O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Concreto preto: Como Attilio Panzeri cria contraste com uma receita especial

Concreto preto: Como Attilio Panzeri cria contraste com uma receita especial

Concreto preto: Como Attilio Panzeri cria contraste com uma receita especial
Concreto preto: Como Attilio Panzeri cria contraste com uma receita especial, Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti

O que torna a cor preta tão atraente para os arquitetos? Os projetos feitos em concreto preto são impressionantes e complexos e estão se tornando atraentes em projetos contemporâneos, públicos e privados. O que não sabemos é o quão difícil é criar concreto preto. Conversamos com Attilio Panzeri & Partners que dominou o ofício - e aqui está o que aprendemos:

Pigmentação do concreto. Image © Attilio Panzeri & Partners Pedestais para exposição. Image © Attilio Panzeri & Partners Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti Villa Comano Interior. Image © Alessandro Crinari + 40

Villa Comano . Image © Alessandro Crinari
Villa Comano . Image © Alessandro Crinari
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners

"A cor está profundamente ligada às propriedades de uma superfície; uma superfície áspera exalta a tonalidade, as suaves produzem um efeito inverso ", diz o arquiteto Attilio Panzeri, que desenvolveu silenciosamente seu trabalho de concreto preto há anos. Escondido em Lugano, na Suíça, a Attilio Panzeri & Partners tem um conjunto crescente de projetos construídos usando concreto preto como material chave. "Depois de anos brincando com a composição de misturas de concreto, seu tratamento e texturas, decidimos alterar um componente que, na aparência, permaneceu relativamente inalterado no uso generalizado do concreto; sua pigmentação".

Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti
Villa Comano Interior. Image © Alessandro Crinari
Villa Comano Interior. Image © Alessandro Crinari

A complexidade de alcançar um preto uniforme e rico em tons é real: o concreto em questão resulta depois de anos de experimentos e testes que colaboram com muitos especialistas em materiais, incluindo especialistas em concreto, engenheiros estruturais e químicos. A pigmentação final varia de projeto para projeto e todos os materiais da Panzeri são tratados com um acabamento de concreto exclusivo, usando fôrmas de madeira para criar uma textura natural.

Villa Comano Interior. Image © Alessandro Crinari
Villa Comano Interior. Image © Alessandro Crinari
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti

Ao contrário dos pigmentos de concreto pálido tradicionais, sua escuridão não convencional torna-se a tela a partir da qual criar contrastes com outras superfícies. O preto é a ausência de cor; uma tela para adicionar cor. Uma adição também de superfícies, materiais ou texturas em um pano de fundo que já é acolhedor e íntimo na mitigação da luz - Attilio Panzeri.

© Alessandro Crinari
© Alessandro Crinari
© Alessandro Crinari
© Alessandro Crinari
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti

O processo é dividido em quatro partes: pigmentação, vibração do concreto, derramar o concreto usando fôrmas de madeira e o acabamento da superfície. Leia mais a seguir:

Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti
Casa Via Castel. Image © Giorgio Marafioti

Natural x Químico = Preto

Antes que os testes nas paredes sejam feitos, obter a cor certa é fundamental. Cada pigmento é exclusivo para todos os edifícios do Attilio Panzeri, com uma mistura personalizada de preto feito a partir do zero toda vez. Os testes de pigmentação são conduzidos para determinar as proporções de compostos químicos adequados dos ingredientes utilizados para dar ao concreto a sua característica escura. A variedade de compostos necessários para escurecer as amostras de concreto é realizada em laboratório: metais oxidados, incluindo óxido de ferro preto e óxido de carbono combinados com cimento pozolânico (um material vulcânico extraído de Pozzuoli, na Itália, desde a antiguidade, conhecido por sua resistência a aplicações químicas e escuridão).

