O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. 13 mudanças no seu espaço de trabalho que podem melhorar sua produtividade (e sua vida)

13 mudanças no seu espaço de trabalho que podem melhorar sua produtividade (e sua vida)

13 mudanças no seu espaço de trabalho que podem melhorar sua produtividade (e sua vida)
13 mudanças no seu espaço de trabalho que podem melhorar sua produtividade (e sua vida), Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. <a href='http://www.archdaily.com/796178/42-sketches-drawings-and-diagrams-of-desks-and-architecture-workspaces'>here</a>. Imagem © Anne Ma
Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. here. Imagem © Anne Ma

Não há dúvidas de que arquitetos passam muito tempo na prancheta, seja virtual ou tridimensional. De fato, apesar dessa característica não ser exclusiva aos arquitetos, a média de tempo que uma pessoa passa sentada por dia é de 7,7 horas, porém, nos EUA este tempo chega a 13 horas. Claro que este tempo inclui os momentos de deslocamento em transporte público, no sofá assistindo televisão, e uma ampla gala de atividades realizadas na posição sentada, no entanto, parte considerável desse tempo é gasto trabalhando em frente a um computador.

Como podemos melhorar a qualidade desse tempo de modo que ele seja bem gasto e também minimizado? Para passar um tempo mais eficiente, produtivo -- e sobretudo mais agradável -- mostramos a seguir 13 dicas para melhorar seu espaço de trabalho físico e digital.

1. Assento Correto

O mais importante de se lembrar sobre as cadeiras é que elas são diferentes para cada pessoa. Em outras palavras, a menos que você possa conseguir uma cadeira especialmente desenhada para seu corpo, investir na mais ajustável que possa encontrar é a melhor opção. Visto que os arquitetos passam muito tempo em frente ao computador, há alguns detalhes que devem ser levados em conta: em primeiro lugar, considerar razoavelmente amplos encostos para os braços de altura regulável que proporcionarão aos membros superiores um apoio mais que suficiente ao longo de um dia escrevendo e clicando. [1]

Outro fator essencial é ser capaz de variar a altura do assento para que lhe permita alinhar os olhos com sua tela; idealmente, a tela deve estar 5-8 centímetros acima do nível dos olhos para evitar dobrar a coluna para frente. [2] Além disso, para evitar a corcunda, tenha um encosto móvel na direção verticalbe na horizontal. E lembre de usá-lo! Não fique sentado na borda do seu assento. 

Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. <a href='http://www.archdaily.com/796178/42-sketches-drawings-and-diagrams-of-desks-and-architecture-workspaces'>here</a>. Imagem © Anne Ma
Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. here. Imagem © Anne Ma

2. Reduzir o cansaço dos olhos

Quando se trabalha tarde, a forte luminosidade de uma tela pode estragar seriamente seu ciclo circadiano, tornando o dia seguinte ainda mais difícil. Isto deve-se certamente à duas causas principais: o brilho da tela e sua temperatura de cor. Sua tela deve estar tão brilhante como o resto do seu entorno, se neste momento ela está sendo percebida como uma fonte de luz, diminua o brilho. Se, pelo contrário, está um pouco apagada, pode ser que você tenha que aumentá-lo; Isto é algo que a maioria das pessoas percebe e ajusta por instinto; a temperatura da cor de uma tela, entretanto, passa mais desapercebida. 

As extensões de ondas azuis estão geralmente associadas a fatiga visual, enquanto as cores de ondas mais longas como o alaranjado e o vermelho são mais agradáveis para o uso a longo prazo. [3] A tela do computador emite uma grande quantidade de ondas azuis, que podem estar bem durante o dia, mas durante a noite podem ser bastante cansativas (e ainda lhe impedem de conciliar o sono). Procure fazer o download do f.lux, um aplicativo que ajusta automaticamente a temperatura da tela em função do seu ritmo pessoal diário. Lembre-se somente que as cores podem variar quando o equipamento está sob o f.lux, por isso, se estiver trabalhando com cor nos seus desenhos, é possível que deseje levar isto em consideração.

3. Teclado Cômodo

Se você está usando um computador portátil em vez de um fixo, tente fazer um suporte para ele; isto fará com que o alinhamento da tela no nível dos olhos seja menos incômoda. Entretanto, contrariamente a crença popular, um suporte que incline o teclado para longe de você é muito melhor do que um que se incline para perto de você. Uma inclinação para frente exerce uma tensão desnecessária nos pulsos, já que eles devem se manter firmes e erguidos. [2] Colocar o teclado distante dos seus braços e centrado na frente, melhorará ainda mais a situação. Se você ainda não fez isso, procure um teclado e um mouse externo. Eles agregarão mais flexibilidade e comodidade ao seu espaço de trabalho.

