projeto Executivo de Arquitetura, Paisagismo e Complementares.

O projeto de intervenção contempla propostas arquitetônicas, urbanísticas, ambientais e paisagísticas, que irão proporcionar a interação social, atividades e eventos culturais e esportivos, além de infraestrutura para comércio de pequeno porte, de acordo com as diretrizes apresentadas nas Bases do concurso.

Veja, a seguir, os premiados:

Divulgados os finalistas do Concurso para Parques Central e Sul de Águas Claras - DF

19:00 - 30 Março, 2017

O Concurso Público Nacional de Projetos de Arquitetura e Paisagismo para os Parques Central e Sul de Águas Claras, no Distrito Federal, divulgou o resultado de sua primeira etapa no dia 23 de março. Foram conhecidos os três finalistas que apresentarão seus projetos em defesa pública no dia 21 de abril.

FC Barcelona explica o projeto e construção do novo Camp Nou através de vídeos

15:00 - 30 Abril, 2016


Em uma conferência de imprensa realizada na semana passada, o FC Barcelona apresentou o projeto do novo Camp Nou, liderado por Nikken Sekkei (Japão), em conjunto com Joan Pascual i Ramon Ausió Arquitectes (Barcelona), equipe que venceu o concurso internacional em março.

Juntamente com os jogadores da equipe, o conselho de diretores, presidido por Josep Maria Bartomeu, apresentou a maquete do projeto, que terá suas obras iniciadas em meados de 2017 e ampliará a capacidade do estádio para 105 mil espectadores. Além disso, a organização publicou uma série de vídeos sobre o projeto, incluindo uma explicação de como será construído sem interferir no calendário de partidas da equipe. 

Restaurante Caballa Canalla / MESURA

21:00 - 25 Abril, 2016
Restaurante Caballa Canalla / MESURA, © José Hevia Fotografía
© José Hevia Fotografía

© José Hevia Fotografía © José Hevia Fotografía © José Hevia Fotografía © José Hevia Fotografía + 15

Inspirados por brinquedos mexicanos, Esrawe + Cadena apresentam "Los Trompos"

14:00 - 17 Abril, 2016
Inspirados por brinquedos mexicanos, Esrawe + Cadena apresentam "Los Trompos", Cortesia de Discovery Green Conservancy
Cortesia de Discovery Green Conservancy

Grandes piões decorados com tecidos coloridos ocuparam o parque Discovery Green, em Houston, até o dia 22 de março de 2016. Estes fazem parte de uma instalação de arte interativa dos designers mexicanos Héctor Esrawe e Ignacio Cadena. Apelidado de "Los Trompos", a instalação contou com vinte estruturas 3D. Apenas duas ou mais pessoas trabalharam em conjunto para a realização da obra, promovendo uma conexão envolvente.

Cortesia de Discovery Green Conservancy Cortesia de Discovery Green Conservancy Cortesia de Discovery Green Conservancy Cortesia de Discovery Green Conservancy + 47

Modificando temporariamente a cidade: espaços urbanos experimentais em Aarhus, Dinamarca

15:00 - 14 Fevereiro, 2016
Modificando temporariamente a cidade: espaços urbanos experimentais em Aarhus, Dinamarca, The City Park / Schønherr. Imagem © Martin Dam Kristensen for Aarhus Festival
The City Park / Schønherr. Imagem © Martin Dam Kristensen for Aarhus Festival

Desde o ano de 2010, os arquitetos dinamarqueses do Schønherr desenvolveram uma série de intervenções urbanas em grande escala durante a época do Festival de Aarhus, o maior festival cultural da Dinamarca. Esses projetos temporários transformaram as ruas e parques em espaços públicos extraordinários, mudando a topografia natural da cidade para atrair e reunir os cidadãos.

Apresentamos aqui seus 4 últimos projetos: "The Forest" (2010), "The City Park" (2012), "The Plaza" (2014) 3 "Bishops Square", que será finalizado em 2016.

The City Park / Schønherr. Imagem © Martin Dam Kristensen for Aarhus Festival The Plaza / Schønherr. Imagek  © Martin Schubert The City Park / Schønherr. Imagem © Martin Dam Kristensen for Aarhus Festival The Plaza / Schønherr. Imagek  © Martin Schubert + 49

Resultado do concurso para o Parque Urbano de Arruda dos Vinhos

16:00 - 1 Outubro, 2015
Resultado do concurso para o Parque Urbano de Arruda dos Vinhos , Primeiro Lugar - PARATELIER e Pedro Campos Costa. Image via OASRS
Primeiro Lugar - PARATELIER e Pedro Campos Costa. Image via OASRS

A Regional Sul da Ordem dos Arquitetos de Portugal (OASRS) e a Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos acabam de divulgar os vencedores do concurso para o Parque Urbano de Arruda dos Vinhos. O concurso tinha como objetivo requalificar e valorizar o conjunto urbano do Rio Grande da Pipa, desde o final da Rua Cândido dos Reis até a Quinta da Ponte e Costa, no sentido de se constituir como elemento de ligação entre o centro da Vila e a nova área de expansão ao norte da Vila.

O concurso visava ainda contemplar uma perspectiva global sobre o território, criando uma identidade única para as transformações futuras da Vila através de um estudo crítico sobre uma área mais abrangente. As propostas premiadas são as que melhor representam uma marca de referência no panorama regional, com particular atenção ao local de implantação do parque e às necessidade de aproximar a natureza e o rio da vila e dos habitantes de Arruda dos Vinhos.