Pigmentação do concreto. Image © Attilio Panzeri & Partners
Pigmentação do concreto. Image © Attilio Panzeri & Partners

Vibrado, não mexido

A vibração do concreto permite que seus componentes se liberem, reduzindo o atrito entre componentes de agregados, água, cimento e pigmentos, eliminando as bolhas de ar. Em suma: é estruturalmente importante que o concreto seja distribuído uniformemente quando for lançado, e permite aos arquitetos brincar com o "grão" do concreto preto antes de transportar as cargas de paredes e pisos. Ao não vibrar o concreto, torna-se quebradiço e se instala de forma desigual, arriscando falhas estruturais. O agregado se instala de forma desigual e se torna visualmente presente - como estes testes abaixo:

Pedestais para exposição. Image © Attilio Panzeri & Partners
Pedestais para exposição. Image © Attilio Panzeri & Partners
Concreto não vibrado. Image © Alessandro Crinari
Concreto não vibrado. Image © Alessandro Crinari
Concreto não vibrado. Image © Alessandro Crinari
Concreto não vibrado. Image © Alessandro Crinari

Fôrmas de madeira

A fôrma em que o concreto é moldado é "o rosto do acabamento" - o relevo que permanece. Neste caso, a madeira é usada para criar uma textura mais natural que neutraliza a artificialidade da mistura de concreto. É importante considerar o tamanho da fibra, o tipo, o acabamento, o formato, a orientação, o tratamento da própria madeira e até mesmo o seu revestimento (que interagem com o concreto em repouso). Estes não só definem a textura superficial do concreto, mas também sua coloração final, opacidade, reflexividade e tom - apesar de a mistura já estar pigmentada de preto. A luz que cai na superfície das paredes fica dispersa através da textura que o relevo da madeira traz - trazendo aquela atmosfera acolhedora e íntima.

© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners

A qualidade refinada da superfície do concreto nos permite tratar o volume dos projetos como um sólido para escavar, pelo que as qualidades de sua superfície permanecem igualmente apropriadas para o exterior e o interior - Attilio Panzeri.

Acabamentos

Depois que a fôrma é removida, muitas fibras da madeira permanecem presos ao concreto fundido. O resíduo restante é quase inteiramente removido à mão com esponjas especiais que destroem todos os fragmentos de madeira sem danificar a superfície do concreto. Um tratamento de impermeabilização é adicionado para tornar o concreto impermeável e proteger sua estrutura. Os tratamentos de água podem ser transparentes ou tonais, adicionando uma camada final de profundidade à superfície de concreto preto e um grau final de complexidade para a artesania dos materiais.

© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners
© Attilio Panzeri & Partners

Quando emparelhados com diferentes materiais de famílias de cores semelhantes, os resultados são impressionantes:

© Alessandro Crinari
© Alessandro Crinari

O verdadeiro poder do material é culminado quando complementado com outros materiais, destacando momentos de contrastes dramáticos ou sutis acompanhado suavemente de iluminação. Ou seja, pedras, madeiras e outros materiais refinados.

© Alessandro Crinari
© Alessandro Crinari
Villa Comano . Image © Alessandro Crinari
Villa Comano . Image © Alessandro Crinari

Projetos representados:
Villa Comano (2013)
Nag Arnoldi Exhibition (2014)
Collina D’Oro Villa (2017)
San Fermo Church Renovation & Interior (2017)
Casarico Apartment Complex (120 apartmentos – em construção)

Notícia via: Attilio Panzeri & Partners.

Villa Comano / Attilio Panzeri & Partners

33 From the architect. We we're called upon to project this villa which rises out of an enchanting little corner, on the hills that pose as the crown of Lugano, a Swiss-Italian city which boasts a breathtaking view stretching from the Lugano Lake itself, to the mountains of high Capriasca.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Sabrina Syed
Autor
Cita: Syed, Sabrina . "Concreto preto: Como Attilio Panzeri cria contraste com uma receita especial" 05 Set 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/879095/concreto-preto-como-attilio-panzeri-cria-contraste-com-uma-receita-especial> ISSN 0719-8906