As 10 cidades do design em 2019

As 10 cidades do design em 2019

As tendências de design são frequentemente resultado de influências culturais estrangeiras, criações de vanguarda e soluções inovadoras para as necessidades em constante evolução das pessoas. Embora o mundo do design pareça um grande tabuleiro, algumas cidades conseguiram ganhar notoriedade com seus projetos recentes.

Como parte de sua lista anual de cidades com design inovador, a revista Metropolis destacou 10 cidades em 5 continentes com projetos intrigantes que harmonizaram o urbanismo contemporâneo com influências tradicionais.

Lima, Peru

The Beehive Offices / Barclay & Crousse. Image Cortesia de Barclay & Crousse
The Beehive Offices / Barclay & Crousse. Image Cortesia de Barclay & Crousse

No século XX, a arquitetura peruana foi afetada pelos conflitos sociais e econômicos internos, razão pela qual vários arquitetos, como Sandra Barclay e Jean Pierre Crousse, foram obrigados a viajar para o exterior para estudar e trabalhar. A dupla iniciou seus estudos de arquitetura e carreira em Paris, e foi somente até o final da década de 1990, quando a situação no Peru melhorou gradualmente, que eles receberam seu primeiro grande projeto peruano, razão pela qual a dupla voltou para casa. Seu trabalho é uma combinação de influências parisienses e técnicas históricas peruanas, tomando as diretrizes espaciais específicas do clima como referentes.

Buenos Aires, Argentina

Esplendor / Paola Vega. Image Cortesia de Triba
Esplendor / Paola Vega. Image Cortesia de Triba

O rio Matanza tem grande importância na cultura argentina. Ele é adjacente ao bairro de La Boca, o berço do tango, pois era um local de desembarque para os imigrantes que se dirigiam ao país no final do século XX. Desde algumas décadas atrás, a área tornou-se famosa pelo crime e pela pobreza, razão pela qual a artista Paola Vega e o coletivo de arte local Triba criaram um mural vibrante intitulado "Esplendor" na parede ao lado do rio, utilizando os espaços ignorados e estereotipados da região.

Tirana, Albânia

Skanderberg Square / 51N4E, Anri Sala, & Plan en Houtgoed. Image Cortesia de Filip Dujardin
Skanderberg Square / 51N4E, Anri Sala, & Plan en Houtgoed. Image Cortesia de Filip Dujardin

Além de uma carreira na política, Edi Rama, ex-prefeito de Tirana (e atual primeiro-ministro da Albânia) é um artista. Após a Segunda Guerra Mundial, o país foi governado pelo regime comunista com o apoio dos chineses e dos soviéticos. Esta regra, que durou quase quatro décadas, isolou-a econômica, política e culturalmente. Quando Rama assumiu o cargo em 2000, a cidade estava subestimada e cheia de estruturas não autorizadas. Entre suas realizações, ele demoliu edifícios ilegais, acrescentou espaços verdes e desenvolveu um ambicioso plano mestre, a praça Skanderbeg.

Valência, Espanha

Koi Light Structure / Inocuo the Sign. Image Cortesia de Santiago Relanzón
Koi Light Structure / Inocuo the Sign. Image Cortesia de Santiago Relanzón

Marivi Calvo, artista de Valência e Sandro Tothill, um músico australiano, criaram luminárias com facetas de madeira enquanto preparavam seu primeiro apartamento. O casal acabou por fundar a empresa de iluminação LZF em 1995, criando peças de assinatura com madeira natural e artesanato. Koi é uma luminária escultural desenvolvida pela LZF Lamps e projetada pelo estúdio Inocuo, de Barcelona.

Tulsa, Oklahoma

The Gathering Place / Michael Van Valkenburgh Associates. Image Cortesia de Alex S MacLean
The Gathering Place / Michael Van Valkenburgh Associates. Image Cortesia de Alex S MacLean

Embora Tulsa seja raramente associado a uma cultura de design inovadora, o The Gathering Place, de Michael Van Valkenburgh Associates, visa refutar esse equívoco. O parque urbano ribeirinho de 100 acres (aproximadamente 400.000 m²) é a nova atração pública da cidade, com edificações de cedro e maple, lareiras monumentais, copas das árvores, áreas para apresentações, escorregadores gigantes, casas de barcos, pista de skate e playgrounds.

