O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?

Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?

  • 07:00 - 11 Julho, 2015
  • por
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?
Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?, Proposta como a 'Hydrogenase' de Vincent Callebaut sempre foram ficção científica, mas com a tecnologia MFA da Arx Pax, é hora de pensar mais cuidadosamente sobre como projetar edifícios flutuantes?. Imagem Cortesia de Vincent Callebaut Architectures
Proposta como a 'Hydrogenase' de Vincent Callebaut sempre foram ficção científica, mas com a tecnologia MFA da Arx Pax, é hora de pensar mais cuidadosamente sobre como projetar edifícios flutuantes?. Imagem Cortesia de Vincent Callebaut Architectures

Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?

Se a Arx Pax, uma empresa de tecnologia de ponta liderada por Greg e Jill Henderson, consegue fazer objetos flutuarem, estes poderiam se tornar algo cada vez mais comum. A equipe está desenvolvendo o que eles chamam de Magnetic Field Architecture (MFA), uma tecnologia que controla a energia eletromagnética para fazer objetos pairarem no ar, e há alguns meses eles a utilizaram para produzir a Hendo Hover, uma prancha capaz de transportar uma pessoa. Embora o fato da Arx Pax ser capaz de produzir uma prancha seja fascinante, a tecnologia poderia ter aplicações muito mais sérias: como o arquiteto Greg Henderson prevê, um dia a tecnologia MFA poderá ser usada em edifícios para produzir estruturas sustentáveis que possam resistir melhor a terremotos e outros desastres naturais. Seria esta uma meta realista?

Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?, Proposta como a 'Hydrogenase' de Vincent Callebaut sempre foram ficção científica, mas com a tecnologia MFA da Arx Pax, é hora de pensar mais cuidadosamente sobre como projetar edifícios flutuantes?. Imagem Cortesia de Vincent Callebaut Architectures
Proposta como a 'Hydrogenase' de Vincent Callebaut sempre foram ficção científica, mas com a tecnologia MFA da Arx Pax, é hora de pensar mais cuidadosamente sobre como projetar edifícios flutuantes?. Imagem Cortesia de Vincent Callebaut Architectures

O sistema MFA baseia-se na Lei de Lenz para produzir a levitação. Como Henderson explicou para Line//Shape//Space, "a Lei de Lenz afirma que, se você mover um campo magnético em relação a um condutor, você gera uma corrente nesse condutor." Assim, quando os motores da Arx Pax são colocados acima de uma superfície condutora como o cobre, os campos magnéticos dos motores produzem um campo magnético correspondente na superfície, fazendo-lhes levitar. [1]

Na primeira versão comercializada do sistema MFA da Arx Pax, o motor pode operar durante cerca de sete minutos e transportar cerca de 20 quilos. [2] Embora o sistema funcione atualmente por pouco tempo, a Arx Pax está trabalhando para melhorar e ampliar sua tecnologia; no ano passado ela produziu um vídeo mostrando o skatista americano Tony Hawk flutuando sobre uma placa com dois motores, em vez dos quatro motores usados na placa original:

Embora a ideia de fazer prédios inteiros flutuarem possa parecer estranha, as aspirações de Henderson colocam seu trabalho em uma longa linhagem de desenvolvimentos tecnológicos que mudaram fundamentalmente o projeto arquitetônico, imbuindo sistemas estruturais com valores sustentáveis. O potencial da invenção em provocar mudanças radicais coloca o trabalho de Arx Pax em um diálogo com inovações arquitetônicas importantes, como, por exemplo, as estruturas espaciais de Buckminster Fuller, que permitiram a rápida construção de abrigos leves e resistentes e conferiram aos arquitetos a capacidade de projetar grandes formas, e a viga em 'I', que não apenas permitiu a realização de edifícios mais altos e maiores, mas também edificações mais resistentes que necessitam de menos recursos materiais e têm custos mais baixos.

Henderson imagina uma ampla variedade de aplicações para a sua tecnologia dentro e fora da arquitetura, o que poderia incentivar os arquitetos a considerarem não só a forma de projetar edifícios flutuantes, mas também a evolução dos programas arquitetônicos. Para ele, os processos das indústrias transformadoras poderiam se tornar mais precisos, tarefas que requerem limpeza poderiam se tornar mais sanitárias e trabalhos perigosos poderiam se tornar mais seguros. A tecnologia MFA também elimina o atrito, o que poderia levar a novos níveis de eficiência no transporte.

© Hendo via Kickstarter
© Hendo via Kickstarter

A Arx Pax tem falado pouco sobre as potenciais implicações da sua pesquisa para formas arquitetônicas, mas a enorme importância de criar um sistema que faria um edifício levitar faz parecer provável que a tecnologia da Arx Pax vai incentivar os designers a atender e incorporar novas habilidades estruturais em seus prédios. Os arquitetos do passado, estabeleceram um precedente para a produção de empreendimentos formais através de novas tecnologias sustentáveis, como as cúpulas geodésicas de Buckminster Fuller e estruturas de concreto armado de Pier Luigi Nervi demonstram. No entanto, apesar da ambição global do seu projeto, a Arx Pax considera sua tecnologia relativamente modesta em relação à forma de construção. De acordo com o The Guardian, "Henderson diz que a empresa não estará levitando arranha-céus em um futuro imediato, mas sugere aplicações de menor porte como a capacidade de virar uma chave para levitar computadores ou mesmo adegas."

Arx Pax também é conservadora sobre o calendário de desenvolvimento da tecnologia MFA; com os primeiros onze levitadores programados a serem apresentados no dia 21 de outubro de 2015, o dia em que os edifícios levitarão poderá ser em vários anos ou mesmo décadas. A modéstia da Arx Pax é provavelmente devida ao reconhecimento da enorme capacidade de sua invenção para criar um mundo mais sustentável e gerar entusiasmo público. Quando a tecnologia MFA se desenvolver, os arquitetos ganharão a capacidade de fazer seus edifícios de forma mais segura e sustentável -, mas sua capacidade de reconhecer o poder da nova tecnologia e explorá-la ainda mais, certamente irá determinar se as aspirações da Arx Pax poderão se tornar realidade ou não.

Referências: 

  1. Ken Micallef, “How Arx Pax’s Magnetic Field Architecture Can Levitate Hoverboards… and Buildings,” Line//Shape//Space, 1 de Junho, 2015, acessado em 23 de Junho, 2015.
  2. Aaron Tilley, “Architect’s Dream of Levitating Houses Turns Into A Hoverboard,” Forbes, 21 de Outubro de 2014, acessado em 23 de Junho, 2015.
  3. Stuart Dredge, “Hendo hoverboard: Where we’re going we don’t need roads…,” The Guardian, 6 de Março de 2015, acessado em 24 de Junho, 2015.

Sobre este autor
Patrick Kunkel
Autor
Cita: Kunkel, Patrick. "Edifícios flutuantes poderiam ser o futuro da sustentabilidade?" [Could Hovering Buildings be the Future of Sustainability?] 11 Jul 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/769690/edificios-flutuantes-poderao-ser-o-futuro-da-sustentabilidade> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.