O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Plano Diretor
  4. Brasil
  5. Joaquim Guedes
  6. 1976
  7. Clássicos da Arquitetura: Caraíba / Joaquim Guedes

Clássicos da Arquitetura: Caraíba / Joaquim Guedes

Clássicos da Arquitetura: Caraíba / Joaquim Guedes
Clássicos da Arquitetura: Caraíba / Joaquim Guedes, via MDC
via MDC

© Acervo Joaquim Guedes © Acervo Joaquim Guedes © Acervo Joaquim Guedes © Acervo Joaquim Guedes + 43

Por Rogério Quintanilha

A cidade está organizada a partir de um sistema de seis pequenas praças setoriais localizadas junto a pré-escolas ou parques infantis, e seis praças centrais distribuídas em uma malha ortogonal que define quadras retangulares de duzentos e setenta e seis metros por sessenta metros.

© Acervo Joaquim Guedes
© Acervo Joaquim Guedes

As ruas sofrem um pequeno desvio de quinze graus anti-horários em relação ao norte a fim de melhor aproveitar os ventos de leste e sudeste. A única via curva, a nordeste, define um dos limites do clube.

via MDC
via MDC

No centro da cidade estão apartamentos e alojamentos, quartos com banheiro compartilhado, em edifícios horizontais de até quatro pavimentos. O pavimento térreo é recuado em relação às fachadas, dando lugar a um passeio sombreado delimitado por uma fileira de pilares cilíndricos. As seis quadras centrais, dispostas em duas fileiras, têm sua largura ampliada em uma vez e meia, criando uma avenida central Leste-Oeste que divide a malha original ao meio.

Edifícios centrais. via MDC
Edifícios centrais. via MDC
© Acervo Joaquim Guedes
© Acervo Joaquim Guedes

As casas foram distribuídas conforme cinco faixas de renda, de N1, a mais alta, a N5, a mais baixa. Embora haja alguma concentração de casas dos tipos N1 e N2 a Sudeste, no restante da cidade todas as quadras contêm casas de diferentes níveis. As casas configuram fachadas contínuas, com portas e janelas diretamente sobre a calçada, pátio interno, e coberta em telhas cerâmicas sobre laje maciça de concreto, e platibanda frontal.

Praça setorial. via MDC
Praça setorial. via MDC
© Acervo Joaquim Guedes
© Acervo Joaquim Guedes

No desenho das quadras, há avanços e recuos nas calçadas, que criam pequenos jardins e locais de estar em frente às casas. Existem também pequenas vielas para pedestres no sentido Norte-Sul.

Cortesia de Rogério Quintanilha
Cortesia de Rogério Quintanilha

"De apoio a mineração de cobre, reserva limitada a exploração por 20 anos. Concurso. Recebemos apenas o mapa da planície chapada e infraestrutura industrial sem curva de nível com uma relação de espaços classificados por renda e função. Os estudos para caracterização dos fundamentos sociais e econômicos duraram 1 ano durante o qual a cidade foi sendo imaginada e conceituada, localização, critérios construtivos, infraestrutura, clima, habitação, níveis de oferta de serviço e forma. Sugerimos malha compacta, para mínimo deslocamento na região semi-árida, com centro denso para solteiros não confinados e dispersos e 20% das famílias. O sistema urbano constituído por agregação modular livre-monitorada, sobre uma trama-conceito básica, com reserva de área para população não empregada, de livre acesso, dimensionada em 10% da população total." —Joaquim Guedes

* Hoje, Caraíba chama-se oficialmente Núcleo Residencial Pilar, um distrito do Município de Jaguarari-BA.

Referência:
Joaquim Guedes, "Monumentalidade X cotidiano: a função pública da arquitetura", em MDC, n. 3, 2006.

Rogério Quintanilha é professor da FCT-UNESP e FEPP-UNOESTE, e doutorando FAU-USP.

Este Clássico da Arquitetura foi elaborado por um de nossos leitores e selecionado por nossa equipe editorial. Se você quiser compartilhar suas ideias em ArchDaily Brasil, nos escreva para colabore@archdaily.com.

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Joaquim Guedes
Escritório
Cita: Rogério Quintanilha. "Clássicos da Arquitetura: Caraíba / Joaquim Guedes" 10 Jun 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/768316/classicos-da-arquitetura-caraiba-joaquim-guedes> ISSN 0719-8906
Ler comentários
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.