1. ArchDaily
  2. Louisiana

Louisiana: O mais recente de arquitetura e notícia

Arquitetura contemporânea e herança cultural em Nova Orleans

Nova Orleans é uma cidade diferente de qualquer outra. Marcada por uma rica herança cultural, é definida pela geografia do Delta do Mississippi e pelo clima local. Após a destruição causada pelo furacão Katrina em 2005, designers e arquitetos voltaram sua atenção para a cidade, buscando soluções para garantir um futuro melhor para as comunidades que lá vivem. 

© Justin Cordova© William Crocker© Timothy Hursley© William Crocker+ 10

Wang Shu: "Arquitetura não é apenas um objeto que você insere no contexto"

[A arquitetura pode] mudar a vida das pessoas e dar-lhes outra nova, imediatamente. Esse não é o trabalho para uma pessoa normal. Esse deveria ser o trabalho de Deus.

Neste vídeo produzido pelo Louisiana Channel, o arquiteto chinês, vencedor do Prêmio Pritzker e co-fundador (juntamente co sua esposa, Lu Wenyu) do Amateur Architecture Studio, Wang Shu, compartilha sua perspectiva sobre a arquitetura contemporânea e o que significa ser um arquiteto hoje. "A arquitetura não é apenas um objeto que você insere no contexto", explica Shu. "Sua experiência da arquitetura começa longe do edifício. Arquitetura não é apenas a casa em si; mas também inclui uma grande área em torno dela. Tudo isso é arquitetura."

Royal Danish Academy cria protótipos de habitações de baixo custo em Moçambique

O Departamento de Assentamentos Humanos da Escola de Arquitetura, Design e Conservação da Royal Danish Academy of Fine Arts desenvolveu um protótio de habitação de baixo custo para Maputo, Moçambique, como parte do projeto de pesquisa "Casas Melhoradas". O protótipo reinterpreta a tradicional "casa de madeira e zinco" da região, construída com madeira e chapas metálicas onduladas, e a "casa de blocos", composta por blocos de concreto.

Brad Pitt fala sobre o projeto Make It Right em New Orleans: "Tenho muito orgulho disso"

The Float House / Morphosis, Make It Right. Image © Iwan Baan
The Float House / Morphosis, Make It Right. Image © Iwan Baan

Dez anos atrás, o Furacão Katrina passou pelo Golfo americano, devastando grande parte da cidade de New Orleans. Dois anos depois da catástrofe, após perceber que a cidade não se reconstruia, a estrela de Hollywood e entusiasta da arquitetura, Brad Pitt, lançou o Make It Right, um projeto que tinha como objetivo construir 150 casas projetadas por 20 arquitetos internacionalmente reconhecidos.

Nos últimos oito anos, Make It Right não apenas ajudou a reconstruir a região mais afetada de New Orleans, mas também começou a difundir seu trabalho nos estados de Missouri, Montana e New Jersey, com mais projetos previstos para os próximos anos. Embora a organização sem fins lucrativos tenha obtido sucesso em seus esforços, ela também enfrentou muitas críticas.

Em uma recente entrevista com NOLA, Pitt comenta algumas destas críticas, refletindo sobre o crescimento da organização e as mudanças que ela causou. Saiba mais sobre a opinião de Pitt, a seguir.

Frank Gehry-designed duplex. Image © Chad Chenier Photography / Make It RightDuplex house. Image Courtesy of Atelier Hitoshi AbeLower Ninth Ward, New Orleans. Image © Irina VinnitskayaFlow House. Image Courtesy of William McDonough + Partners+ 7

Vídeo: Um percurso pelo Museu e Hall da Fama Esportivo de Lousiana projetado por Trahan Architects

Um museu contemporâneo situado no mais antigo povoado do estado de Louisiana, EUA, o Museu Estadual e Hall da Fama Esportivo de Lousiana, projetado pelo escritório Trahan Architects, se destaca por seu interior esculpido que contrasta com sua fachada de cobre. Assista ao vídeo acima, produzido pelo Spirit of Space, que mostra um passeio pelo entorno e espaços internos do museu.

Três finalistas desenvolverão estratégias de reutilização de terrenos desocupados em New Orleans

Três finalistas foram selecionados para prosseguir no concurso de ideias “Future Ground”, promovido pelo Van Alen Institute (VAI) e pela New Orleans Redevelopment Authority (NORA). Cada um dos participantes receberá uma bolsa de US$ 15 mil para investigar e desenvolver estratégias políticas e de projeto de longo prazo para a reutilização de terrenos desocupados em New Orleans.

"Frequentemente, terrenos vagos eram vistos como remanescentes ou ausências na cidade do século XX", descreveu o VAI. "Hoje, com uma massa crítica de projetistas, políticos, acadêmicos, artistas, ativistas e moradores desenvolvendo projetos piloto, estudos minuciosos e novos tipos de urbanismo em propriedades abandonadas, é possível imaginar esses terrenos como parte integrante da cidade futura."