Série de fotografias registra a Zona de Exclusão de Chernobyl décadas após o desastre

Série de fotografias registra a Zona de Exclusão de Chernobyl décadas após o desastre

O pesquisador britânico Darmon Richter concluiu uma série de visitas à Zona de Exclusão de Chernobyl. Registrada no livro Chernobyl: A Stalkers’ Guide, a documentação de Richter explora uma área do tamanho de um pequeno país e vai mais fundo do que qualquer relato já publicado. Por meio de uma série de fotografias, seu trabalho revela cidades fantasmas esquecidas e monumentos perdidos nas profundezas das florestas.

© Darmon Richter / FUEL Publishing© Darmon Richter / FUEL Publishing© Darmon Richter / FUEL Publishing© Darmon Richter / FUEL Publishing+ 16

© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing

Localizada ao norte de Kiev, Chernobyl foi o palco do pior desastre nuclear da história da humanidade. A Usina de Energia Nuclear Lenin V.I. foi construída entre 1970 e 1977. Logo após o desastre de 1986, a cidade vizinha, Pripyat, foi evacuada e a Zona de Exclusão criada para garantir que ninguém entrasse nas áreas de alta radiação. Embora os níveis de radiação diminuam gradualmente, as ruínas da usina e a Zona de Exclusão tiveram acesso proibido por muitos anos.

© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing

Décadas mais tarde, a zona acabou sendo aberta para curtas excursões turísticas, permitindo que os visitantes conhecessem a cidade fantasma de Pripyat. Até o momento, os esforços de reconstrução dentro e ao redor de Chernobyl se concentraram na recuperação ambiental e no redesenvolvimento da área. Em um esforço para isolar o reator nuclear danificado, em 2016 foi construída a maior estrutura móvel de metal do mundo, conhecida como Novo Confinamento Seguro.

© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing

Richter registrou imagens das florestas de Chernobyl, vilas históricas e regiões evacuadas na Ucrânia e na Bielorússia. O livro combina fotografias feitas durante suas visitas à Zona de Exclusão com as experiências daqueles que testemunharam o desastre – engenheiros, cientistas, policiais e civis evacuados. Richter também teve acesso a algumas das áreas mais isoladas da usina, o verdadeiro epicentro do desastre nuclear.

© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing
© Darmon Richter / FUEL Publishing

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Baldwin, Eric. "Série de fotografias registra a Zona de Exclusão de Chernobyl décadas após o desastre" [Explore Chernobyl's Exclusion Zone Through the Lens of Darmon Richter] 24 Set 2020. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/948376/serie-de-fotografias-registra-a-zona-de-exclusao-de-chernobyl-decadas-apos-o-desastre> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.