Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Studio Gang dá início as obras de ampliação do Museu de História Natural de Nova Iorque

Studio Gang dá início as obras de ampliação do Museu de História Natural de Nova Iorque

No último dia 12 de junho foi realizada a cerimônia de inauguração das obras do projeto de ampliação do Museu Americano de História Natural da cidade de Nova Iorque. Chamado de Richard Gilder Center, o projeto leva a assinatura de Jeanne Gang, arquiteta sócia e diretora do Studio Gang de Nova Iorque. Criado a mais de sete anos, o projeto de mais de 380 milhões dólares, foi desenvolvido para conectar a série de edifícios que compõe o complexo do museu, proporcionando uma melhor acessibilidade aos visitantes.

Cortesia de Studio Gang Cortesia de Studio Gang Cortesia de Studio Gang Cortesia de Studio Gang + 12

Cortesia de Studio Gang
Cortesia de Studio Gang

O projeto de ampliação do Museu de História Natural inclui novas galerias, salas de aula e um teatro, além da expansão da estrutura existente da biblioteca. Os arquitetos e arquitetas do Studio Gang buscaram inspiração nas estruturas de cânions geológicos da era glacial, revelando uma estrutura cavernosa e orgânica construída em concreto armado. Falando a respeito da proposta a arquiteta responsável pelo projeto, Jeanne Gang, colocou: “nosso principal objetivo era facilitar a acessibilidade do museu e tornar seus espaços mais eficientes. A partir disso procuramos desenvolver um projeto de arquitetura que encorajasse as pessoas a explorar e descobrir os seus espaços e o seu conteúdo, algo tão emblemático para um museu de ciência e história natural. A partir do hall de acesso, a luz natural que preenche o espaço e sua estrutura cavernosa instigam a curiosidade dos visitantes, convidando-os a mergulhar em uma experiência intuitiva e científica ao mesmo tempo. Através deste projeto procuramos dar formas concretas à missão do Museu de História Natural de Nova Iorque.”

Cortesia de Studio Gang
Cortesia de Studio Gang
Cortesia de Studio Gang
Cortesia de Studio Gang

O Richard Gilder Center, com seus mais de vinte mil metros quadrados, está ancorado ao pré-existente Central Exhibition Hall, que receberá uma nova "grande escadaria central" com degraus e arquibancadas onde os visitantes poderão se sentar e relaxar antes e depois de visitar o complexo do museu. Este novo edifício contará ainda com uma série de passarelas e conexões diretas com os demais edifícios, assim como áreas inteiramente novas, como o Salão de Pedras Preciosas e Minerais, que será inaugurado já no outono de 2020. A presidente do Comitê de Preservação do Patrimônio Histórico de Nova Iorque, Sarah Carroll, disse que o novo projeto do Studio Gang “será a formalização literal e abstrata da missão do Museu, um articulador dos espaços e das arquiteturas dos antigos edifícios de um dos mais importantes museus da cidade de Nova Iorque”.

As obras do projeto de ampliação do Museu de História Natural estão previstas para serem concluídas daqui a três anos.

Via 6sqft

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este autor
Cita: Baldwin, Eric. "Studio Gang dá início as obras de ampliação do Museu de História Natural de Nova Iorque" [Studio Gang Breaks Ground on Museum of Natural History Expansion in New York] 20 Jun 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/919263/studio-gang-da-inicio-as-obras-de-ampliacao-do-museu-de-historia-natural-de-nova-iorque> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.