Memphis, Tennessee

Madison Avenue Park / Davied Toews Architects. Image Cortesia de Davies Toews Architecture
Madison Avenue Park / Davied Toews Architects. Image Cortesia de Davies Toews Architecture

Memphis é a segunda maior cidade do Tennessee, com altos índices de criminalidade e pobreza. À medida que a cidade se recupera gradualmente de sua reputação, vários projetos novos e adaptativos de reutilização estão tomando forma, como o Ballet Memphis, um novo sistema de compartilhamento de bicicletas e o projeto de restauração da beira do rio. Embora situado em um local negligenciado e restrito, o Madison Avenue Park tem muito a oferecer. Projetado por Davies Toews Architecture, o parque urbano é criado em um beco estreito, substituindo o Burger King.

Dakar, Senegal

M'Afrique Sofa / Moroso. Image Cortesia de Moroso
M'Afrique Sofa / Moroso. Image Cortesia de Moroso

No Senegal, os serviços de design profissional são superfaturados, deixando os artesãos vulneráveis ao mercado que prefere mão-de-obra barata. O designer senegalês Bibi Seck, que projetou móveis para a Herman Miller e a Nucraft, lançou um laboratório de design chamado Dakar Next, uma iniciativa que visa mudar a forma como o design é percebido e valorizado no Senegal. Ele já trabalhou com vários artesãos, dividindo os custos do material e dividindo o lucro de seus projetos, uma ação que acredita beneficiar de forma justa o mercado de trabalho.

Argel, Argélia

La Rencontre d’Alger Poster / Baghli Architects. Image Cortesia de Baghli Architects
La Rencontre d’Alger Poster / Baghli Architects. Image Cortesia de Baghli Architects

Em fevereiro de 2019, milhões de cidadãos argelinos foram às ruas pedindo uma mudança imediata em seu sistema político. Antes dos protestos, um grupo de urbanistas se reuniu no Museu Nacional de Arte Moderna e Contemporânea - Argel para discutir uma proposta de ponte em toda a Baía de Argel. Nacym e Sihem Baghli, os arquitetos por trás da proposta, primeiro imaginaram o projeto em esboços preliminares de conceito, conectando o Forte Otomano em Tamentfoust com a Casbah em direção ao oeste.

Jacarta, Indonésia

Dapour 100 Eatery and Bar / Alvin Tjitrowirjo. Image Cortesia de AlvinT
Dapour 100 Eatery and Bar / Alvin Tjitrowirjo. Image Cortesia de AlvinT

Embora o designer Alvin Tjitrowirjo afirme que ele tem um relacionamento de "amor e ódio" com Jacarta, sua abordagem estilística de móveis e design de interiores está sempre ligada às raízes de sua cultura. O designer adota uma abordagem vanguardista com material tradicional, experimentando materiais e artesanato locais. Sua Dapour 100 Eatery & Bar é embelezada com formas refinadas, bancos vibrantes e espreguiçadeiras, todos feitos à mão com material local e força de trabalho.

Fukuoka, Japão

The Fukuoka Art Museum . Image Cortesia de SS Co. LTD/Shinichiro UEDA
The Fukuoka Art Museum . Image Cortesia de SS Co. LTD/Shinichiro UEDA

Kunio Maekawa é conhecido como um dos defensores modernistas mais notáveis do Japão. Em 1979, ele desenvolveu o Museu de Arte de Fukuoka, com tetos abobadados, pilares de concreto e terraços de azulejos. A empresa japonesa Azusa Sekkei foi responsável pela recente renovação de 3 anos.

Leia o artigo completo na Revista Metropolis aqui.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Stouhi, Dima. "As 10 cidades do design em 2019" 24 Ago 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/923160/as-10-cidades-do-design-em-2019> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.