Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Snøhetta e Heatherwick Studio projetam "smart city" de madeira para o Sidewalk Labs

Snøhetta e Heatherwick Studio projetam "smart city" de madeira para o Sidewalk Labs

A Sidewalk Labs acaba de divulgar as últimas imagens para o projeto do bairro de Quayside em Toronto. Desenvolvido em conjunto pelos arquitetos do Snøhetta e Heatherwick Studio, o desenvolvimento deste novo modelo de cidade inteligente foi primeiramente anunciado no verão do ano passado. Desde então, a Sidewalk Labs tem trabalhado em direção de uma nova abordagem que deverá inspirar projetos futuros para as nossas cidades. A proposta desenvolvida para o Quayside foi concebida como um elemento urbano mediador, conectando o bairro moderno e a futura cidade inteligente, com o centro da cidade de Toronto. Acompanhando as últimas visualizações do projeto, o Sidewalk Labs lançou também novos documentos à respeito de como se dará o financiamento do projeto e seu posterior desenvolvimento.

Quayside. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio Quayside. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio Quayside. Imagem Cortesia de Snøhetta Quayside. Imagem Cortesia de Snøhetta + 7

Quayside. Imagem Cortesia de Snøhetta
Quayside. Imagem Cortesia de Snøhetta

A Sidewalk Labs, como parte de um subgrupo gerido pela Google, o Alphabet, divulgou recentemente um relatório de progresso do desenvolvimento do projeto, pouco antes de apresentar a versão preliminar final da proposta encabeçada pelo Snøhetta e Heatherwick Studio. Os responsáveis pelo projeto anunciaram também que pretendem construir uma nova fábrica de madeira em Ontário para poder atender às demandas que o novo projeto exigiria. O projeto apresentado visa "resgatar o potencial" da orla de Toronto, desbloqueando-a fisicamente e proporcionando novos postos de trabalho além de moradias, assim como uma ampla estimulação do crescimento econômico local. O projeto prevê a construção de doze torres de estrutura de madeira com 2.500 unidades residenciais no total, 1.000 das quais deveriam ser alugadas com subsidios do estado. A Michael Green Architecture foi responsável pelo desenvolvimento das estruturas de madeiras, enquanto que o Snøhetta e o Heatherwick Studio projetaram os espaços na escala da cidade, o zoneamento e as áreas comuns.

Quayside. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio
Quayside. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio
Quayside. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio
Quayside. Imagem Cortesia de Heatherwick Studio

Criando um novo bairro modelo e diversificado, o Quayside contará com edifícios de escritórios, áreas comerciais e residências. As novas imagens mostram arranha-céus modulares construídos em madeira. Estas estruturas seriam construídas segundo um mesmo projeto modular, podendo ser adaptado de distintas formas ao longo do novo bairro. "Os pavimentos inferiores destes edifícios abrigariam programas flexíveis além de permitir porosidade ao espaço urbano, aquilo que chamamos de Stoa, ou seja, acessível a todos", disse a equipe. O Stoa funcionaria como um espaço dinâmico que proporcionará vitalidade ao espaço urbano de Quayside.

O projeto para o porto de Toronto está atualmente sendo avaliado sob consulta pública para colher novas informações. Você pode acessar a apresentação completa do projeto aqui.

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este autor
Cita: Eric Baldwin. "Snøhetta e Heatherwick Studio projetam "smart city" de madeira para o Sidewalk Labs " [Snøhetta and Heatherwick Design a Timber City for Sidewalk Labs ] 01 Mar 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/912097/snohetta-e-heatherwick-studio-projetam-smart-city-de-madeira-para-o-sidewalk-labs> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.