Cristiano Toraldo di Francia, cofundador do Superstudio, morre aos 78 anos

Cristiano Toraldo di Francia, cofundador do Superstudio, morre aos 78 anos

Ontem, 30 de julho, Cristiano Toraldo di Francia, cofundador do Superstudio, faleceu aos 78 anos de idade. Durante os anos 60 e início dos anos 70, o estúdio italiano, cofundado por Adolfo Natalini, concentrou-se na crítica aos métodos de produção do design e da arquitetura. A prática do estúdio se refletiu numa forma muito particular de representar a arquitetura através de colagens, manifestos e storyboards. Esta abordagem desencadeou múltiplas discussões que permanecem válidas até hoje entre as gerações mais jovens, que revisitaram aquelas críticas para aplicá-las a novas formas de produzir e pensar arquitetura.

Foi graças ao trabalho de Cristiano Toraldo di Francia, Adolfo Natalini, Piero Frassinelli, Alessandro e Roberto Magris - membros do Superstudio - que as utopias se tornaram uma forma de reinventar expondo suas fraquezas, sensibilizando a comunidade de arquitetos e designers com trabalhos como "O Monumento Contínuo", uma das obras mais controversas do estúdio- uma monstruosa estrutura que consiste em um ambiente puro, democrático e interminável.

New-New York, 1969. This drawing was displayed as part of the exhibition "<a href='http://www.archdaily.com/774609/7-early-drawings-by-famous-architects'>Drawing Ambience: Alvin Boyarsky and the Architectural Association</a>" © Superstudio. Image Cortesía de Collection of the Alvin Boyarsky Archive
New-New York, 1969. This drawing was displayed as part of the exhibition "Drawing Ambience: Alvin Boyarsky and the Architectural Association" © Superstudio. Image Cortesía de Collection of the Alvin Boyarsky Archive

Na arquitetura, a atividade crítica sempre esteve relacionada ao conceito de utopia; no entanto, as utopias não são um modelo alternativo: elas levantam problemas não resolvidos (não "resolvem problemas", mas "procuram por eles"). Poderíamos dizer que o motivo original da utopia é a esperança. A utopia é a verdadeira preparação para projetar, já que o jogo é a preparação da vida. O ônus revolucionário da utopia, a esperança que está em sua base e a crítica que é sua conseqüência direta, devolve sua dignidade como uma atividade racional e ordenada.
- SUPERSTUDIO, The Continuous Monument: An Architectural Model for Total Urbanization, 1969.

Cristiano Toraldo di Francia continuou a sua carreira profissional a partir de 1980, quando se concentrou no estudo da linguagem da arquitetura toscana do século XVI e foi professor na Faculdade de Arquitetura e Design Eduardo Vittoria da Universidade de Camerino, até se aposentar.

Segundo divulgou a Universita 'degli Studi di Camerino, o reitor e toda a comunidade universitária se reuniram em torno dos familiares do Prof. Cristiano Toraldo di Francia para expressar suas mais profundas condolências, lembrando a competência, a preparação, a paixão pela pesquisa e pelo ensino que sempre distinguiram sua figura como professor universitário, juntamente com uma extraordinária humanidade e proximidade com os sonhos e aspirações dos estudantes, algo particular, único e insubstituível.

Conheça o trabalho de Cristiano Toraldo di Francia em seu website, aqui.

Sobre este autor
Cita: Arellano, Mónica. "Cristiano Toraldo di Francia, cofundador do Superstudio, morre aos 78 anos" [Fallece Cristiano Toraldo di Francia, cofundador de la oficina de arquitectura radical 'Superstudio'] 31 Jul 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/922122/cristiano-toraldo-di-francia-cofundador-do-superstudio-morre-aos-78-anos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.