O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. OMA e FABRICations vencem concurso para transformar antigo complexo prisional em Amsterdã

OMA e FABRICations vencem concurso para transformar antigo complexo prisional em Amsterdã

OMA e FABRICations vencem concurso para transformar antigo complexo prisional em Amsterdã
OMA e FABRICations vencem concurso para transformar antigo complexo prisional em Amsterdã, Imagem por Robota, Cortesia de OMA
Imagem por Robota, Cortesia de OMA

A equipe de OMA e FABRICations, em colaboração com os arquitetos paisagistas do LOLA, foi selecionada como vencedora de um concurso para transformar um antigo complexo prisional em Amsterdã em um empreendimento de uso misto de 135 mil metros quadrados. Localizado no sudeste de Amsterdã, Bijlmerbajes era visto como um marco distante para a cidade desde a sua construção na década de 1970. Mas com expansões recentes, o terreno antes periférico mudou-se para o centro do novo empreendimento urbano, tornando a propriedade localização privilegiada para a reconstrução.

Imagem por Robota, Cortesia de OMA Imagem por Robota, Cortesia de OMA Imagem por Robota, Cortesia de OMA Cortesia de rijksvastgoedbedrijf + 13

Imagem por Robota, Cortesia de OMA
Imagem por Robota, Cortesia de OMA

O lote de 7,5 hectares será submetido a uma reorganização seguindo um desenho urbano que preserva a "característica insular" do complexo existente, mas conecta as estruturas renovadas e novas através de uma série de pontes para pedestres e ciclo. O "Bajes Kwartier", como será conhecido, foi concebido como um ambiente primordialmente livre de carros.

Imagem por Robota, Cortesia de OMA
Imagem por Robota, Cortesia de OMA
© OMA + FABRICations
© OMA + FABRICations
Cortesia de rijksvastgoedbedrijf
Cortesia de rijksvastgoedbedrijf

O desenvolvimento oferecerá aproximadamente 1.350 unidades residenciais, que vão de aluguel a condomínios de luxo, com 30 por cento designados como habitação a preços acessíveis. Cinco das seis torres da prisão serão demolidas e substituídas - o restante será preservado como uma "torre verde" contendo um parque vertical e lotes de agricultura urbana. O antigo edifício da prisão central também será mantido como um centro de design e artes. Outros espaços incluem um restaurante, um centro de saúde, uma escola, uma série de parques e um estacionamento subterrâneo.

Imagem por Robota, Cortesia de OMA
Imagem por Robota, Cortesia de OMA

Todos os edifícios do novo distrito são projetados para serem completamente neutros em termos de energia, utilizando altos níveis de isolamento e produzindo energia através de painéis solares, turbinas eólicas e um sistema de decomposição de resíduos orgânicos. Além disso, o plano exige a reutilização ou reciclagem de 98% do material de construção existente, manifestado em algumas soluções projetuais únicas.

"A reutilização de materiais de construção é uma parte fundamental dos planos de redesenvolvimento: os elementos prefabricados das paredes existentes devem ser reutilizados como revestimento para novos edifícios residenciais, barras de prisão serão usadas como balaustradas, e as portas das celas se tornarão painéis de borda para a novas pontes para pedestres ", explica OMA.

© OMA + FABRICations
© OMA + FABRICations
Uma imagem aérea do complexo, como é hoje. Imagem © Marco van Middelkoop / Aerophoto-Schiphol
Uma imagem aérea do complexo, como é hoje. Imagem © Marco van Middelkoop / Aerophoto-Schiphol

Para facilitar o projeto, o terreno será vendido pelo governo holandês  Rijksvastgoedbedrijf para uma equipe de empreendedores liderada pela AM Real Estate. A construção está prevista para começar no início de 2018.

Notícias via OMA, Rijksvastgoedbedrijf.

Cortesia de rijksvastgoedbedrijf
Cortesia de rijksvastgoedbedrijf
Cortesia de rijksvastgoedbedrijf
Cortesia de rijksvastgoedbedrijf

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Patrick Lynch
Autor
Cita: Lynch, Patrick. "OMA e FABRICations vencem concurso para transformar antigo complexo prisional em Amsterdã" [OMA and FABRICations Win Competition to Transform Former Prison Complex in Amsterdam] 17 Set 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/879745/oma-e-fabrications-vencem-concurso-para-transformar-antigo-complexo-prisional-em-amsterda> ISSN 0719-8906