Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Lemay

Lemay: O mais recente de arquitetura e notícia

Terreno da Expo 67 será reurbanizado em Montreal

O projeto de reurbanização do Parc Jean-Drapeau em Montreal é um sinal de que a capital da província de Quebec está comprometida em resgatar e revalorizar seus mais importantes marcos urbanos. Depois de décadas de omissão por parte da administração local, um dos principais parques urbanos de Montreal - onde encontra-se edificada a icônica cúpula geodésica projetada por Buckminster Fuller em 1967 e uma escultura em escala urbana criada por Alexander Calder - será reurbanizado e devolvido à população como um novo e importante espaço de encontro e socialização para a comunidade local.

O tecido urbano da cidade de Montreal, talvez mais do que qualquer outra cidade canadense, foi profundamente alterado e transformado durante a segunda metade do século XX. A Exposição Internacional de 1967, popularmente conhecida como Expo 67, fez com que a cidade de Montreal ficasse mundialmente famosa, recebendo um número recorde de visitantes. A Expo 67 foi a feira mundial de maior sucesso do século 20 e provocou um boom na construção civil que se estendeu até o final da década de 1970.

© Lemay © Marc Cramer © Marc Cramer © Lemay + 18

Lemay, Perkins+Will e Bisson Fortin projetarão o sistema de trilhos leves de Montreal

Três empresas de arquitetura premiadas, Lemay, Perkins+Will e Bisson Fortin, projetarão um novo sistema sustentável de 67 km de estações de trem para um dos maiores projetos de transporte público da América do Norte, o Réseau Express Métropolitain (REM) em Montreal. Este sistema de estações de trem será projetado como parte do contrato recentemente ganho pela NouvLR General Partnership e conectará o Aeroporto Internacional Montréal-Trudeau ao centro da cidade, bem como às margens norte e sul da região.

Lemay projeta transformação costeira em Casablanca, Marrocos

O escritório Lemay, de Quebec, venceu a concorrência para redesenhar a orla de Casablanca, Marrocos, que incluirá o novo passeio marítimo da Mesquita Hassan II e Ain Diab.

Com modernidade, sustentabilidade e inovação em mente, o desenho urbano e paisagístico irá promover a mobilidade ao longo da corniche (uma estrada costeira, no penhasco) e visa reforçar a atração da costa.

Lançado em dezembro, o projeto contará com um parque urbano ao longo do aterro El Hank, que incluirá áreas de descanso, passarelas, esportes ao ar livre, entre outros. Como uma extensão da Mesquita Hassan II, o passeio é esperado para se tornar um novo marco marroquino.

Cortesia de v2com. © Lemay Cortesia de v2com. © Lemay Cortesia de v2com. © Lemay Cortesia de v2com. © Lemay + 13