O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. De Minecraft a Assassin’s Creed: a arquitetura virtual de seis jogos de videogame

De Minecraft a Assassin’s Creed: a arquitetura virtual de seis jogos de videogame

De Minecraft a Assassin’s Creed: a arquitetura virtual de seis jogos de videogame

Com a habilidade de manipular todas as interações que os jogadores podem ter em um jogo, os designers de videogames tem a oportunidade de moldar o modo como estes experienciam o espaço. Assim, estes profissionais frequentemente se voltam para a arquitetura para melhorar a jogabilidade e buscar inspiração para os ambientes construídos de seus mundos virtuais.

No vídeo acima, Jamin Warren, do canal de Youtube PBS Game/Show, considera Halo o "jogo arquitetônico mais criativo", destacando que sua arquitetura inspirada no brutalismo exerce uma forte influência no modo como os jogadores se movem pelos diferentes níveis e torna as batalhas mais imersivas. Warren nota que muitos membros da equipe de desenvolvimento de Halo tem formação em arquitetura; essa observação sugere que a indústria dos videogames enxerga o projeto arquitetônico como um elemento essencial em seus projetos criativos.

Warren faz um interessante apontamento sobre Halo: já que as pessoas que habitam edifícios virtuais não podem experienciá-los fisicamente, os edifícios nos videogames tem o potencial de serem incrivelmente inovadores e interessantes. Que outros videogames apresentam abordagens arquitetônicas? Veja, a seguir, nossa lista dos seis videogames mais "arquitetônicos".

via halowaypoint.com Screenshot de Assassin's Creed: Unity. Imagem © Flickr CC user Zehta Arquitetura de SimCity "Cities of Tomorrow". Imagem © simcity.com Cidade de Rapture em Bioshock. Imagem via bioshock.wikia.com + 7

Arquitetura de Minecraft. Imagem © Flickr CC user wcm1111
Arquitetura de Minecraft. Imagem © Flickr CC user wcm1111

1. Minecraft

Warren comenta brevemente sobre Mincraft em seu vídeo; com este jogo, os participantes podem projetar e construir seus próprios mundos. Trabalhando com grande blocos, os jogadores podem criar maravilhas arquitetônicas e, ao mesmo tempo, enfrentar os perigos que o jogo coloca.

Cidade de Rapture em Bioshock. Imagem via bioshock.wikia.com
Cidade de Rapture em Bioshock. Imagem via bioshock.wikia.com

2. BioShock

BioShock é uma série de jogos de tiro em primeira pessoa que acontece em sociedades ideias; o jogo incentiva os jogadores a pensar estrategicamente sobre seu ambiente para derrotar os inimigos. A arquitetura mostrada nos jogos é consistentemente estranha e futurista, e conduz a narrativa ao passo que os jogadores reagem a ambientes e cenários cada vez mais bizarros.

Screenshot de Assassin's Creed: Unity. Imagem © Flickr CC user Zehta
Screenshot de Assassin's Creed: Unity. Imagem © Flickr CC user Zehta

3. Assassin’s Creed

Procurar inimigos é apenas uma pequena parte dessa série - os jogadores percorrem cidades labirínticas e exploram edifícios de diversas épocas. Assassin’s Creed também incentiva os jogadores a reconsiderarem ideias convencionais sobre como as pessoas se movem nos edifícios: os participantes frequentemente têm que escalar edifícios para escapar de perseguições ou encontrar esconderijos para espiar outros personagens.

Cidade em Mirror's edge. Imagem via mirrorsedge.com
Cidade em Mirror's edge. Imagem via mirrorsedge.com

4. Mirror's Edge

Mirror's Edge tem uma abordagem diferente de Assassin's Creed; em vez de assassinos furtivos, os jogadores de Mirror's Edge atuam como mensageiros que levam correspondências e mensagens aos rebeldes, mas o modo como os personagens interagem com seu entorno é surpreendentemente similar.

Screenshot de Borderlands 2. Imagem via hdw.eweb4.com
Screenshot de Borderlands 2. Imagem via hdw.eweb4.com

5. Borderlands

Borderlands acontece em um planeta fictício no qual os jogadores tentam encontrar e abrir uma estrutura alienígena chamada de "cofre". A arquitetura que envolve essa exótica missão tem uma linguagem futurista e pós-apocalíptica que sugere edifícios construídos por uma cultura isolada.

Arquitetura de SimCity "Cities of Tomorrow". Imagem © simcity.com
Arquitetura de SimCity "Cities of Tomorrow". Imagem © simcity.com

6. SimCity e Cities: Skylines

Obviamente não nos esqueceríamos do primeiro jogo de construção de cidades, SimCity, que permite que os jogadores controlem o desenvolvimento de sua própria urbe. Recentemente, no entanto, um candidato à coroa de melhor jogo de construção de cidades foi lançado: Cities: Skylines - que é tão interessante que publicamos um artigo (em inglês) sobre o que este jogo nos ensina a respeito do urbanismo hoje.

Esquecemos de algum jogo? Deixe suas sugestões na seção de comentários a seguir.

Sobre este autor
Patrick Kunkel
Autor
Cita: Kunkel, Patrick. "De Minecraft a Assassin’s Creed: a arquitetura virtual de seis jogos de videogame" [Which Video Games Have the Best Architecture?] 02 Jul 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/769409/qual-video-game-tem-a-melhor-arquitetura> ISSN 0719-8906
Ler comentários