Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Chicago Architecture Foundation

Chicago Architecture Foundation: O mais recente de arquitetura e notícia

Novo Centro de Arquitetura de Chicago será inaugurado em 2018

Cortesia da Chicago Architecture Foundation
Cortesia da Chicago Architecture Foundation

A Chicago Architecture Foundation (CAF) anunciou a criação do Chicago Architecture Center, uma nova sede e centro de experiências que convidará os visitantes a descobrir "o legado arquitetônico de Chicago e seu papel na formação de cidades em todo o mundo".

Localizado no interior do 111 East Wacker Drive, projetado por Mies van der Rohe às margens do rio Chicago, o Chicago Architecture Center terá mais de 1.800 metros quadrados, abrigando uma variedade de exposições e iniciativas educacionais, incluindo acesso direto ao Chicago Architecture Foundation River Cruise. O novo projeto de interiores está à cargo de Adrian Smith + Gordon Gill Architecture.

12 canais de arquitetura no Youtube que você precisa conhecer

Há tanto para aprender sobre arquitetura. O arquiteto inteligente sabe ter uma variedade de fontes para o seu conhecimento sobre o campo, e é por isso que nós unimos uma lista dos nossos canais de arquitetura preferidos no Youtube, além de selecionar alguns de seus melhores vídeos para você assistir. Na seleção apresentamos tutorias de desenho e renderização, documentários de arquitetura e muito mais. Veja, a seguir.

Atelier 2B repensa o modernismo na era da colaboração e do compartilhamento

Em seu livro We Have Never Been Modern, o filósofo Bruno Latour conclui que a incapacidade de separar inerentemente a humanidade da natureza é uma das alegorias mais equivocadas do modernismo. Assim, designers contemporâneos que esperam citar ou ter uma continuidade com o modernismo devem compreender que arquitetura, mesmo quando estetizada, não está hermeticamente separada do mundo externo - e que, portanto, o modernismo não é um platô de projeto, mas outro acampamento na estrada do refinamento contínuo.

Em Chicago, a cidade onde o modernismo atingiu seu ápice tanto metafórico como físico, o Atelier 2B, uma equipe composta por Yewon Ji, Nicolas Lee e yan Otterson, foi recentemente premiada no concurso ChiDesign Competition, promovido pela Chicago Architecture Foundation, pelo seu projeto Soft in the Middle: The Collaborative Core. Em dívida com o legado de Mies e do Estilo Internacional, o Atelier 2B propôs uma Modernist-tower-redux composta por três volumes retangulares empilhados bisseccionados com terraços e afastados da rua por uma grande praça pública.

Cortesia de Atelier 2B Cortesia de Atelier 2B Design and Allied Arts High School. Cortesia de Atelier 2B Out-of-School-Time Youth Program. Cortesia de Atelier 2B + 8

mcdowellespinosa desafia a tipologia dos edifícios de uso misto com "Layered Intelligence"

A Chicago Architecture Foundation (CAF) anunciou os três vencedores do concurso de ideias ChiDesign, que tinha como objetivo busca propostas para o Chicago Centre for Architecture, Design and Education (CADE). O concurso aconteceu em conjunto com a primeira Bienal de Arquitetura de Chicago, e convidava os participantes a elaborarem projetos que abordassem a tipologia moderna do edifício de uso misto para receber as dependências do Council on Tall Buildings and Urban Habitat. Saiba mais sobre um dos projetos vencedores – intitulado “Layered Intelligence” – a seguir.

Vista interna. Cortesia de mcdowellespinosa Vista interna. Cortesia de mcdowellespinosa Vista interna. Cortesia de mcdowellespinosa Vista externa. Cortesia de mcdowellespinosa + 12

Métodos subversivos para projetar um arranha-céu: "Unveiled"

Vista Noturna. Imagem Cortesia de Michael Ryan Charters e Ranjit John Korah
Vista Noturna. Imagem Cortesia de Michael Ryan Charters e Ranjit John Korah

Em um artigo do Los Angeles Times publicado em dezembro, "O futuro está no passado: tendências para a Arquitetura em 2014, o crítico Christopher Hawthorne procurou dar sentido a um ano que incluiu a Bienal de Veneza de Koolhaas, o Pavilhão Serpentine do Smiljan Radic e periódicos como Log 31: New Ancients e San Rocco 8: What’s Wrong with the Primitive Hut? Através destes e outros exemplos, Hawthorne concluiu que era um ano de auto-reflexão em que, para determinar o futuro da arquitetura, seria necessário extrai-lo do passado.

Com base nestes precedentes, Hawthorne previu que depois de anos de parametrização barroca, em 2015 arquitetos usariam as meditações antigas como um fundamento prático para novos projetos e propostas. Um exemplo disso pode ser encontrado na obra de Michael Ryan Charters e Ranjit John Corá, uma dupla que recentemente dividiu o prêmio top-cinco da CAF no Concurso ChiDesign (parte da Bienal de Arquitetura de Chicago) para o seu projeto Unveiled. Em um resumo chamou-o de "um novo centro para a arquitetura, design e educação", e com jurados elogiados incluindo Stanley Tigerman, David Adjaye, Ned Cramer, Monica Ponce de Leon e Billie Tsien, A proposta de Charters e Corá poderia casualmente ser resumida como um quadro de terracota sobre uma forma cristalina de vários andares de abóbadas de madeira, mas na verdade é algo muito mais complexo.

Metade inferior. Imagem Cortesia de Michael Ryan Charters e Ranjit John Korah Elevadores. Imagem Cortesia de Michael Ryan Charters e Ranjit John Korah Vista Diurna. Imagem Cortesia de Michael Ryan Charters e Ranjit John Korah Modelo de Chicago com Skyline visível nos arredores. Imagem Cortesia de Michael Ryan Charters e Ranjit John Korah + 8

Chicago Prize destaca duas propostas especulativas para a Biblioteca Presidencial de Obama

O Chicago Architectural Club (CAC) divulgou os vencedores de sua 14ª Chicago Prize Competition - The Barack Obama Presidential Library - na sequência da recente escolha de Chicago como uma das três cidades consideradas para receber a biblioteca presidencial.

As propostas vencedoras buscaram criar uma biblioteca que pudesse, ao mesmo tempo, reconhecer o Presidente ao expor uma coleção de recordações de sua vida e proporcionar a base para programas comunitários. Os participantes foram convidados a considerar o contexto do edifício na cidade de Chicago para criar uma proposta especulativa que não apenas fomentasse o aprendizado e exploração, mas também inspirasse a discussão na esfera pública. Para promover a criatividade, o programa da biblioteca não foi especificado, permitindo que os participantes decidissem como incorporar esses elementos cívicos e educacionais em seus projetos.

Por fim, um renomado júri selecionou dois vencedores e três menções honrosas. Veja a seguir as propostas selecionadas: