O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Torre 270 Park Avenue projetada pelo SOM pode se tornar o edifício mais alto do mundo a ser demolido

Torre 270 Park Avenue projetada pelo SOM pode se tornar o edifício mais alto do mundo a ser demolido

  • 15:00 - 2 Março, 2018
  • por
  • Traduzido por Lis Moreira Cavalcante
Torre 270 Park Avenue projetada pelo SOM pode se tornar o edifício mais alto do mundo a ser demolido
© Flickr <a href='http://https://www.flickr.com/photos/16801915@N06/8191438808/'>usuário Reading Tom</a>. sob licença CC BY 2.0t
© Flickr usuário Reading Tom. sob licença CC BY 2.0t

Apenas alguns meses após as plantas serem apresentadas para uma grande transformação do AT & T Building na 550 Madison, de Philip Johnson, outro arranha-céu icônico do centro de Manhattan está em risco - e desta vez, pode ser que o edifício seja completamente demolido. 

Projetado por Natalie de Blois e Gordon Bunshaft, do escritório SOM, e concluído em 1961, o 270 Park Avenue (anteriormente conhecido como Union Carbide Building) é considerado um exemplo importantíssimo do Estilo Internacional na cidade de Nova Iorque, originado a partir do precedente estabelecido pelo Edifício Seagram, de Mies van der Rohe.

Mas depois que a nova legislação de zoneamento para o bairro foi aprovada no ano passado, o atual proprietário do prédio, JPMorgan Chase, anunciou planos para substituir o prédio de 215,50 metros de altura por um novo arranha-céu hi-tech. Se a ideia prevalecer, seria o maior e mais alto edifício do mundo a ser demolido intencionalmente.

via Google Satellite
via Google Satellite

O edifício, identificável por sua fachada de metal preto e prata, fica acima da ferrovia Metro-North e é notável pelo lobby do segundo andar e pela grande praça urbana. O edifício foi submetido a uma das maiores reformas de escritórios da história em 2012, quando alcançou a certificação LEED Platinum.

Mas Chase afirma que o edifício não é grande o suficiente para abrigar a empresa em crescimento, e que, nas condições atuais, 6.000 funcionários estão trabalhando num espaço pensado para apenas 3.500. O novo edifício alcançaria até 70 andares e proporcionaria uma adição de 93 mil metros quadrados de espaço, melhorando a eficiência da empresa e permitindo o crescimento futuro.

Apesar de bastante apreciado pela comunidade de arquitetura, o 270 Park foi não foi listado como uma edificação a ser tombada numa revisão do distrito que adicionou outros 12 prédios à lista.O bairro agora contém 50 edificações tombadas, incluindo o Edifício Seagram.

Se os planos avançarem, a demolição poderá começar já no próximo ano, com a conclusão prevista para 2023.

Via New York Times, Curbed, Nova York Yimby

Sobre este autor
Patrick Lynch
Autor
Cita: Lynch, Patrick. "Torre 270 Park Avenue projetada pelo SOM pode se tornar o edifício mais alto do mundo a ser demolido" [SOM's Iconic 270 Park Avenue At Risk of Becoming the Tallest Building Ever to Be Demolished] 02 Mar 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/889693/torre-270-park-avenue-projetada-pelo-som-pode-se-tornar-o-edificio-mais-alto-do-mundo-a-ser-demolido> ISSN 0719-8906