4. Iluminação Cálida

Infelizmente, os espaços de trabalho em todo mundo parecem utilizar a iluminação florescente que, frequentemente é muito brilhante, e se sente muito mais fria. A iluminação ambiente baixa e indireta é, por sua vez, mais acolhedora e muito melhor para os olhos. Uma vez mais, como a temperatura da tela do computador, a cálida luz 'amarela' tende a ser melhor que a luz 'branca'. Se esta luz é artificial ou natural não faz muita diferença, mas inclusive a luz do sol pode ser muito forte em certas situações. A adição de uma cortina para difundir a luz pode ser uma boa ideia se você está sentado perto de uma janela. Ajustar seu escritório de modo que você fique perto de uma janela, em vez de estar em frente a uma, também ajudará a reduzir a intensidade de luz e o reflexo na tela. [3]

Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. <a href='http://www.archdaily.com/796178/42-sketches-drawings-and-diagrams-of-desks-and-architecture-workspaces'>here</a>. Imagem © Anne Ma
Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. here. Imagem © Anne Ma

5. Feng Shui

Estamos, sobretudo, debatendo os temas do escritório em geral, mas o que acontece com a própria mesa de trabalho? Como encaixa no seu contexto? Frequentemente, a estação é previamente designada, mas se você tem a sorte de poder escolher, aqui existem algumas coisas a se considerar. Como pessoas criativas, é necessário para os arquitetos ter chuvas de ideias e revisar projetos com outros. Sentar-se ao lado ou em frente de alguém que você possa discutir criticamente é crucial para exprimir o máximo rendimento de um conceito.

Lugares de trabalho, geralmente, também contém espaços mais ativos (como uma entrada ou um corredor), assim como cantos mais tranquilos. Como regra geral, os espaços tranquilos permitem uma maior concentração e produtividade, entretanto, se está em um espaço mais animado, aproveite a oportunidade para observar as pessoas que estão a sua volta; como arquitetos, prestar atenção na forma como as pessoas interagem com seu entorno é uma ferramenta muito valiosa. Se o ruído começa a incomodar muito, conecte seus fones de ouvido para abafar a conversa. Quando for necessário concentrar-se, o melhor é escutar musica instrumental, já que a falta de vozes humanas reduzirá a distração. Alternativamente, você pode utilizar geradores de ruídos brancos para evitar por completo o som que distrai; sites como Noisli inclusive permitem criar um ruído branco personalizado, com um número de diferentes sons que podem se misturar segundo sua vontade.

6. Lanches Saudáveis

Os lanches podem ser a forma mais atrativa de postergar as coisas quando se tem que fazer algum trabalho importante. Entretanto, se foram feitos da forma correta, podem ser a chave para manter sua criatividade e felicidade. [4] Ter uma caixa de mantimentos bem provida de alimentos saudáveis como amêndoas ou frutas na estação de trabalho fará com que seja mais fácil evitar o desejo de levantar e passear em busca de um lanche saudável. Por outro lado, é provável que você tenha várias 'refeições' pequenas ao longo do dia, em vez das três grandes refeições padrões de consumo. Isto ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue estáveis e não causar altos e baixos de açúcar que conduzem a mudanças de humor inesperadas e fatiga repentina.

7. Desordem criativa

Estudos têm demostrado que os espaços desordenados fomentam a criatividade, o contrário das visões interiores nórdicas minimalistas de muitos estúdios de arquitetura na atualidade. [5] E antes de que você pense em 'produtividade', o tema foi abordado: os participantes de um desafio criativo produziram o mesmo número de soluções em um espaço organizado e um espaço desorganizado, exceto que as ideias geradas em um espaço desordenado pareceram 28% mais criativas (e sim, aparentemente se pode mensurar a criatividade de forma confiável). Sem dizer mais, existem exceções a regra, mas em caso de dúvida, não tenha medo de fazer um desastre. 

8. Arquivos organizados

Apesar do respaldo científico da desordem, ainda existem certas coisas que é melhor manter sob estrita organização, mais especificamente, todos os arquivos do escritório e o HD. Se eles não estão corretamente identificados, a procura por arquivos e pastas no seu computador pode se tornar bastante difícil, para não dizer mais. Esforçando-se para dar ao seu arquivo um título adequado, incluindo qualquer data ou especificação importante, é possível economizar enormes quantidades de tempo quando estes arquivos ressurgirem no futuro. Ter uma cópia de segurança em uma unidade de armazenamento ou em uma nuvem externa é outro bom investimento que economizará muita angústia caso o equipamento pare de funcionar. 

9. Estantes vs. caixas 

O espaço de armazenamento não se limita ao escritório virtual, catalogamos e armazenamos muitos objetos e arquivos no nosso espaço físico, com maior frequência em estantes ou caixas. Apesar de ambos terem suas vantagens, as estantes abertas estão mais alinhadas com a nossa profissão visual, já que tudo pode ser visto e localizado facilmente. Isto também segue a teoria de que a desordem provoca a criatividade; ter uma grande quantidade de estímulos visuais pode evocar a inspiração vinda dos lugares mais inesperados. 

Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. <a href='http://www.archdaily.com/796178/42-sketches-drawings-and-diagrams-of-desks-and-architecture-workspaces'>here</a>. Imagem © Anne Ma
Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. here. Imagem © Anne Ma

10. Interação entre o virtual e físico

Como arquitetos, uma compreensão da relação entre os materiais virtuais e físicos é imprescindível. Por tanto, ter algo tão simples como um quadro onde os desenhos digitais e visualizações possam serem expostas e revisadas à mão pode fazer muita diferença. Ferramentas mais futuristas como um set de escrita inteligente fazem a transição entre o virtual e o físico ainda mais fluida. O importante é não deixar uma ideia em uma só forma, mas também estabelecer um sistema de transferência efetiva entre materiais.

11. Telas duplas

Ter duas telas pode ser uma grande vantagem se você não possui uma tela grande, mostrando por exemplo um desenho digital em uma tela e as especificações na outra. A desvantagem disso é que se consegue rapidamente uma distração; ter essa segunda tela será uma luta constante por sua atenção, guiando-a para longe da visualização na qual realmente deveria estar focado.[6] Uma alternativa poderia ser ter uma tela grande para seu computador portátil, acompanhada de um tablet menor utilizado em situações de emergência ou quando realmente não deseja estar constantemente mudando entre janelas. O benefício do tablet é que ele pode ser guardado quando você terminar a tarefa, reduzindo a probabilidade de distrações.

12. Notificações controladas

As notificações podem ser geniais quando são relevantes e frustantes quando não o são. Filtrar as notificações entre 'necessárias', 'simpáticas' e 'inúteis' ajudará a manter sua concentração no que está fazendo, mas ainda assim manter-se informado sobre o que é importante. Alterar quais notificações alertam com uma vibração ou um aviso emergente silencioso (ou nada em absoluto) pode ser feito facilmente através da configuração das notificações. 

Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. <a href='http://www.archdaily.com/796178/42-sketches-drawings-and-diagrams-of-desks-and-architecture-workspaces'>here</a>. Imagem © Anne Ma
Imagem submetida ao concurso "Desenhe seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui. here. Imagem © Anne Ma

13. Sincronizar o calendário

Estabelecer um sistema de calendário que funciona em todos os seus dispositivos, através de todas suas atividades e compromissos. Minimizar seu calendário a uma plataforma, em primeiro lugar, economiza muito tempo já que tudo está em somente um lugar, e em segundo, evita a preocupação em relação a sua memória. [7] Adquirir o hábito de colocar todos os eventos e as datas de entrega em um sistema reduzirá significativamente as possibilidades de esquecer algo, dirigindo toda sua energia ao trabalho.

Agora, desfrute do seu novo e melhorado espaço criativo.

As imagens utilizadas neste artigo foram apresentadas em nosso desafio ao leitor "Desenho seu Espaço de Trabalho". Para ver todos os 42 desenhos enviados, confira o artigo completo aqui.

Referências:

  1. Desconhecido. “Ergonomic Chair.” Site governamental. Canadian Centre for Occupational Health and Safety. N.p., 5 Mar. 2014. Web. 27 Set. 2016.
  2. Saltsman, Peter. “Everything You Know about Sitting Ergonomically Is Wrong.” Gear Patrol. N.p., 6 Mai 2015. Web. 27 Set. 2016.
  3. Heiting, Gary, e Larry K. Wan. “Computer Eye Strain: 10 Steps For Relief.” All About Vision. N.p., 22 Set. 2016. Web. 27 Set. 2016.
  4. Friedman, Ron. “What You Eat Affects Your Productivity.” Harvard Business Review. N.p., 17 Out. 2014. Web. 27 Set. 2016.
  5. Vohs, Kathleen D. “It’s Not ‘Mess’. It’s Creativity.” News. The New York Times. N.p., 13 Set. 2013. Web. 27 Set. 2016.
  6. Manjoo, Farhad. “Discovering Two Screens Aren’t Better Than One.” News. The New York Times. N.p., 19 Mar. 2014. Web. 27 Set. 2016.
  7. Habit Memory - Humans Clearly Can Acquire and Retain Knowledge through Repetition.” News Medical Life Sciences. N.p., 27 Julho 2005. Web. 27 Set. 2016.

Sobre este autor
Ariana Zilliacus
Autor
Cita: Zilliacus, Ariana. "13 mudanças no seu espaço de trabalho que podem melhorar sua produtividade (e sua vida)" [13 Changes to Your Work Space That Could Improve Your Productivity (And Your Life) ] 16 Nov 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/798775/13-mudancas-no-seu-espaco-de-trabalho-que-podem-melhorar-sua-produtividade-e-sua-vida> ISSN 0719-8906